Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8995
Tipo: Tese
Título: Eficiência de absorvedor de oxigênio na conservação microbiológica de massa fresca tipo lasanha
Oxygen absorber efficiency on the microbiological preservation of fresh mass type lasanha
Autor(es): Cruz, Renato Souza
Abstract: O desenvolvimento dos microrganismos é, em geral, acelerado em ambientes nutritivos, com umidade e atividade de água elevadas e temperatura e potencial de oxirredução adequados, fatores que variam em cada microrganismo. Assim, os processos de conservação são baseados na modificação dessas condições, de modo que o meio se torne inadequado ao desenvolvimento da microbiota presente. Este trabalho objetivou avaliar diferentes níveis de oxigênio, obtidos através de absorvedores de O2 e atmosfera de N2 no crescimento dos fungos Aspergillus niger e Penicilium spp. Avaliou-se também a capacidade de absorção dos absorvedores de O2 em umidades relativas de 75, 80 e 85%, em temperaturas de 10 ± 2 e 25 ± 2 oC. A influência dos absorvedores de O2 no desenvolvimento de microrganismos em massa fresca de lasanha foi avaliada durante a estocagem a 10 ± 2 e 25 ± 2 oC. Suspensões com aproximadamente 5 x 102 UFC/mL dos fungos Aspergillus niger e Penicilium spp. foram inoculadas em meio batata-dextrose- ágar e incubadas em dessecadores hermeticamente fechados, com diferentes teores de oxigênio, obtidos pela injeção de nitrogênio 20,4; 5-7; e 0-1% e, ou, pela utilização de sachês absorvedores, em quantidades suficientes para atingir 5, 2 ou 1% de oxigênio. Notou-se que, em ambos os fungos, a concentração de 1% foi a que mais retardou o crescimento, tanto na atmosfera obtida por injeção de nitrogênio quanto na utilização de sachê. Foram determinadas as equações para predizer o tempo teórico de atividade do sachê, as quais reportaram o valor estimado do volume absorvido, relacionado com a umidade relativa e com a permeabilidade da embalagem. Na temperatura de 25 ± 2 oC, a equação é: V = -32,770+10,440*UR- 104,385*Ln(TPO2), com um R2 = 0,9151; na temperatura de 10 ± 2 oC, V=107,321+6,221*UR-105,166 Ln(TPO2), com um R2 = 0,8729. Dessa forma, o tempo de atividade pode ser determinado pela equação T = (V-Vi)/ (TPO2*A). Utilizando essa equação, o tempo de atividade do sachê quando armazenado a 10 oC foi de 435 dias e, a 25 oC, de 666 dias. Massas frescas de lasanha com e sem conservante foram produzidas para avaliação do efeito da presença do sachê absorvedor de O2 no desenvolvimento da microbiota da massa. Três tratamentos foram obtidos: massa com conservante, massa sem conservante envasada com sachê e massa sem conservante envasada sem sachê. Em todos os tratamentos, as massas foram envasadas a vácuo, distribuídas aleatoriamente nas temperaturas de 25 ± 2 e 10 ± 2 oC e avaliadas microbiologicamente, por meio da análise de fungos filamentosos e leveduras, Staphylococus spp., coliformes totais e E. coli. Nas massas armazenadas a 10 oC, todos os tratamentos foram eficientes em inibir o crescimento dos microrganismos avaliados durante 30 dias de armazenamento. No tratamento com absorvedor, no qual a massa não continha conservante, observou-se inibição de 1 e 1,5 ciclo logarítmico de fungos filamentosos e leveduras e Staphylococus spp., respectivamente, em relação aos outros tratamentos. Quanto a coliformes, não se verificou diferença entre os tratamentos.
The development of the microorganisms is, in general, accelerated in nutritious environments, with high humidity and water activity, temperature and oxi-reduction potential adequate, among other factors, varying for each microorganism the width of these conditions. So, the conservation processes are based on the modification of those conditions, so that the environment becomes inadequate to the development of the present microbiota. The present work aimed to evaluate different levels of oxygen, obtained through absorbers of O2 and atmosphere of N2 in the growth of the fungus Aspergillus niger and Penicilium spp. It was also evaluated the capacity of absorption of the absorvers of O2 in relative humidities of 75%, 80% and 85%, in temperature of 10±2oC and 25±2oC. The influence of the absorbers of O2 in the development of microorganisms in fresh pastry of lasagna was evaluated during the storage to 10±2oC and 25±2oC. Suspensions with approximately 5x102 UFC/mL of the fungus Aspergillus niger and Penicilium spp were inoculated in dextrose agar potato environment and incubated in tightly closed driers with different tenors of oxygen, obtained by the injection of nitrogen, 20,4, 5-7 and 0-1% and, or, for the use of absorbent bags, in enough amounts to reach 5, 2 or 1% of oxygen. It was observed that for both fungus, the concentration of 1%, was what more delayed the growth, so much in the atmosphere obtained by injection of nitrogen as in the absorbent bags use. The equations to predict the theoretical time of activity of the bags were determined, the ones which report the dear value of the absorbed volume related with the relative humidity and the permeability of the packing. For the temperature of 25±2oC the equation is: V=-32.770+10.440*UR-104.385*Ln(TPO2), with a R2 = 0.9151. For the temperature of 10±2oC the equation is: V=107.321+6.221*UR-105.166 Ln(TPO2) with a R2 = 0.8729. In that way the time of activity can be determined for the equation T = (V-Vi)/(TPO2*A). Using that equation, the time of activity of the bag when stored to 10oC was 435 days and at 25oC in 666 days. Fresh pastry of lasagna with and without conserver were produced. Three treatments were obtained, pastry with conserver, pastry without conserver wrapped with bags and pastry without conserver wrapped without bag. In all the treatments the pastries were wrapped under vacuum, being distributed randomly in the temperatures of 25±2oC and 10±2oC and evaluated microbiologicaly, through the analysis of filamentous fungus and yeasts, Staphylococus spp and total coliformes and E. coli. For the pastries stored to 10oC, all the treatments were efficient to inhibit the growth of the microorganisms appraised during 30 days of storage. In the treatment with absorber, in which the pastry didn't contain conserver, it was observed inhibition of 1 and 1.5 logarithmic cycles for the filamentous fungus and yeasts and Staphylococus spp, respectively, in relation to the other treatments. It was not observed any difference for coliformes, among the treatments.
Palavras-chave: Conservação
Microbiologia
Absorvedor de oxigênio
Embalagem
Macarrão massa fresca
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: CRUZ, Renato Souza. Eficiência de absorvedor de oxigênio na conservação microbiológica de massa fresca tipo lasanha. 2003. 53f. Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2003.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8995
Data do documento: 16-Dez-2003
Aparece nas coleções:Ciência e Tecnologia de Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo414,95 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.