Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1071
Tipo: Tese
Título: Avaliação de um fertilizante organomineral com atividade nematicida
Título(s) alternativo(s): Evaluation of an organic-mineral fertilizer with nematicidal activity
Autor(es): Ferreira, Paulo Afonso
Primeiro Orientador: Ferraz, Silamar
Primeiro coorientador: Lopes, Everaldo Antonio
Segundo coorientador: Freitas, Leandro Grassi de
Primeiro avaliador: Maffia, Luiz Antônio
Segundo avaliador: Paula Júnior, Trazilbo José de
Terceiro avaliador: Ribeiro, Antonio Carlos
Abstract: A torta de mamona possui excelentes propriedades no uso como fertilizante orgânico e no controle de nematoides parasitas de plantas, em virtude de seus altos teores de nutrientes e de ricina, composto tóxico aos fitonematoides. Pode-se usar este subproduto da extração do óleo em mistura com fertilizantes minerais, para aumentar os teores de nutrientes solúveis, resultando em um produto definido como fertilizante organomineral. A utilização deste fertilizante, visando ao controle de fitonematoides, é uma possibilidade inovadora e uma alternativa ao uso de nematicidas químicos, que podem causar vários problemas ambientais. No entanto, existe escassez de informações sobre: a forma de utilização destes produtos; as doses a serem aplicadas em diversas culturas; o período de tempo entre a aplicação e o transplantio das mudas; e o modo de ação do fertilizante organomineral sobre os nematoides. Assim, o trabalho objetivou: 1) aperfeiçoar a formulação do fertilizante organomineral a base de torta de mamona e palha de café (UFV-TMC10); 2) estudar formas de aplicação e doses do fertilizante organomineral a base de torta de mamona (UFV-TM100) no desenvolvimento de diferentes culturas e no controle de Meloidogyne spp.; e 3) determinar alguns mecanismos de ação do UFV-TM100 no controle de nematoides. A torta de mamona foi incorporada ao substrato em diferentes doses nos períodos de 7, 14 e 21 dias antes do transplantio das mudas de tomateiro. O substrato foi infestado com 5.000 ovos de M. javanica sete dias antes do transplantio e, após 60 dias, foram avaliados o desenvolvimento vegetativo do tomateiro e a população de nematoides. Em outro experimento, a torta de mamona foi aplicada por cobertura após 30 dias do transplantio das mudas de tomateiro. A incorporação da torta na dose de 10 g L-1 de substrato reduziu a população do nematoide e aumentou o desenvolvimento vegetativo do tomateiro. No entanto, este subproduto deve ser incorporado ao substrato no mínimo 14 dias antes do transplantio das mudas de tomateiro. A aplicação da torta de mamona por cobertura ao substrato não influenciou o desenvolvimento vegetativo das plantas de tomate. Em outro experimento foi estudado o efeito de doses e a forma de aplicação do UFV-TM100 visando ao desenvolvimento do tomateiro e ao controle de M. javanica. O produto foi aplicado no substrato para produção de mudas, em incorporação e por cobertura ao substrato de suporte das plantas. A aplicação do UFV-TM100 deve ser feita por incorporação mais por cobertura nas doses de 15 g L-1 de substrato e 15 g/planta, respectivamente, e aplicado ao substrato para produção de mudas na proporção de 2,5%. Desta maneira, o produto reduziu drasticamente a população do nematoide e aumentou o desenvolvimento vegetativo do tomateiro. Posteriormente, o UFV-TM100 foi incorporado ao substrato que recebeu 5.000 ovos de M. javanica e foi cultivado com as plantas de alface, pepino e banana em experimentos independentes. Além desses, o substrato infestado com M. exigua recebeu o produto e, após 14 dias, foram transplantadas mudas de cafeeiro. O UFV-TM100 reduziu a população de M. javanica e aumentou o desenvolvimento vegetativo das plantas de alface, pepino e da banana quando incorporado nas doses de 18, 15 e 30 g L-1 de substrato, respectivamente. A incorporação ao substrato do UFV- TM100 na dose de 12 g L-1 de substrato aumentou o desenvolvimento vegetativo do cafeeiro e reduziu a população de M. exigua. Por último, foram montados dois experimentos visando identificar em que fase do ciclo de vida de M. javanica o UFV-TM100 atua, além de analisar se o produto é capaz de aumentar a resistência do tomateiro a este nematoide. A aplicação do UFV- TM100 não alterou a resistência do tomateiro ao M. javanica; porém, o produto teve efeito direto sobre o nematoide quando está no substrato nos primeiros estádios de vida ovos e juvenis de segundo estádio. Assim, a aplicação do fertilizante organomineral é uma alternativa eficiente de controle de nematoides, além de aumentar o desenvolvimento das plantas.
