Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8891
Tipo: Dissertação
Título: Leguminosae Adans. nos Campos Rupestres do Parque Estadual do Itacolomi, Minas Gerais, Brasil: florística, preferência por hábitat, aspectos reprodutivos e distribuição geográfica
Leguminosae Adans. in “Campos Rupestres” of the Itacolomi State Park, Minas Gerais, Brasil: floristic, habitat preference, reproductive aspects and geographical distribution
Autor(es): Dutra, Valquíria Ferreira
Abstract: Este trabalho consiste do estudo taxonômico da família Leguminosae dos Campos Rupestres do Parque Estadual do Itacolomi (PEI), da distribuição geográfica e preferência por hábitat dos táxons, da comparação dos hábitats encontrados, da análise da similaridade florística entre áreas de campo rupestre e de aspectos reprodutivos de algumas espécies. As coletas foram mensais, no período compreendido entre setembro de 2003 e outubro de 2004. A área de estudo abrangeu oito trilhas: Estrada de Cima, Estrada de Baixo, Morro do Cachorro, Baú, Calais, Tesoureiro, Serrinha e Sertão. Após as coletas, os materiais foram herborizados de acordo com as técnicas usuais e incluídos no acervo do Herbário VIC do Departamento de Biologia Vegetal, da Universidade Federal de Viçosa, duplicatas foram enviadas para os Herbários OUPR e RB. A determinação dos táxons específicos e infra-específicos foi realizada mediante literatura especializada, consultas a especialistas e visitas a herbários. Foram encontrados 46 táxons específicos e infra-específicos de Leguminosae, reunidos em 24 gêneros. A subfamília mais representativa foi Papilionoideae, com 28 táxons. Caesalpinioideae apresentou 10 táxons e Mimosoideae, nove. Os gêneros Chamaecrista, Mimosa e Desmodium foram os que mais se destacaram em número de táxons, com sete, seis e cinco, respectivamente. Foram elaboradas chaves para identificação dos táxons, além de diagnoses, ilustrações e comentários sobre a distribuição geográfica, fenologia e taxonomia dos mesmos. Dos 46 táxons estudados 67,4% possuem distribuição na América Tropical, destes, 58,1% são exclusivos da flora brasileira e 33,3%, endêmicos da Cadeia do Espinhaço. A comparação da flora de Leguminosae dos Campos Rupestres de Minas Gerais, Bahia e Goiás mostrou baixa similaridade entre essas áreas. Os táxons de maior ocorrência nos hábitats do PEI foram Dalbergia villosa var. villosa, Senna reniformis, Mimosa aurivillus var. calothamnos, Desmodium adscendens, Periandra mediterranea e Stylosanthes montevidensis. Entre os hábitats, os campos graminosos e os escrubes, ambos sobre filito, foram os mais similares nas análises de agrupamento. Esses hábitats também apresentaram a maior riqueza de espécies. Foi observada correlação positiva entre a floração e a precipitação e a maioria dos táxons, em que foi estudada a biologia floral, são melitófilos e apresentam auto-incompatibilidade espontânea.
This work consists of the taxonomic study of the Leguminosae family in “Campos Rupestres” of the Itacolomi State Park (PEI), the geographic distribution and taxon habitat preference, the comparison of the different habitats, the analysis of floristic similarity among areas of “Campos Rupestres” and reproductive aspects of some species. The collection was carried out monthly, from September 2003 to October 2004. The study area is comprised of eight tracks: “Estrada de Cima”, “Estrada de Baixo”, “Morro do Cachorro”, “Baú”, “Calais”, “Tesoureiro”, “Serrinha” and “Sertão”. Following field collection, the specimens were preserved according to usual techniques and included in the collection of the VIC Herbarium of the Departamento de Biologia Vegetal, at Universidade Federal de Viçosa, the duplicates were sent to OUPR and RB herbaria. Specific and infraspecific taxon determination was carried out by means of specialized literature, consultation with specialists and visits to herbaria. 46 specific and infraspecific taxons of Leguminosae, grouped into 24 genus, were found. The most representative subfamily was Papilionoideae, with 28 taxons. 10 taxons were Caesalpinioideae and nine Mimosoideae. The genus Chamaecrista, Mimosa and Desmodium stood out in terms of taxon number, with seven, six and five, respectively. Keys for taxon identification were developed, as well as diagnoses, illustrations and comments on the geographic distribution, phenology and taxonomy. Out of the 46 taxons studied, 67.4% are distributed in Tropical America, and out of these 58.1% are exclusively Brazilian flora and 33.3% endemic of Espinhaço Range. The comparison of the Leguminosae flora of “Campos Rupestres” in Minas Gerais, Bahia and Goiás showed low similarity among these areas. Taxons of frequent occurrence in PEI habitats were Dalbergia villosa var. villosa, Senna reniformis, Mimosa aurivillus var. calothamnos, Desmodium adscendens, Periandra mediterranea and Stylosanthes montevidensis. Among habitats, the “Campos Graminosos Secos” and “Escrubes”, both on philite, were the most similar by the cluster analyses. These habitats also presented the highest species wealth. Positive correlation between blossoming and rainfall was verified, and most taxons, in which the floral biology was studied, are melittophilic and show spontaneous self-incompatibility.
Palavras-chave: Leguminosa - Minas Gerais - Identificação
Leguminosa - Minas Gerais - Especimens típicos
Leguminosa - Minas Gerais - Distribuição geográfica
Leguminosa - Minas Gerais - Ecologia
Botânica - Espinhaço, Serra do (MG e BA)
Parque Estadual do Itacolomi (MG)
CNPq: Ciências Biológicas
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: DUTRA, Valquíria Ferreira. Leguminosae Adans. nos Campos Rupestres do Parque Estadual do Itacolomi, Minas Gerais, Brasil: florística, preferência por hábitat, aspectos reprodutivos e distribuição geográfica. 2005. 171 f. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8891
Data do documento: 21-Fev-2005
Aparece nas coleções:Botânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo3,31 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.