Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/353
Tipo: Tese
Título: Comparação da anatomia e química de Lantana camara e L. radula e interação dessas espécies com Corynespora cassiicola
Título(s) alternativo(s): Comparison of the anatomy and chemistry of Lantana camara and L. radula and interaction of those species with Corynespora cassiicola
Autor(es): Passos, Juliana de Lanna
Primeiro Orientador: Barbosa, Luiz Claudio de Almeida
Primeiro coorientador: Barreto, Robert Weingart
Segundo coorientador: Meira, Renata Maria Strozi Alves
Primeiro avaliador: Picoli, Edgard Augusto de Toledo
Segundo avaliador: Demuner, Antônio Jacinto
Abstract: Considerando a similaridade entre L. camara e L. radula, e a conseqüente dificuldade em distingui-las quando somente amostras estéreis são avaliadas, neste trabalho foi investigado uso de características anatômicas das folhas de ambas as espécies como ferramentas para suportar sua correta classificação. Foram observadas diferenças no pecíolo e na lâmina foliar que apresentam idioblastos secretores em L. camara. Na espécie L. radula eram encontrados idioblastos cristalíferos na lâmina foliar. Os tricomas capitatos bem como a superfície abaxial são diferentes em cada espécie. Os estudos histoquímicos evidenciaram diferenças nos secretados dos três tipos de tricomas capitatos das duas espécies e nos idioblastos de L. camara. Os óleos essenciais foram evidenciados em todos os tipos de tricomas capitatos e nos idioblastos. Os componentes majoritários identificados no óleo essencial de L. camara são germacreno-D e E-caryophylleno e de L. radula são E-caryophylleno e fitol. Os ensaios biológicos demonstraram que o óleo de L. radula é mais eficiente que o de L. camara para inibir o crescimento do fungo Corynespora casiicola. O estudo comparativo da relação C. cassiicola/ Lantana spp. mostrou estar diretamente relacionadas ao hospedeiro. Observou-se o aparecimento de lesões 24 horas após inoculação e estas eram maiores em L. camara. A topografia da superfície abaxial de L. radula parece dificultar o reconhecimento pelo patógeno. Observou-se nas duas espécies a formação de apressórios e ocasionalmente as hifas penetraram estômatos sem alterações morfológicas evidentes. A penetração em L. camara e L. radula ocorre principalmente na superfície abaxial e a colonização intercelularmente ou intracelularmente. Verificou-se o espessamento de parede de células epidérmicas demonstrando uma reação a presença do fungo. O tecido lacunoso foi o mais afetado e houve rompimento e desorganização de células bem como foi verificado nas nervuras. O fungo atua como um agente necotrófico.
Considering the similarity between L. camara and L. radula, and consequently the difficult in distinguishing then when only sterile samples are available, in this work was investigated the use of anatomical characterists of the leaves of both species as a tool for suporting the correct classification. The differences were observed in the petiole and in the leaf blades that presented secretor idioblasts in L. camara. In the species L. radula were found crystalliferous idioblasts in the leaf blades. The capitate trichomes as well as the abaxial surface are different in each species. The histochemical study showed differences in the secretions composition of the three types of capitate trichomes for the two species and in idioblasts of L. camara. The essential oils were detected in all types of capitate trichomes and idioblasts. The main components identified in essential oil of L. camara are germacrene-D and E- caryophyllene and of L. radula are E-caryophyllene and phytol. The biological assays demonstrated that the oil of L. radula is more effective than the one from L. camara to inhibit the growth of the fungus Corynespora casiicola . The comparative study of the relation between C. cassiicola/Lantana spp. seem to be directly connected to the host. Injuries were observed 24 hours after inoculation and these were larger in L. camara. The topography of the abaxial surface of L. radula seems to make recognition by the pathogen difficult. The formation of appressorium in the two species was observed and occasionally hyphas penetrated the stoma without obvious morphological alterations. The penetration in L. camara and L. radula takes place mainly on the abaxial surface and the intercellular or intracellular colonization. The thickness of the epidermic cell walls that demonstrates a reaction to the presence of the fungus was verified. The spongy tissue was the most affected and there was breakage and disorganization of the cells as verified in the veins. The fungus acts like a necrotrophic agent.
Palavras-chave: Tricomas glandulares
Idioblastos
Histoquímica
Óleo essencial
Histopatologia
Glandular trichomes
Idioblasts
Histochemistry
Essential oils
Histopathology
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::BOTANICA::BOTANICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Botânica estrutural; Ecologia e Sistemática
Programa: Doutorado em Botânica
Citação: PASSOS, Juliana de Lanna. Comparison of the anatomy and chemistry of Lantana camara and L. radula and interaction of those species with Corynespora cassiicola. 2008. 93 f. Tese (Doutorado em Botânica estrutural; Ecologia e Sistemática) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/353
Data do documento: 21-Ago-2008
Aparece nas coleções:Botânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf6,36 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.