Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8847
Tipo: Dissertação
Título: Espécies lenhosas de leguminosae na estação ambiental de Volta Grande, Minas Gerais, Brasil
Wood leguminosae species at estação ambiental de Volta Grande, Minas Gerais, Brazil
Autor(es): Filardi, Fabiana Luiza Ranzato
Abstract: Este estudo relata o levantamento florístico e o estudo taxonômico de espécies lenhosas de Leguminosae na Estação Ambiental de Volta Grande, área situada na unidade fitogeográfica do Domínio do Cerrado, localizada na região do Triângulo Mineiro (20 o 00’S e 48 o 14’W). Foram registrados 41 táxons para a família. Caesalpinioideae reuniu 14 táxons pertencentes à 11 gêneros, sendo Senna, com quatro espécies o mais representativo, enquanto que os demais contaram apenas com uma espécie cada. Mimosoideae reuniu 13 táxons pertencentes à 10 gêneros: Enterolobium, Inga e Mimosa, com duas espécies cada foram os mais representativos, enquanto que os demais foram representados por apenas uma espécie cada. Papilionoideae reuniu 14 táxons pertencentes à 11 gêneros, sendo Machaerium e Acosmium, com três e duas espécies respectivamente, os mais representativos, enquanto que os demais contaram apenas com uma espécie cada. São apresentadas chaves de identificação, descrições e ilustrações para os táxons encontrados, abordando separadamente cada uma das três subfamílias. Dentre os táxons estudados, 27% são restritos ao Brasil, 49% à América do Sul, enquanto que 24% encontram-se amplamente distribuídos nos trópicos. Foi realizada uma análise de similaridade florística entre a área de estudo e outras 17 áreas pertencentes ao Domínio do Cerrado baseada na presença ou ausência de espécies lenhosas de Leguminosae. A análise de agrupamento, pelo método UPGMA, revelou padrões fitogeográficos reconhecidos para o Cerrado: áreas do Centro-Oeste formaram grupos distintos, assim como áreas de São Paulo e na região central de Minas Gerais. A elevada dissimilaridade entre as áreas do Triângulo Mineiro refletiu particularidades desta região, que pode apresentar semelhanças com a flora do Distrito Federal ou com a do estado de São Paulo. A Estação Ambiental de Volta Grande conta com espécies lenhosas de Leguminosae características do bioma Cerrado, tendo sido a quarta área em riqueza de espécies na presente análise.
This study reports the floristic survey and taxonomic study of the wood Leguminosae species at the Estação Ambiental de Volta Grande, a region situated at the Brazilian Cerrado, located in Triângulo Mineiro (20 o 00’S and 48 o 14’W). Forty one taxa were reported for the family. Caesalpinioideae were represented by 14 taxa belonging to 11 genera, with Senna, represented by four species the most representative, while the others were represented by only one species each. Mimosoideae were represented by 13 taxa belonging to 10 genera: Enterolobium Inga and Mimosa with two species each, were the most representatives, while the others were reported by only one species each. Papilionoideae were represented by 14 taxa, belonging to 11 genera, in which Machaerium with three species and Acosmium with two, were the most representatives, while the others were represented by only one species each. Identification keys, descriptions and illustrations are presented for the analyzed taxa. Among the analyzed taxa, 27% were restrict from Brazil, 49% from South America, while 24% has a broad geographic distribution. The cluster analyses performed among 18 sites of the Brazilian Cerrado, showed geographic patterns admitted for Cerrado: Centro-Oeste sites, São Paulo sites and central region of Minas Gerais sites gathered in specific groups with distinctive flora compounds. The pronounced dissimilarity between Triângulo Mineiro sites, pointed out the importance of this region for the biodiversity preservation in the State of Minas Gerais.
Palavras-chave: Taxonomia
Leguminosae
Triângulo Mineiro
CNPq: Ciências Biológicas
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: FILARDI, Fabiana Luiza Ranzato. Espécies lenhosas de leguminosae na estação ambiental de Volta Grande, Minas Gerais, Brasil . 2005. 137 f. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8847
Data do documento: 25-Fev-2005
Aparece nas coleções:Botânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo4,3 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.