Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8229
Tipo: Dissertação
Título: Efeito de borda na estrutura de fragmentos de floresta estacional semidecidual de diferentes tamanhos na bacia do Rio Paraopeba, MG
Edge effect on structure of semideciduous seazonal forest fragments of distinct size in the Paraopeba River basin, MG
Autor(es): Vieira, Luiza Mirian Goncalves
Abstract: A criação de bordas em um ambiente florestal pode modificar as condições climáticas locais, aumentar a mortalidade arbórea e promover o estabelecimento de espécies invasoras. A biodiversidade de fragmentos florestais perturbados é alterada e promove mudanças nos processos ecológicos. Ambientes com perturbações frequentes e repetitivas tendem a apresentar baixa diversidade quando comparados aos ambientes com baixos níveis de perturbação. O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento florístico e fitossociológico em dois fragmentos de floresta estacional semidecidual (FES), com tamanhos distintos, em Florestal, MG. Comparar a diversidade de espécies arbóreas entre os dois fragmentos para verificarmos se há influência do tamanho do fragmento em sua biodiversidade. Verificar a existência de um gradiente de decréscimo da luminosidade, temperatura e velocidade do vento e o aumento da umidade do ar e do solo e da fertilidade do solo no sentido borda-centro nos dois fragmentos de floresta, com influencia na composição de espécies arbóreas. E adição, relacionar a distribuição das espécies arbóreas de maior valor de importância com as variáveis ambientais. Nos dois fragmentos de FES foram demarcados transectos, abrangendo as bordas e o centro dos fragmentos, totalizando um hectare de área total em cada fragmento de mata. Em cada fragmento, ao longo dos transectos, foram demarcadas 50 parcelas de 10 x 20 m. Os dados de umidade relativa do ar, temperatura, luminosidade, velocidade do vento, umidade e fertilidade do solo foram coletados em todas as parcelas, nos dois fragmentos, ao longo dos transectos demarcados. Os indivíduos arbóreos com circunferência a altura do peito (CAP) ≥15 cm, foram identificados em nível de espécie e tiveram suas alturas e circunferências medidas. Foi realizada a análise de correspondência canônica (ACC) entre as espécies com número de indivíduos ≥10 em cada fragmento relacionando-as com as variáveis ambientais e fertilidade do solo a fim de verificar as correlações existentes. Foi aplicada a análise de variância para verificar possíveis diferenças entre os fragmentos e entre as regiões de borda e centro. O delineamento amostral foi em blocos inteiramente casualisados, sendo aplicado a posteriori o teste Tukey a 5% de significância utilizando o programa R. O número total de indivíduos foi de 2.399, com 107 espécies presentes na Mata da Piscicultura e 209 espécies na Mata do Quilombo, destas, 26 espécies são comuns aos dois fragmentos estudados. Não houve diferença significativa entre o índice de diversidade de Shannon-Wiener entre os dois fragmentos amostrados (Mata da Piscicultura: 4,23; Mata do Quilombo: 4,90). Na Mata da Piscicultura as parcelas de borda apresentaram maiores teores de P e Mg do que as de centro. Na borda da Mata do Quilombo foram encontrados maiores valores de P-Rem e Luz0 e Luz200 do que no centro. Porém, não foi encontrado um gradiente de variação das variáveis ambientais no sentido borda-centro. Apesar da ausência deste gradiente, o autovalor (>0,35) para o eixo 1 da ACC na Mata da Piscicultura e dos eixos 1 e 2 na Mata do Quilombo indicaram que a maioria das espécies não ocorrem em todo o gradiente ambiental e o alto valor de correlação espécie/ambiente encontrado na ACC (> 0,9) mostrou que a heterogeneidade do ambiente influenciou a distribuição de espécies arbóreas nos dois fragmentos.
Creation of edges in a forest environment may modify local climate, increase tree mortality, and promote the establishment of invasive species. The biodiversity of disturbed forest fragments is altered and induces changes in ecological processes. Environments with high disturbances or frequent and repetitive disturbances tend to have low diversity compared to environments with low disturbance. The objective of this study was to conduct a floristic and phytosociological survey in two fragments of semideciduous forest, with different sizes, in Florestal – MG, tocompare the diversity of tree species between these two fragments to verify the influence of fragment size in biodiversity; toverify the existence of a gradient of decrease luminosity, temperature and wind speed and increased air and soil humidity and soil fertility towards edge - center in the two forest fragments. In addition, correlate the distribution of tree species with the highest importance value with the environmental variables. Transects were marked in the two fragments of FES covering the edges and the inner regions of the fragments totalizing one hectare of total area in each forest fragment. In each fragment, fifty 10 x 20 m plots were marked along the transects. Data on air humidity, air temperature, luminosity, wind speed, soil moisture and soil fertility were collected from all plots in the two fragments along the marked transects. Individual trees with circumference at breast height (CBH) ≥15 cm were identified at the species level and had their height and circumference measured. Canonical Correspondence Analysis (CCA) was performed between species with individual numbers ≥10 and environmental and soil variables. An analyses of variance was performed to seek differences between the two fragments and between edges and inner regions. The experiment was arranged in a completely randomized block design and means were compared with the Tukey’s test at 5% probability level using the software R. The total number of individuals was 2,399, with 107 species in the Mata da Piscicultura and 209 species in the Mata do Quilombo. Of these, 26 species are common to both studies fragments. No difference was found for the Shannon-Wiener diversity index between the two fragments (Mata da Piscicultura: 4.23; Mata do Quilombo: 4.90). The edge plots in the Mata da Piscicultura had higher concentrations of P and Mg than inner plots. The edge plots in the Mata do Quilombo had higher P-Rem, Light0 and Light200 values than inner plots. There is no gradient of the environmental variables and soil fertility from edge to inner plots. Despite the lack of this gradient, the environmental heterogeneity influenced the distribution of species in the two fragments. However, it was not found a gradient of variation of environmental variables in the edge - center direction. Despite the absence of this gradient , the eigenvalue (> 0.35 ) to the axis 1 of ACC in Forest Fish farming and the axes 1 and 2 in Forest Quilombo indicated that most species do not occur in all the environmental gradient and high correlation value species / environment found in the ACC (> 0.9) showed that the heterogeneity of the environment influence the distribution of tree species in two fragments .
Palavras-chave: Ecologoia florestal
Florestas tropicais
Ecologia vegetal
Comunidades vegetais
Biodiversidade
CNPq: Ciências Biológicas
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: VIEIRA, Luiza Mirian Goncalves. Efeito de borda na estrutura de fragmentos de floresta estacional semidecidual de diferentes tamanhos na bacia do Rio Paraopeba, MG. 2016. 76f. Dissertação (Mestrado em Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8229
Data do documento: 29-Fev-2016
Aparece nas coleções:Manejo e Conservação de Ecossistemas Naturais e Agrários - CAF

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo3,91 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.