Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1613
Tipo: Tese
Título: Produção de girassol ornamental e rosas em vasos por influência da fertilização silicatada
Título(s) alternativo(s): Production of potted ornamental sunflower and roses under the influence of silicon fertilization
Autor(es): Zanão Júnior, Luiz Antônio
Primeiro Orientador: Venegas, Victor Hugo Alvarez
Primeiro coorientador: Neves, Júlio César Lima
Segundo coorientador: Grossi, José Antônio Saraiva
Primeiro avaliador: Costa, Antônio
Segundo avaliador: Leite, Roberto de Aquino
Abstract: A floricultura é uma atividade que vem crescendo no Brasil, com grande potencial econômico. A utilização de Si no cultivo de algumas plantas ornamentais em vasos em casa de vegetação tem proporcionado aumento na produção e qualidade do produto final. Também foi verificado que ele minimiza vários fatores de estresse aos quais as plantas estão sujeitas, tanto bióticos quanto abióticos. No entanto, a utilização desse elemento na produção de plantas ornamentais não é normalmente considerada, embora o elemento seja encontrado em quantidades limitadas nos substratos de cultivo ou na solução nutritiva em sistemas hidropônicos e isto seja grande indício de resposta à sua aplicação. Possíveis alterações fisiológicas e anatômicas proporcionadas por este elemento precisam ser avaliadas. Objetivou com este estudo avaliar a produção e a qualidade de duas cultivares de roseiras e uma cultivar de girassol ornamental cultivadas em vaso e possíveis alterações anatômicas foliares e nas trocas gasosas do girassol em resposta à aplicação de doses de Si no substrato. Em casa de vegetação, foram conduzidos dois experimentos, em delineamento de blocos ao acaso com quatro repetições. Em um, os tratamentos foram gerados pelo fatorial 2x5, composto por duas cultivares de roseira (Yellow Terrazza® e Red White Terrazza®) e cinco doses de Si (0; 0,25; 0,50; 0,75 e 1,00 g kg-1). No segundo ensaio foram avaliados os efeitos das mesmas doses de Si na produção de girassol ornamental cv. Sunbright e na anatomia foliar e nas trocas gasosas dessa espécie. A fonte de Si utilizada foi o metassilicato de K. Foram avaliados a altura das plantas, ciclo, produção, diâmetro e longevidade floral, teores foliares e conteúdo de Si, macronutrientes e micronutrientes. Para o estudo anatômico, amostras da região mediana da lâmina (compreendendo a nervura central) do sexto par de folhas a partir do ápice foram coletadas e análises morfométricas realizadas. Os tricomas da epiderme foram analisados usando-se as técnicas de diafanização e microscopia eletrônica de varredura acoplada a raios-X (MEV-EDS). Determinou-se a espessura da lâmina foliar, dos parênquimas paliçádico e lacunoso, do mesofilo e das faces abaxial e adaxial da epiderme. As trocas gasosas (taxa fotossintética líquida, condutância estomática e taxa de transpiração) foram determinadas na folha do quinto nó, no início do florescimento, com o auxílio de um analisador de gás no infravermelho (IRGA). Foi feita a análise de variância (ANOVA) dos dados ajustando-se equações de regressão para o efeito das doses de Si, testadas até o nível de 10 % de probabilidade. A aplicação de Si no substrato melhorou a produção e a qualidade das rosas e do girassol produzidos, porém a resposta das plantas variou com as doses de Si. As doses de Si para se obter 90 % da produção de matéria seca de flores obtida com a dose de máxima produção física foram de 0,423 g kg-1 para Yellow Terrazza®, 0,220 g kg-1 para Red White Terrazza® e 0,235 g kg-1 para o girassol. Os efeitos negativos do Si foram observados à partir das doses de 0,86 g kg-1 para Yellow Terrazza®, 0,55 g kg-1 para Red White Terrazza® e 0,66 g kg-1 para o girassol. Os teores foliares de Si aumentaram em função da dose de Si aplicada no substrato. A espessura dos tecidos foliares do girassol não foi influenciada pela aplicação do Si no substrato. Entretanto, houve redução da taxa de transpiração e aumento da taxa de fotossíntese líquida e condutância estomática em resposta às doses de Si. O girassol ornamental cv. Sunbright acumula Si nos tricomas foliares.
