Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/905
Tipo: Tese
Título: Contribuição à taxonomia e biogeografia do gênero Prepops Reuter, 1905 (Hemiptera: Miridae)
Título(s) alternativo(s): Taxonomic and biogeographic contributions in genus Prepops Reuter, 1905 (Hemiptera: Miridae).
Autor(es): Coelho, Lívia Aguiar
Primeiro Orientador: Ferreira, Paulo Sérgio Fiúza
Primeiro coorientador: Campos, Lúcio Antonio de Oliveira
Segundo coorientador: Dias, Lucimar Gomes
Primeiro avaliador: Molineri, Carlos
Segundo avaliador: Martins, David dos Santos
Terceiro avaliador: Serrão, José Eduardo
Abstract: Miridae representa uma das maiores famílias de insetos, com aproximadamente 11000 espécies descritas e compreende cerca de 25% de todos os Heteroptera. É um dos grupos de insetos mais importantes devido à grande diversidade de espécies, a sua ampla distribuição, aos diferentes hábitos alimentares e danos causados em plantas cultivadas. O gênero Prepops está inserido na subfamília Mirinae, tribo Resthenini. Possui 197 espécies distribuídas apenas no continente americano, desde o Canadá até a Argentina e algumas espécies são consideradas pragas de cultivos. Com o objetivo de contribuir para o conhecimento de Prepops Reuter, estudos taxonômicos e biogeográficos foram conduzidos nesta tese. Os resultados foram organizados em três artigos. No primeiro, foram registradas 14 espécies de Prepops para o estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Dentre elas, sete espécies se apresentam como novos registros e duas são novos táxons (P. cangussuensis e P. turvoensis). Para cada espécie foi apresentada a distribuição geográfica e diagnose. E por fim, uma chave de identificação regional foi apresentada. No segundo artigo, todas as referências de trabalhos publicados, distribuição geográfica, diagnose, plantas hospedeiras e ilustrações do hábito dorsal e genitálias foram preparadas para 58 espécies do gênero. E no terceiro artigo foi conduzida pela primeira vez uma análise biogeográfica com um gênero da subfamília Mirinae além de ser a primeira tentativa de usar dados de Miridae em um método qualitativo para identificar áreas de endemismo. A Análise de Redes reconheceu 14 unidades naturais de co-ocorrência (UCs) inseridas nos reinos Neártico e Neotropical. Algumas das UCs reconhecidas concordam (parcialmente ou totalmente) com áreas de endemismo tradicionais ou com a regionalização biogeográfica proposta por diferentes autores para diferentes táxons.
The Miridae (Hemiptera: Heteroptera) is one of the most species rich families of insects, with about 11,000 described species and comprises about 25% of the Heteroptera. It is one of the most important groups of insects due to the great diversity of species, wide distribution, the range of feeding habits and damage caused to crops. The Prepops genus lies in subfamily Mirinae, tribe Resthenini. Contains 197 species distributed only in American continent, from Canada to Argentina and a few species are pests in food crops. In order to contribute with the knowledge of Prepops Reuter, taxonomic and biogeographic studies were done in this thesis. The results were organized into three papers. In the first one, a total of fourteen species of Prepops genus were recorded from Rio Grande do Sul state, Brazil. New records include seven species. Two new species P. cangussuensis and P. turvoensis are described. For each species geographic distribution and diagnosis were presented. And ultimately, a key to Rio Grande do Sul species are provided to assist identification. The second paper brings for 58 Prepops species, all the published references, their geographic distribution, diagnosis, host plants and illustrations of dorsal habitus, male and female genitalia. And in the third paper, a biogeographic analysis was carried out for the first time in Mirinae subfamily. In addition, it was the first attempt to use data from Miridae in a qualitative method to identify areas of endemism. Network analysis recognized 14 natural units of cooccurrence (UCs), embedded in Neartic and Neotropic realms. Some of the UCs recognized agree (totaly or partially) with tradicional areas of endemism, or with biogeographic regionalization proposed by different authors for unlike taxa.
Palavras-chave: Prepops
Miridae
Resthenini
Biogeografia
Taxonomia
Análise de Redes
Prepops
Miridae
Resthenini
Biogeography
Taxonomy
Network Analysis
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ZOOLOGIA::TAXONOMIA DOS GRUPOS RECENTES
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Ciência entomológica; Tecnologia entomológica
Programa: Doutorado em Entomologia
Citação: COELHO, Lívia Aguiar. Taxonomic and biogeographic contributions in genus Prepops Reuter, 1905 (Hemiptera: Miridae).. 2012. 142 f. Tese (Doutorado em Ciência entomológica; Tecnologia entomológica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/905
Data do documento: 25-Fev-2012
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf4,24 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.