Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/9841
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributorSerrão, José Eduardo
dc.contributorPratissoli, Dirceu
dc.contributorZanuncio, Teresinha Vinha
dc.contributorMatos Neto, Fausto da Costa
dc.contributor.advisorZanuncio, José Cola
dc.contributor.authorFerreira, Ana Margarete Rodrigues Martins
dc.date.accessioned2017-03-21T18:02:44Z
dc.date.available2017-03-21T18:02:44Z
dc.date.issued2003-07-09
dc.identifier.citationFERREIRA, Ana Margarete Rodrigues Martins. Desenvolvimento e reprodução do predador Brontocoris tabidus (Heteroptera: Pentatomidae) em planta e presa no campo. 2003. 80f. Tese (Doutorado em Entomologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2003.pt-BR
dc.identifier.urihttp://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9841
dc.description.abstractAvaliou-se o desenvolvimento, reprodução e sobrevivência de Brontocoris tabidus (Signoret, 1852) (Heteroptera: Pentatomidae) em plantas de Eucalyptus cloesiana, visando sua criação massal em campo. Para o estudo da fase ninfal, esse predador foi mantido em sacos de organza (20 x 30 cm) envolvendo ramos de E. cloesiana e alimentado com pupas de Tenebrio molitor L., 1758 (Coleoptera: Tenebrionidae) ou, apenas com essa presa. A duração da fase ninfal de B. tabidus foi semelhante entre tratamentos com sobrevivência de 60% e 50% com e sem planta, respectivamente. Adultos obtidos de ninfas de B. tabidus em planta de E. cloesiana foram submetido aos tratamentos: (T1) T. molitor e planta de E. cloesiana e (T2) T. molitor. O peso de fêmeas de B. tabidus foi de 141,48 mg e de 114,71mg, com e sem planta, respectivamente. O número de fêmeas férteis de B. tabidus com planta foi aproximadamente 30% maior que apenas com presa e 50% do potencial reprodutivo desse predador foi registrado aos 40 e 25 dias com e sem planta, respectivamente. Brontocoris tabidus apresentou 325,10 ovos/fêmea, 8,65 posturas, 37,90 ovos/postura e 27,05 ninfas/postura, com presa e planta, com maiores valores que sem planta (87,85 ovos/fêmea, 3,93 posturas, 22,54 ovos/postura e 13,58 ninfas/postura). A longevidade de fêmeas e machos desse predador foi de 72,75 e 30,40 dias e de 54,45 e 19,50 dias com e sem planta, respectivamente. As taxas bruta e líquida de reprodução, a duração de uma geração, o tempo necessário para a população duplicar em número de indivíduos e a razão infinitesimal e finita de aumento populacional foram maiores para fêmeas em E. cloesiana. O melhor desempenho ninfal e reprodutivo de B. tabidus com planta no campo, indica que esse predador deva ser criado nessas condições. Além disso, devido às condições de criação, os indivíduos produzidos poderão apresentar melhor desempenho no ambiente onde serão liberados.pt-BR
dc.description.abstractThe development, reproduction and survival of Brontocoris tabidus (Signoret, 1852) (Heteroptera: Pentatomidae) were evaluated in plants of Eucalyptus cloesiana to rear this predator in the field. B. tabidus was maintained in organza bags (20 x 30 cm) involving branches of E. cloesiana and fed with Tenebrio molitor L., 1758 (Coleoptera: Tenebrionidae) pupae or, only with this prey during its nymph stage. The duration of the nymph stage of B. tabidus was similar between treatments with survival of 60% and 50% with and without plant, respectively. Adults obtained from nymphs of B. tabidus in plant of E. cloesiana were submitted to the treatments: (T1) T. molitor and plant of E. cloesiana and (T2) T. molitor. The weight of females B. tabidus was 141.48 mg and 114.71 mg with and without plant, respectively. The number of fertile B. tabidus females was approximately 30% higher with plant than only with prey and 50% of their reproductive potential was registered up to 40 and 25 days with and without plant, respectively. Brontocoris tabidus presented 325.10 eggs/female, 8.65 egg masses, 37.90 eggs/egg mass and 27.05 nymphs/egg mass with prey and plant with higher values than without plant (87.85 eggs/female, 3.93 egg masses, 22.54 eggs/egg mass and 13.58 nymphs/egg mass). The longevity of females and males of this predator was 72.75 and 30.40 days and 54.45 and 19.50 days with and without plant, respectively. Total and net reproductive rates, the duration of a generation, the time necessary for this predator to double its population in number of individuals and the infinitesimal and finite rates of population increase were higher for females of B. tabidus in E. cloesiana. Better nymph development and reproduction of B. tabidus with plant in the field indicates that this predator should be reared in these conditions. Besides individuals of B. tabidus produced in field conditions will be better adapted at the time of release.en
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológicopt-BR
dc.language.isoporpt-BR
dc.publisherUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.rightsAcesso Abertopt-BR
dc.subjectBrontocoris tabidus - Desenvolvimentopt-BR
dc.subjectBrontocoris tabidus - Reproduçãopt-BR
dc.subjectEucalyptus cloesiana - Efeito sobre a reprodução de Brontocoris tabiduspt-BR
dc.titleDesenvolvimento e reprodução do predador Brontocoris tabidus (Heteroptera: Pentatomidae) em planta e presa no campopt-BR
dc.titleDevelopment and reproduction of the predator Brontocoris tabidus (Heteroptera: Pentatomidae) with plant and prey in the fielden
dc.typeTesept-BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4878396341136043pt-BR
dc.subject.cnpqCiências Biológicaspt-BR
dc.degree.grantorUniversidade Federal de Viçosapt-BR
dc.degree.departmentDepartamento de Entomologiapt-BR
dc.degree.programDoutor em Entomologiapt-BR
dc.degree.localViçosa - MGpt-BR
dc.degree.date2003-07-09
dc.degree.levelDoutoradopt-BR
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo247,9 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.