The Floriculture is an agricultural activity that is growing in Brazil and has a great economic potential. It is known that the use of Si in the greenhouse cultivation of potted ornamental plants has increased the ornamentals yield and improved the final quality of the products. Furthermore, Si plays an important role helping the plants to overcome many biotic and abiotic stresses. However, the use of this element in the fertilization of ornamental plant production is usually not considered. This happens even with Si being present in small amounts in the substrate or hydroponic nutrient solution used for ornamental plants growth and the positive response observed after its application for the plants. The aim of this study was to evaluate the yield of two rose cultivars and one ornamental sunflower cultivar grown in pots in response to Si-fertilization applied in the drench. It was also evaluated the effect of Si in the quality of the ornamental plants produced and the possible modifications in the foliar anatomy and the occurrence of gas exchange in the sunflower plants. In greenhouse, two experiments were conducted in randomized block design, with four replications. In one, the treatments were generated by a 2x5 factorial, with two rose cultivars (Yellow Terrazza® and Red White Terrazza®) and five doses of Si (0; 0,25; 0,50; 0,75 and 1,00 g kg-1) supplied as potassium metasilicate. In the other, it was evaluated the effect of the Si doses (supplied as potassium metasilicate) on yield, leaf anatomy and occurrence of gas exchange in the „Sunbright‟ ornamental sunflower species. The plant height, the culture cycle, the yield, the flower diameter and the longevity of pants were measured. It was determined the concentrations and contents of Si macronutrients and micronutrients in the leaves. Samples from the middle region of the blade in the sixth pair of leaves from xi the top (including midrib) were collected for the anatomical study based on the morphological characteristics. Theepidermis trichomes were analyzed using the clearing and scanning electron microscopy with X-ray microanalysis (SEM-EDS).The thickness of the leaf blade, of the palisade and spongy parenchyma, of the mesophyll, and of the abaxial and adaxial epidermis were measured. The gas exchange parameters, the net photosynthesis, the stomatal conductance and the transpiration rate were measured in the fifth pair of leaves, at the flowering stage, with an infra-red gas analyzer (IRGA). The Analysis of Variance (ANOVA) and regression analysis were performed with the equations adjusted for the variables studied as a function of the Si doses applied. The addition of Si in the drench increased the Si concentration in leaves, increased the yield and improved the quality of potted roses and sunflower, however, the plant response was variable according to the Si dose. The dose of Si necessary to produce 90% of flower dry matter and maximal physical yield was 0.423 g kg-1 for Yellow Terrazza® rose, 0.220 g kg-1 for Red White Terrazza® rose and 0.235 g kg-1 for the sunflower plants. The negative effects of Si were observed with doses above 0.86 g kg-1 for the Yellow Terrazza® rose, 0.55 g kg-1 for the Red White Terrazza® rose and 0.66 g kg-1 for the sunflower plants. Although the thickness of the leaf tissues of sunflower had not been altered by the dose of Si applied, as the dose of Si was raised it was observed an expressive diminishing in the transpiration rate, whereas the net photosynthesis and the stomatal conductance were increased. The ornamental sunflower cv. Sunbright accumulates Si in its leaf trichomes.
Palavras-chave: Pedogênese
Amazônia
Geoambientes
Relação solo-vegetação
Pedogenesis
Amazônia
Geoenvironment
Soil-vegetation relation
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,
Programa: Doutorado em Solos e Nutrição de Plantas
Citação: ZANÃO JÚNIOR, Luiz Antônio. Production of potted ornamental sunflower and roses under the influence of silicon fertilization. 2011. 77 f. Tese (Doutorado em Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1613
Data do documento: 3-Fev-2011
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf821,29 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.