Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.custom.ufv.br//handle/123456789/9735
Tipo: Dissertação
Título: Viabilidade de iscas artificiais e coleta manual na amostragem de comunidades de cupins (Insecta: Isoptera)
Viability of artificial baits and manual collection on the termites (Insecta: Isoptera) communities samplings
Autor(es): Assunção, Edivan Dias de
Abstract: Este trabalho teve como objetivo definir o método de coleta que minimize erros de amostragem em comunidades de cupins, reduzindo assim uma variação equivocada no número de espécies coletadas em diferentes locais. Dada a impossibilidade técnico- econômica de se coletar todos os indivíduos de um ecossistema, é necessário lançar mão de técnicas de amostragem. No caso de cupins, isto é problemático, pois os mesmos apresentam hábitos crípticos, forrageando sub- superficialmente no solo ou protegidos por túneis, o que dificulta sua localização no campo. Sendo assim, no presente trabalho, comparou-se dois métodos de amostragem, coleta manual e com iscas, com relação a rapidez na instalação, número de amostras contendo soldados, experiência prévia do amostrador e esforço para se atingir o número máximo de espécies; afim de definir, dentre os métodos testados, qual o mais viável. As iscas foram confeccionadas com esterco de bovino, por ser um material rico em celulose e de fácil obtenção. Na coleta manual, 4 amostradores foram utilizados para investigar prováveis pontos de forrageamento para cupins. Os resultados indicaram que o método de amostragem com iscas mostrou-se mais eficiente para estudos em ecologia que envolvam sub- grupos funcionais nas comunidades de cupins. O método da coleta manual foi mais indicado para levantamentos de espécies.
This work was carried out to outline the collection method that decrease samplings errors on the termites communities, reducing the equivocate variation on the numbers of specie collected in different places. Because of the technical and economical difficulty to collect all individuals of an ecosystem, it is necessary to use sampling methods. In the case of termites, that is problematic, because they show cryptic habits, foraging sub-superficially in the soil or protected by tunnels, what hinders its location in the field. In the present work, two sampling methods were compared, manual collection and baits collection, regarding the fastness in the installation, number of samples containing soldiers, previous experience of sampling device and effort to reach the maximum number of specie, in order to outline, among the tested methods, which is the most viable. The baits were made of bovine feces, because it is a material rich of cellulose and easy to obtain. In the manual collection, four sampling device were used to investigate the probable foraging areas of the termites. The results show that the sampling method with baits was more efficient for the ecology study that involve functional sub-groups in the termites communities. The manual collection method was the most indicate for the species surveys.
Palavras-chave: Cupins (Insecta:Isoptera)
Iscas Artificiais
Métodos de amostragem
CNPq: Ciências Biológicas
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: ASSUNÇÃO, Edivan Dias de. Viabilidade de iscas artificiais e coleta manual na amostragem de comunidades de cupins (Insecta: Isoptera). 2002. 34f. Dissertação (Mestrado em Entomologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2002.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9735
Data do documento: 28-Mar-2002
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo267,28 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.