Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8560
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributorTeixeira, Mauri Martins
dc.contributorFreitas, Francisco Cláudio Lopes de
dc.contributor.advisorFerreira, Lino Roberto
dc.contributor.authorPaixão, Gefferson Pereira da
dc.date.accessioned2016-09-14T12:09:08Z
dc.date.available2016-09-14T12:09:08Z
dc.date.issued2016-03-28
dc.identifier.citationPAIXÃO, Gefferson Pereira da. Caracterização de pulverizadores para aplicação de defensivos agrícolas na cultura do café. 2016. 44f. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.pt-BR
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8560
dc.description.abstractA menor eficiência proporcionada pelos pulverizadores tradicionais utilizados nas aplicações de produtos fitossanitários em cafeicultura de montanha, caso do costal manual e motorizado ou mesmo os estacionários com lanças acopladas, tem refletido no aumento da repetibilidade das aplicações, podendo apresentar maiores riscos de intoxicação do aplicador e contaminações ambientais. Diante do exposto, novas tecnologias e/ou adaptações de técnicas de aplicação já utilizadas em outras culturas, necessitam ser estudadas a fim de proporcionar aplicações com maior eficiência, ou seja, visando a colocação correta do produto biologicamente ativo no alvo, em quantidade necessária, de forma econômica e com o mínimo de contaminação. Objetivou-se, com esse trabalho, caracterizar dois pulverizadores, um costal pneumático motorizado (Atomizador) e um estacionário com barra porta bicos vertical (“Foguetinho”), para aplicação de produtos fitossanitários em café. A caracterização do espectro de gotas produzido pelos equipamentos foi realizada com auxílio do analisador de partículas em tempo real (Spraytech, Malvern Instruments Co.), sendo adotado como parâmetros, o diâmetro da mediana volumétrica (DMV) e a porcentagem do volume pulverizado com gotas de diâmetro inferior a 100 μm (%V<100 μm). Na ocasião os equipamentos foram regulados para a produção de gotas na classe fina (DMV 100 -175 μm). Na etapa de campo, os experimentos foram conduzidos no delineamento em blocos ao acaso (DBC), em esquema de parcelas sub-subdivididas com oito repetições, sendo a parcela representada por três alturas na planta (terços superior, médio e inferior), a subparcela por dois quadrantes (frontal e lateral) e a sub-subparcela por três profundidades (externa, mediana e interna). Dentre os parâmetros avaliados na caracterização dos pulverizadores, a densidade de gotas depositadas (gotas cm-2), as porcentagens de área coberta foram mensuradas por meio da análise das etiquetas de papeis hidrossensíveis distribuídas em todos os níveis dos fatores estudados, as quais, após a pulverização com água mais corante traçador, foram retiradas, digitalizadas e analisadas pelo software “GOTAS”. Para quantificar o parâmetro deposição (μL cm-2), ou seja, a quantidade do produto retido no alvo, coletou-se três folhas em cada tratamento e após serem lavadas, determinou-se as absorbâncias das soluções por espectrofotometria de absorção molecular. Na análise da densidade de gotas (gotas cm-2), o atomizador foi eficiente, independente da parte avaliada, sendo recomendado para aplicações que demandam maior distribuição da calda, característica dos produtos com ação de contato. Já o foguetinho apresentou, nas condições avaliadas, características favoráveis para aplicações de produtos fitossanitários de ação sistêmica. Os dois equipamentos proporcionaram maiores valores de depósito e cobertura nas partes externas do quadrante frontal das plantas, e os maiores valores observados para o foguetinho, são atribuídos ao volume de calda, 540 L ha-1, em relação à 261 L ha-1 utilizados com o atomizador.pt-BR
dc.description.abstractThe lower efficiency provided by traditional sprayers used in pesticides applications in mountain coffee, manual and motorized knapsack or even stationary with coupled spears, has reflected in increasing of the applications, resulting in higher risks of environmental contamination and intoxication of the applicator. Therefore, new technologies and/or adaptations of application techniques used in other cultures need to be studied in order to provide applications with greater efficiency, seeking the correct placement of biologically active product at the target, in sufficient quantity, economically and with minimal contamination. This study aimed to characterize the sprayers, pneumatic knapsack (atomizer) and stationary with vertical bar ("Foguetinho"), for the pesticides application in coffee. The droplet spectrum was performed using the particle analyzer in real time (SPRAYTECH, Malvern Instruments Co.) and the measured variables were volumetric median diameter (VMD) and the percentage of the volume sprayed with drops diameter less than 100 micrometers (% V <100 μm). At the time, the sprayers were adjusted to produce fine drops (DMV 100 -175 μm). The experiment was conducted in sub-subdivided parcel being in the parcel three heights on the coffee plants (upper, middle and lower thirds), in the subparcel two quadrants (front and side) and in the sub-subparcel three depths (external, median and internal) in randomized block experimental design with eight replications for the deposition, droplet density and coverage tests. The values of droplet density (drops cm-2) and coverage (%) were measured by analyzing the water sensitive paper labels distributed at all levels of the studied factors and after spraying from water with dye tracer, they were removed, scanned and analyzed by "GOTAS" software. To quantify the deposition (μL cm-2), were collected three leaves in each treatment and after being washed, the absorbance of solutions was determined by molecular absorption spectrophotometry. In analyzing the drop density, the atomizer was efficient, independent of the evaluated part of the plant, therefore, is recommended for applications requiring a greater distribution of the liquid spray, typical contact action with products. In the evaluated conditions, the “foguetinho” was favorable to application using systemic products. Both sprayers provided higher deposit and coverage on the external depths of the front quadrant. However, the highest values observed for the foguetinho are assigned to the spray volume 540 L h-1 with respect to the 261 L ha-1 used with the atomizer.en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológicopt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.rightsAcesso Abertopt-BR
dc.subjectEquipamentos agrícolaspt-BR
dc.subjectPulverizadores - Avaliaçãopt-BR
dc.subjectCafé - Cultivopt-BR
dc.titleCaracterização de pulverizadores para aplicação de defensivos agrícolas na cultura do cafépt-BR
dc.titleSprayers characterization for pesticide application in the coffee cultureen
dc.typeDissertaçãopt-BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/2052448387037139pt-BR
dc.subject.cnpqFitotecniapt-BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.degree.departmentDepartamento de Fitotecniapt-BR
dc.degree.programMestre em Fitotecniapt-BR
dc.degree.localViçosa - MGpt-BR
dc.degree.date2016-03-28
dc.degree.levelMestradopt-BR
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo881,18 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.