Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/886
Tipo: Tese
Título: Estudo citogenético de quatro espécies de Triatominae (Hemiptera:Reduviidade)
Título(s) alternativo(s): Cytogenetic study in four species of Triatominae (Heteroptera-Reduviidade)
Autor(es): Santos, Silvia Menezes dos
Primeiro Orientador: Pompolo, Silvia das Graças
Primeiro coorientador: Lino Neto, José
Segundo coorientador: Mallet, Jacenir Reis dos Santos
Primeiro avaliador: Lopes, Denilce Meneses
Segundo avaliador: Freitas, Simone Patrícia Carneiro de
Abstract: A subfamília Triatominae possui descritas 141 espécies de triatomíneos (Juberg et al., 2009; Schofield & Galvão, 2009), sendo todas capazes de transmitirem o parasito Trypanosoma cruzi, agente etiológico da doença de Chagas. Embora nem todas as espécies apresentem importância epidemiológica como transmissores desse patógeno, muitas são consideradas vetores secundários ou ocasionais, como acontece com Triatoma vitticeps, Panstrongylus lutzi, Rhodnius pictipes e Rhodnius neglectus. Em geral, os Heteropteros são caracterizados citogeneticamente por possuírem cromossomos holocêntricos onde o centrômero não possui diferenciação morfológica, e encontra-se distribuído ao longo do cromossomo. Como verificado no presente trabalho, R. pictipes apresentou número diplóide de 22 cromossomos, com 20 autossomos e dois sexuais denominados de XY, que manteve o padrão típico da tribo Rhodninii. Em T. vitticeps os resultados encontrados corroboram com aqueles da literatura, onde essa espécie apresentou número diplóide de 24 cromossomos e o sistema sexual observado foi X1X2X3Y. O mesmo resultado foi encontrado em P. lutzi, a única espécie onde o sistema de cromossomos sexuais diferiu daqueles encontrados habitualmente neste gênero (X1X2Y). Os resultados encontrados nesse trabalho obtidos por bandeametno C, corroboram com a hipótese de que na Ordem Heteroptera os cormossomos apresentam pequenas quantidades de heterocromatina, e essas bandas são encontradas preferencialmente nas extremidades desses cromossomos. A partir deste estudo pode-se inferir que o maior nível de variação das características meióticas ocorreu em Triatoma, seguido de Panstrongylus, e a menor variação ocorreu em Rhodnius, que é um gênero bastante homogêneo em termos morfológicos e de comportamento meiótico. Estes resultados podem corroborar com a teoria de que Panstrongylus e Triatoma pertencentes a tribo Triatomiini, são gêneros mais próximos, e, por outro lado, divergentes de Rhodnius, tribo Rhodniini, de acordo com estudos realizados nos âmbitos molecular, enzimáticos, morfológicos e taxonômicos, assim como estudos ecológicos dentro da subfamília Triatominae.
The subfamily Triatominae possesses 141 reported species (Juberg et al., 2009; Schofield & Galvão, 2009), where all are capable of transmitting the parasite Trypanosoma cruzi, an etiological agent of Chagas disease. Although not all species present epidemiological importance as transmitters of this pathogen, many are considered secondary or occasional vectors, as occurs in Triatoma vitticeps, Panstrongylus lutzi, Rhodnius pictipes and Rhodnius neglectus. In general the Heteroptera are cytogenetically characterized by possessing holocentric chromosomes where the centromere do not show morphological differences, and are found distributed along the chromosome. As verified in the present study, R. pictipes presented a diploid number of 22 chromosomes, with 20 autosomes and two sex chromosomes denominated XY, which maintain the pattern typical for the tribe Rhodninii. In T. vitticeps the encountered results corroborate with those of literature, where this species presented a diploid number of 24 chromosomes and the observed sex system was X1X2X3Y. Results encountered in this study for C banding agreed with the hypothesis that in the order Heteroptera the chromosomes present small quantities of heterochromatin, and these bands are preferentially encountered at the extremities of these chromosomes. From this study it can be inferred that the greatest level of variation in the meiotic characteristics occurred in Triatoma followed by Panstrongylus, and the smallest variation occurred in Rhodnius which is a quite homogeneous genus in morphological terms and meiotic behavior. These results may corroborate with the theory that Panstrongylus and Triatoma belonging to the tribe Triatomiini, are the closest genera, and on the other hand, divergent of Rhodnius, tribe Rhodniini, according to the performed molecular, enzymatic, morphologic and taxonomic studies, as well as ecological studies within the subfamily Triatominae.
Palavras-chave: Citogenética
Heteroptera
Triatoma vitticeps
Rhodnius pictipes
Rhodnius neglectus
Panstrongylus lutzi
Cytogenetics
Heteroptera
Triatoma vitticeps
Rhodnius pictipes
Rhodnius neglectus
Panstrongylus lutzi
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::MORFOLOGIA::CITOLOGIA E BIOLOGIA CELULAR
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Ciência entomológica; Tecnologia entomológica
Programa: Doutorado em Entomologia
Citação: SANTOS, Silvia Menezes dos. Cytogenetic study in four species of Triatominae (Heteroptera-Reduviidade). 2010. 82 f. Tese (Doutorado em Ciência entomológica; Tecnologia entomológica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/886
Data do documento: 29-Set-2010
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,09 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.