The castor cake has excellent properties in use as organic fertilizer and plant parasitic nematodes control, because it has high levels of nutrients and ricin, a toxic substance to nematodes. Use of this oil extraction product mixed with mineral fertilizers increases the levels of soluble nutrients, resulting in a product defined as organic-mineral fertilizer. The fertilizer use in the nematodes control is an innovative possibility and an alternative to the use of chemical nematicides, which causes several environmental problems. However, there is little information on how to use these products, the doses to be applied to crops, the period of time between applications and transplanting of seedlings and the action mode of organic-mineral fertilizer on the nematodes. Thus, the study aimed 1) improve the formulation of organic-mineral fertilizer-based castor cake and coffee straw (UFV-TMC10); 2) to study application modes and doses of organic-mineral fertilizer-based castor cake (UFV-TM100) in the development of different crops and in Meloidogyne spp. control; and 3) to determine some action mechanisms of UFV-TM100 in nematodes control. The castor cake was incorporated into the substrate at different doses on days 7, 14 and 21 before transplanting of tomato seedlings. The substrate was infested with 5,000 eggs of M. javanica and after 60 days were evaluated vegetative growth of tomato and nematode population. In another experiment, the castor cake has been applied for coverage 30 days after transplanting of tomato seedlings. The incorporation of castor cake in the substrate at a dose of 10 g L-1 reduced the nematode population and increased the vegetative growth of tomato. However, this product should be incorporated into the substrate at least 14 days before transplanting of tomato seedlings. The application of castor cake for coverage did not influence the vegetative growth of tomato plants. In another experiment we studied the effect of dose and application mode of organic-mineral fertilizer for developing the tomato plants and the control of M. javanica. The product was applied to the substrate for seedling growing, substrate incorporation and coverage. The UFV-TM100 application should be made by incorporation into the substrate and covering at doses of 15 g L-1 and 15 g/plant, respectively, and applied to the substrate for seedlings growing at the rate of 2.5%. Thus, the product reduced the nematode population and the increased vegetative growth of tomato. Subsequently, the UFV-TM100 was incorporated into the substrate with 5,000 eggs of M. javanica and was cultivated with lettuce, cucumber and banana in independent experiments. Besides these, the substrate infested with M. exigua received the product and after 14 days, seedlings of coffee plants were transplanted. The UFV-TM100 reduced the M. javanica population and increased the vegetative growth of lettuce, cucumber and banana when incorporated into substrate at doses of 18, 15 and 30 g L-1, respectively. The substrate incorporation of UFV-TM100 at a dose of 12 g L-1 increased the vegetative growth of coffee plants and reduced the M. exigua population. Finally, two experiments were installed to identify where organic-mineral fertilizer acts in the life cycle of M. javanica and evaluate if the product can increase the tomato resistance for this nematode. The application of organic- mineral fertilizer did not alter the tomato resistance to M. javanica. However, the product has a direct effect on the nematode in the substrate in the early life stages eggs and second stage juveniles. Thus, the application of the organic- mineral fertilizer is an efficient alternative to nematodes control, besides increasing plant growth.
Palavras-chave: Nematoda em plantas
Nematoda-controle
Meloidogyne
Resíduos agrícolas
Plant nematodes
Nematode control
Meloidogyne
Agricultural waste
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOSSANIDADE::FITOPATOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Etiologia; Epidemiologia; Controle
Programa: Doutorado em Fitopatologia
Citação: FERREIRA, Paulo Afonso. Evaluation of an organic-mineral fertilizer with nematicidal activity. 2012. 86 f. Tese (Doutorado em Etiologia; Epidemiologia; Controle) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1071
Data do documento: 24-Jul-2012
Aparece nas coleções:Fitopatologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf965,18 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.