Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/9844
Tipo: Dissertação
Título: Resposta comportamental de artrópodes em teia alimentar de tomateiro
Behavioral response of arthropods in a tomato food web
Autor(es): Sarmento, Renato de Almeida
Abstract: O efeito da liberação em campo de inimigos naturais com fins fitossanitários pode ser seriamente afetado por cada uma das interações que venham a ocorrer entre os organismos que compõem a teia alimentar na cultura do tomate. Portanto, é indispensável entender todas as interações que venham a ocorrer entre os membros do agroecossistema. Plantas podem produzir odores quando atacadas por herbívoros e estes odores podem ser utilizados pelos herbívoros para localizar a planta-hospedeiro ou ainda pelos inimigos naturais para encontrar esses herbívoros. Os estudos de comportamento são importantes para o entendimento das interações que ocorrem entre os organismos numa teia alimentar. Assim, o presente trabalho objetivou estudar as interações comportamentais entre os predadores Cycloneda sanguinea e Eriopis connexa (Coleoptera: Coccinelidae), que possuem destacado potencial para controle de pragas na cultura do tomate, e os herbívoros Myzus persicae (Homoptera: Aphididae) e Tetranychus evansi (Acari: Tetranychidae) que são pragas de importância econômica da cultura. Para acessar esses resultados foram utilizadas as técnicas de olfatometria e quantificação do comportamento de predação. Os resultados mostraram que T. evansi preferiu o ar limpo a plantas de tomate não infestadas e odores de plantas infestadas com co-específicos a odores de plantas limpas de tomate. A atratividade de T. evansi por plantas infestadas com co-específcos pode estar relacionada ao fato que plantas de tomate, se tornariam debilitadas e, conseqüentemente, seu sistema de defesa também. Esses odores podem ainda ter sido produzidos pelos próprios herbívoros para atrair seus co-específicos para o acasalamento. Foi sempre testado fêmeas no olfatômetro. C. sanguinea teve preferência pelo ar limpo a plantas limpas de tomate; preferiu plantas de tomate infestadas com o pulgão M. persicae a plantas limpas de tomate e preferiu plantas de tomate infestadas com T. evansi a plantas sem o herbívoro. A preferência de C. sanguinea por plantas infestadas por herbívoros mostra que esse predador utiliza os odores produzidos pela interação planta-herbívoro para localizar suas presas. Já a preferência pelo ar limpo indica que as plantas de tomate não infestadas por herbívoros não produzem odores atrativos a esse predador. O comportamento de predação de E. connexa foi semelhante para ambas as presas testadas (M. persicae e T. evansi). Apresentando resposta funcional do tipo III (sigmoidal) que tem sido sugerido como o único tipo de resposta funcional que pode explicar a regulação populacional de alguns artrópodes o que estaria associado a uma maior eficiência de aprendizagem por parte dos inimigos naturais.
The use of natural enemies for biological control can be seriously affected by interactions of organisms from a food web in tomato crops. Hence, it is essential to understand all interactions between individuals of an agrosystem. Plants can release odors when attacked by a herbivore. These same odors can be used by other herbivores to find a host plant or by natural enemies to find these herbivores. The behavioral studies are indispensable to understand the interactions between individuals of a food web. So, this research aimed to study the behavioral interactions among the predators Cycloneda sanguinea and Eriopis connexa (Coleoptera: Coccinelidae), both potential natural enemies to control pests in tomato crops, and the herbivores Myzus persicae (Homoptera: Aphididae) and Tetranychus evansi (Acari: Tetranychidae). These herbivores are important pests in tomato crops. We used olfactory techniques and predatory behavior measurement as approach to investigate the arthropods responses. The results showed that T. evansi prefers clean air than clean tomato plants and odors from tomato plants infested by conspecific than odors from clean tomato plants. The response could suggest that the mite prefers plants with their defense system weakened, explaining why T. evansi is more attracted by plants infested by conspecifics. T. evansi could also be attracted by the odors from conspecifics due to mating reasons. We always tested females in the olfactometer. C. sanguinea prefers clean air than clean tomato plants, tomato plants infested by the aphid M. persicae than clean tomato plants and tomato plants infested by T. evansi than clean tomato plants. The preference of C. sanguinea for infested tomato plants suggests that this predator uses the plant-herbivore odors to find its preys. The predator s preference for clean air shows that the plants do not produce odors that are attractive to the predator. The predatory behavior of E. connexa was similar for both prey (M. persicae and T. evansi). A functional response type III (sigmoidal) was found. This type of response is suggested to be the only one describing the population dynamics of some arthropods as predators, which could show a higher efficiency of learning by the natural enemies.
Palavras-chave: Controle biológico
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: SARMENTO, Renato de Almeida. Resposta comportamental de artrópodes em teia alimentar de tomateiro. 2003. 61f. Dissertação (Mestrado em Entomologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2003.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9844
Data do documento: 6-Mar-2003
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo529,24 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.