Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/9949
Tipo: Tese
Título: Potential, spatial distribution and sustainability of sugarcane-ethanol in Brazil: projections to 2030
Potencial, distribuição espacial e sustentabilidade da cana de açúcar-etanol no Brasil: projeções para 2030
Autor(es): Souza, Karina Rogério de Oliveira Viana
Abstract: The sugarcane-ethanol sector is very important for the Brazilian economy, as it contributes to the country’s GDP and generates a great number of jobs. In addition, it contributes to Greenhouse gas (GHG) mitigation by replacing fossil fuels. However, as this sector depends on a long term economic policy and is reason for socio-economic and environmental concerns, it has a future full of uncertainties. Therefore, the aim of this study is to identify, measure and assess these doubts to estimate ethanol demand and to assess the sustainable potential of sugarcane, of the current and future (2030) production, taking into account technical, economic and sustainability constraints. From a comparison of different projection models, the potential ethanol demand range for 2030 is defined. It is estimated that Brazil will demand 61.7 GL of EtOH in 2030, in the optimistic scenario, and 49 GL EtOH in the pessimistic scenario. Once demand is determined, the potentials of sugar cane ethanol production are calculated. A resource-focused assessment with a spatially explicit analysis is realized, using the geographic information system ArcGIS. The results for 2012 and 2030 scenarios, show that theoretically Brazil has a vast potential for sugarcane production, but when technical-economic constraints are taken into consideration, it significantly decreases. The same is true for the environmental and sustainable potential. Environmental criteria regarding the GHG emission reduction of and the protection of biomes are those that have the greatest impact on the reduction of the productive potential. For 2012 the highest sustainable potential for sugarcane is 0.76 EJ EtOH, but this can increase to 1.61 EJ EtOH towards 2030 if improvements happen in the fields and in industry. The results are lower than expected, but still represents sufficient production to meet the domestic demand. Concerning the increase in international market share, the results are not positive and suggest that Brazil will hardly have surplus in sustainable production for export, following assumptions made in this study.
O setor sucroenergético é muito importante para a economia do Brasil, pois tem participação importante no PIB nacional, e gera um grande número de empregos. Além disso, contribui para a mitigação de GEE por substituição de combustíveis fósseis. No entanto este setor por depender de uma politica economica de longo prazo, e estar no centro de muitas incertezas socioambientais e economicas, o seu futuro possuem muitas divergencias. Em função deste cenário, objetivo deste estudo identificar, medir e tratar estas cincertas de forma a permitir estimar a demanda de etanol e o potencial sustentável da cana-de-açúcar, da produção atual e futura (2030), levando em conta restrições técnicas, econômicas e de sustentabilidade. A partir de uma competição de diferentes modelos de projeção de etanol identificou-se a possível faixa de demanda de etanol para 2030 no Brasil. A qual está estimatidaentre 61,7 GL de EtOH em 2030, no cenário otimista, e 49 GL EtOH no cenário pessimista. Uma vez determinada a demanda, os potenciais são calculados. Por outro lado, a partir de uma avaliação focada em recursos, com o usode uma análise espacialmente explícita, e uso do sistema de informação geográfica ArcGIS, a partir do uso de restirções tecnicas, economicas e ambientais, projetou-se o potencial de produção de cana-de-acucar no Brasil. Os resultados, para os cenários de 2012 e 2030, mostram que, teoricamente, o Brasil tem um grande potencial para a produção de cana-de-açúcar, mas quando restrições técnicas e econômicas são levadas em consideração, este potencial diminui significativamente. O mesmo é observado para o potencial ambiental e sustentável. Critérios ambientais quanto a redução das emissões de gases do efeito estufa e proteção de biomas, são os que possuem maior impacto na redução do potencial produtivo. Para 2012, o maior potencial sustentável da cana-de-açúcar é 0,72 EJ EtOH, e pode chegar a 1,61 EJ EtOH até 2030, se melhorias ocorrerem nos campos e na indústria. Este valor projetado é muito inferior ao esperado, porém ainda representa produção suficiente para atender à demanda nacional. Quanto a participação no mercado internacional, os resultados não são positivos e sugerem que dificilmente o Brasil terá excedente de produção para exportação, seguindo as premissas do estudo.
Palavras-chave: Cana-de-açúcar
Agrocombustíveis
Cana-de-açúcar - Produção - Economia - Sustentabilidade
CNPq: Ciência e Tecnologia de Alimentos
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: SOUZA, Karina Rogério de Oliveira Viana,. Potential, spatial distribution and sustainability of sugarcane-ethanol in Brazil: projections to 2030. 2017. 74 f. Tese (Doutorado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2017.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/9949
Data do documento: 12-Jan-2017
Aparece nas coleções:Ciência e Tecnologia de Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo1,31 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.