Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/9783
Tipo: Tese
Título: Três ensaios sobre investimento direto estrangeiro no Brasil
Three essays on foreign direct investment in Brazil
Autor(es): Bittencourt, Geraldo Moreira
Abstract: Nas últimas décadas, especialmente a partir de 1990, a economia mundial passou por rápidas transformações que permitiram uma integração econômica sem precedentes. Na economia globalizada, o investimento direto estrangeiro (IDE) desempenha papel importante na modernização dos países emergentes, e continuam sendo tema de debate os fatores que explicam por que as empresas transnacionais se direcionam, por meio dos fluxos de IDE, a certo país ou região. Neste contexto, considerando o cenário de evolução do ingresso de investimento direto estrangeiro na economia brasileira, as particularidades institucionais do Brasil e dos seus parceiros investidores e os potenciais efeitos do IDE sobre a economia doméstica, surgem três questões principais a serem investigadas: quais os efeitos exercidos pela qualidade do ambiente institucional e sua heterogeneidade sobre o volume entrante de IDE no Brasil? Como os fatores transnacionais, da firma e do setor têm impactado o modo de estabelecimento do IDE na economia nacional? Qual o impacto do ingresso de investimento direto estrangeiro sobre o crescimento da atividade econômica nacional, levando-se em consideração a capacidade de absorção deste investimento pela economia brasileira? Para avaliar como a qualidade do ambiente institucional e sua heterogeneidade têm afetado a entrada de IDE no mercado brasileiro, no período de 1996 a 2012, foram feitas estimações de uma equação gravitacional para os fluxos de investimentos externos destinados ao Brasil, provenientes dos seus 31 principais parceiros investidores. Os resultados obtidos evidenciaram que o volume entrante de investimento externo no Brasil é positivamente afetado pela qualidade do ambiente institucional político-social e econômico-financeiro entre os países de origem e o Brasil. Além disso, a disparidade institucional econômico- financeira mostrou-se negativamente relacionada com o ingresso do capital externo. No caso da investigação sobre os fatores que influenciam a escolha do modo de estabelecimento do IDE no Brasil, foi elaborado um modelo analítico com dados para uma amostra de 160 subsidiárias de multinacionais estrangeiras instaladas na economia brasileira. Tal modelo buscou identificar, nesse processo de escolha estratégica entre investimentos greenfield e aquisições, a influência dos fatores ligados à firma, ao setor de atuação e às características específicas dos países de origem do IDE e do mercado hospedeiro brasileiro. Os resultados obtidos pela pesquisa mostram que o tamanho e o grau de autonomia da firma subsidiária estrangeira, o setor de atuação desta firma, o nível de atividade econômica do setor de destino, o risco do país hospedeiro (Brasil) e, ainda, as distâncias culturais e institucionais entre os países de origem do IDE e o Brasil foram estatisticamente significativas para explicar a escolha da forma de estabelecimento deste investimento estrangeiro na economia brasileira. Para averiguar de que forma as condições iniciais e a capacidade de absorção do IDE pela economia brasileira influenciaram os efeitos deste investimento externo sobre o crescimento econômico do país, no período de 1996 a 2014, foram feitas estimações com base no modelo VAR estrutural. Os principais resultados obtidos indicam que, para o ingresso de IDE alcançar um efeito positivo sobre o crescimento do produto interno bruto (PIB) brasileiro, é necessário que sejam atingidos níveis adequados das condições locais de infraestrutura, qualidade do ambiente institucional e desenvolvimento do capital humano.
Three essays on foreign direct investment in Brazil. Adisor: Leonardo Bornacki de Mattos. In recent decades, especially since 1990, the world economy underwent rapid changes that allowed an unprecedented economic integration. In the globalized economy, foreign direct investment (FDI) plays an important role in the modernization of emerging countries, and the factors that explain why transnational corporations are directed, through FDI flows, to a certain country or region remains a matter of debate. In this context, considering the evolution scenario of foreign direct investment inflow in the Brazilian economy, the institutional peculiarities of Brazil and its investment partners, and the potential effects of FDI on the domestic economy, there are three main issues to be investigated: what are the effects exerted by the quality of the institutional environment and its heterogeneity on FDI inflows in Brazil? As transnational factors, aspects of the firm and the sector have impacted the establishment mode choice of FDI in the national economy? What is the impact of foreign direct investment inflow on the growth of national economic activity, taking into account the absorption capacity of this investment by the Brazilian economy? To evaluate how the quality of the institutional environment and its heterogeneity has affected the entry of FDI in the Brazilian market in the period 1996-2012, estimation of a gravity equation for the flow of foreign investments to Brazil and from its 31 major investment partners were held. The results of this analysis showed that the volume of incoming foreign investment in Brazil is positively affected by the quality of the socio-political and economic-financial institutional environment between the countries of origin and Brazil. Moreover, the economic and financial institutional heterogeneity proved to be negatively related to the inflow of the foreign capital. In the case of research about the factors that influence the establishment mode choice of the FDI in Brazil, an analytical model was elaborated with data for a sample of 160 subsidiaries of foreign multinationals in the Brazilian economy. This model sought to identify, in this process of strategic choice between greenfield investments and acquisitions, the influence of factors related to the firm, the sector of activity and the specific characteristics of the FDI home countries and the Brazilian host market. The results obtained from the study suggest that the size and degree of autonomy of the foreign subsidiary company, the business sector of this firm, the level of economic activity of the target sector, the risk of the host country (Brazil) and also the cultural and institutional distances between the FDI home countries and Brazil were statistically significant in explaining the establishment mode choice of this foreign investment in the Brazilian economy. To evaluate how the initial conditions and the FDI absorption capacity by the Brazilian economy influenced the effects of this foreign investment on economic growth, in the period from 1996 to 2014, estimates were made based on structural VAR model. The main results indicate that for the FDI inflow reach a positive effect on gross domestic product growth (GDP) is necessary to achieve appropriate levels of the local conditions of infrastructure, quality of the institutional environment and developing human capital.
Palavras-chave: Investimentos estrangeiros - Brasil
Desenvolvimento econômico - Brasil
CNPq: Economia Internacional
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: BITTENCOURT, Geraldo Moreira. Três ensaios sobre investimento direto estrangeiro no Brasil. 2016. 125 f. Tese (Doutorado em Economia Aplicada) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9783
Data do documento: 7-Dez-2016
Aparece nas coleções:Economia Aplicada

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,08 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.