Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8339
Tipo: Tese
Título: Perda por evaporação durante a pulverização hidráulica em diferentes condições meteorológicas
Evaporation losses during hydraulic spraying in different meteorological conditions
Autor(es): Maciel, Christiam Felipe Silva
Abstract: As preocupações sobre a segurança no momento da aplicação de agrotóxicos induzem diversos estudos sobre perdas do produto químico aplicado. Dentre estas perdas, a evaporação e a deriva ganham destaques, sendo que as condições meteorológicas adversas favorecem estas perdas. Com estas preocupações, objetivou-se avaliar a interferência das condições meteorológicas no espectro de gotas produzido pela pulverização hidráulica e estimar as perdas por evaporação durante o trajeto das gotas pulverizadas até o alvo em diferentes condições meteorológicas. Para realização dos trabalhos, um sistema experimental foi construído. Para a análise do espectro de gotas, o sistema foi constituído por: analisador de partículas, ponta hidráulica (Jacto JSF 11002), pulverizador estacionário, aquecedor a gás, túnel de vento, câmara climática, com o objetivo de manter uma condição psicrométrica interna similar ao ar que saía do túnel de vento, bojo e sensores de temperatura e UR. Para a quantificação das perdas, o sistema experimental foi similar, entretanto, sem o analisador de partículas. As condições meteorológicas para ambos os trabalhos foram compreendidas pelos déficits de pressão de vapor (DPV) de 5; 9,4; 20; 30,6 e 35 hPa e velocidades do ar de 2; 3,6; 7,4; 11,2 e 12,8 km h-1. As estatísticas dos trabalhos foram realizadas através do Delineamento Composto Central Rotacional e os dados foram relacionados por meio da Metodologia de Superfície de Resposta. O vento provoca tão acentuada deriva das gotas finas, que afeta consideravelmente o comportamento de todo o espectro de gotas, além de atenuar o efeito do DPV. No entanto, pode-se concluir que gotas mais grossas também podem ser influenciadas pelo vento. O vento favorece a maiores perdas por evaporação, apesar de o DPV ser a variável mais importante neste processo físico. As perdas por evaporação são menores do que o potencial evaporativo do ar. Contudo, há perdas em todas as condições meteorológicas estudadas, mesmo nas consideradas mais favoráveis à pulverização, e em condições piores, foram observadas perdas de até 30%. Assim, deve-se buscar horários do dia com condições meteorológicas mais adequadas, com valores baixos de DPV, para reduzir ao máximo as perdas durante o percurso ponta-alvo.
Concerns about security at the time of pesticides application induce several studies of pesticides losses. Within these losses, evaporation and drift are very important, and adverse meteorological conditions favor these losses. The objective of this study is the interference of meteorological conditions on droplets spectrum produced by hydraulic spraying and estimate evaporation losses during the course of sprayed droplets until the target in different meteorological conditions. To carry out these works, an experimental system was built. For the droplet spectrum analysis, the system consisted of: particle size analyzer, nozzle (Jacto JSF 11002), stationary sprayer, gas heater, wind tunnel, climate chamber, for the purpose of maintain an internal psychometric condition similar to the air that was coming out of the wind tunnel, bowl and temperature and RH sensors. To quantify the losses, the experimental system was similar, but without the particle analyzer. The meteorological conditions for both works were comprised by vapor pressure deficits (VPD) of 5, 9.4, 20, 30.6 and 35 hPa and air velocities of 2, 3.6, 7.4, 11.2 and 12.8 km h-1. The work statistics were carried out by using the Central Composite Rotational Design and data were related through the Response Surface Methodology. The wind causes so pronounced drift of the finest droplets that affects the behavior of the entire droplets spectrum, in addition to attenuate the effect of VPD. However, it can be concluded that drift may act on the coarsest droplets. The wind favors higher evaporation losses; however, the VPD is the most important variable on this physical process. Evaporation losses are smaller than the air evaporative potential. However, there are losses in all meteorological conditions studied, even in the most favorable conditions considered to spray, and in the worst conditions, it was observed losses up to 30%. Thus, it is recommended to seek times of the day with appropriate weather conditions, with low values of VPD, to minimize losses during nozzle-target path.
Palavras-chave: Produtos químicos agrícolas - Aplicação - Influência do clima
Pulverização
Evaporação
Equipamentos agrícolas
CNPq: Engenharia Agrícola
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: MACIEL, Christiam Felipe Silva. Perda por evaporação durante a pulverização hidráulica em diferentes condições meteorológicas. 2016. 58f. Tese (Doutorado em Engenharia Agrícola) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8339
Data do documento: 3-Jun-2016
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,14 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.