Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/9224
Tipo: Dissertação
Título: História evolutiva do gênero Pimelodella Eigenmann & Eigenmann, 1888 na região transandina e caracterização citogenética de uma população no alto magdalena, Colômbia
Integrative study of the genus Pimelodella Eigenmann & Eigenmann, 1888 in the trans-andean region
Autor(es): Conde Saldanã, Cristhian Camilo
Abstract: O gênero Pimelodella é um dos mais diversos da família Heptapteridae, com cerca de 71 espécies descritas, das quais, nove têm distribuição na região transandina. Entre estas, Pimelodella chagresi tem a distribuição mais ampla, considerada um complexo de espécies definido como um grupo polifilético. Os estudos integrativos das relações interespecíficas são escassos, e ainda a taxonomia e a validade das espécies na região são confusas, resultando numa subestimação da diversidade destes peixes. Este trabalho tem o objetivo de estudar as relações evolutivas e esclarecer a taxonomia do grupo através do uso de marcadores moleculares (mitocondriais e nucleares), análise de morfometria tradicional e merística. Adicionalmente, foi feita a caracterização citogenética de uma população que ocorre na bacia alta do rio Magdalena na Colômbia, empregando técnicas tradicionais (Giemsa e NOR) e de hibridação fluorescente in situ (FISH) usando sondas de DNA repetitivo, como microssatélites (CA 15 e GA 15 ) e as famílias multigênicas de RNA ribossomal (sondas 18S e 5S rDNA). Nossos resultados indicam que Pimelodella não representa uma unidade monofilética dentro da região transandina. As espécies avaliadas são definidas como grupos monofiléticos e as relações históricas foram inferidas. É detectada uma espécie não descrita que ocorre ao longo da bacia do rio Magdalena, historicamente reconhecida dentro do complexo P. chagresi. Esse complexo é restrito à bacia do rio Chagres, drenagens do pacífico no centro e oriente do Panamá. Neste trabalho é apresentado o primeiro estudo citogenético para o gênero na região transandina, indicando um número cromossômico diplóide 2n=50 (32m+14sm+4st) e um sistema cromossômico sexual simples XX/XY, onde o cromossomo heteromórfico Y revelou uma grande acumulação de diferentes domínios de DNA repetitivo. Os estudos históricos e biogeográficos da íctiofauna regional resultam em uma ferramenta importante pra inferir padrões de diversidade, e o estudo de padrões citogenéticos na avaliação populacional do gênero Pimelodella poderia contribuir no esclarecimento da taxonomia e as relações interespecíficas.
Pimelodella genus is one of the most diverse of Heptapteridae family with about 71 described species, of which nine have distribution in the trans-Andean region. Among these, Pimelodella chagresi has the widest distribution, considered a species complex defined as a polyphyletic group. Integrative studies of interspecific relations are limited, and the taxonomic status and validity of the species are confused, resulting in an underestimation of the diversity of these fishes. This work is developed with the aim of studying the evolutionary relationships and elucidates the taxonomy of group through the use of molecular markers (mitochondrial and nuclear), analysis of traditional morphometry and meristic counts. Additionally cytogenetic characterization of one population that occur in the Upper Magdalena Basin in Colombia was performed, using traditional techniques (Giemsa and NOR) and fluorescent hybridization in situ (FISH) through repetitive DNA probes, like microsatellites (CA 15 e GA 15 ) and ribosomal RNA multigene families (sondas 18S e 5S rDNA). Our results indicated that Pimelodella is not a monophyletic unit within the trans-Andean region. Species evaluated are defined as monophyletic groups and historical relationships were hypothesized. Here an undescribed species that occurs along the Magdalena River Basin was detected, historically recognized within the Pimelodella chagresi complex. This complex was restricted to the Chagres River Basin and Pacific drainages in central and eastern Panamá. We presented the first cytogenetic study for the genera in the trans-Andean region, indicating a diploid chromosome number 2n=50 (32m+14sm+4st) and differentiated simple sex chromosome system (XX/XY), where the heteromorphic chromosome Y revealed a large accumulation of different domains of repetitive DNA. The historical and biogeographic studies of regional ichthyofauna are an important tool to infer patterns of diversity, and study of cytogenetic patterns in the populational analysis of Pimelodella could contribute to the clarification of the taxonomy and interspecific relationships.
Palavras-chave: Pimelodella - Taxonomia
Marcadores moleculares
Cromossomos sexuais
CNPq: Taxonomia dos Grupos Recentes
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: CONDE SALDAÑA, Cristhian Camilo. História evolutiva do gênero Pimelodella Eigenmann & Eigenmann, 1888 na região transandina e caracterização citogenética de uma população no alto magdalena, Colômbia. 2016. 76 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Animal) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9224
Data do documento: 1-Nov-2016
Aparece nas coleções:Biologia Animal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,95 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.