Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4607
Tipo: Dissertação
Título: Efeito de doses de potássio sobre índices de avaliação do estado de nitrogênio e produtividade de batata-semente básica em substrato orgânico e hidroponia
Título(s) alternativo(s): Effect of potassium doses on indices of assessing the state of nitrogen and yield of basic seed-potato in organic substrate and hydroponics
Autor(es): Tufik, Camila Borges Antonio
Primeiro Orientador: Fontes, Paulo Cezar Rezende
Primeiro coorientador: Cecon, Paulo Roberto
Segundo coorientador: Moreira, Marialva Alvarenga
Primeiro avaliador: Fontes, Renildes Lúcio Ferreira
Abstract: O objetivo do trabalho foi caracterizar o efeito de doses de potássio (K) sobre índices de diagnóstico do estado de nitrogênio (N) de plantas de batata em dois sistemas de produção: vasos contendo substrato orgânico e sistema hidropônico de três fases. Adicionalmente, objetivou-se determinar o teor crítico de K na matéria seca da folha de referência (quarta folha) e quantificar a dose ótima de K para a produção de minitubérculos de batata semente-básica nos dois sistemas de produção. Os sistemas constituíram do plantio de minitubérculos da cultivar Ágata, categoria básica G0 e tipo VI, em vasos contendo 3 dm3 do substrato orgânico BioPlant®, série Prata e do plantio de minitubérculos em vasos com capacidade para 8,5L contendo areia lavada sobre uma camada de 5 - 7 cm de argila expandida, em sistema hidropônico. Cada sistema foi um experimento. Os tratamentos em vaso contendo substrato orgânico foram constituídos por 5 doses de KCl (0; 660; 1320; 1980 e 2640 mg dm-3) e no sistema hidropônico os tratamentos foram 5 doses de K (0; 2,5; 5,0; 7,5 e 10,0 mmol L-1). No sistema onde foi utilizado o substrato orgânico, 20% das doses de N e K foram aplicadas em pré-plantio e os 80% restante foram divididas em 15 partes iguais e aplicadas diariamente, via água de irrigação a partir da emergência das plantas. No sistema hidropônico, a solução nutritiva contendo os tratamentos e os demais nutrientes foi fornecida diariamente desde a emergência das plantas e as fontes utilizadas foram KCl e KNO3. Os dois experimentos foram instalados em casa de vegetação. No experimento em substrato orgânico, nas determinações efetuadas na quarta folha, aos 21 dias após a emergência (DAE), a dose de K influenciou o índice de balanço de nitrogênio (NBI), número de folíolos (NFo), área foliar (AF), massas das matérias fresca (MF) e seca (MS). No experimento em sistema hidropônico, os índices na quarta folha influenciados por dose de K foram: SPAD, clorofila (CHL), NBI, NFo, comprimento (C), largura (L), massa da matéria fresca (MF) e seca (MS) e o teor de N-NO3 na seiva do pecíolo. Em ambos os experimentos, na determinação efetuada na quarta folha, aos 21 DAE, a dose de K não influenciou o teor de N na matéria seca. Nesta data, o teor ótimo de K na matéria seca da quarta folha foi 6,62 e 6,17 dag kg-1 para os sistemas em vasos com substrato orgânico e hidropônico, respectivamente. Em ambos os experimentos, houve efeito de dose de K sobre o número e massa da matéria de tubérculos frescos. No experimento em vaso contendo substrato orgânico, o valor máximo do número de tubérculos foi 15,95 e da massa de tubérculos frescos por planta foi 301,9 g, obtidos com a dose 0 mg dm-3 de KCl. No sistema hidropônico, a máxima produtividade por planta foi 48,41 tubérculos obtida com 6,15 mmol L-1 de K e a máxima massa da matéria fresca de tubérculos foi 646,6 g/planta, obtida com 6,13 mmol L-1 de K.
The purpose of this study was to characterize the effect of potassium doses (K) on diagnosis indices of the nitrogen state (N) of potato plants in two production systems: pots containing organic substrate and hydroponic system of three phases. Furthermore, this study aimed to determine the critical content of K in the dry matter of the reference leaf (fourth leaf) and quantify the optimal dose of K for the production of minitubercles of the basic seed in both production systems. The systems consisted of planting minitubercles from Ágata cultivar, basic category G0 and type VI in pots containing 3 dm3 of organic substrate BioPlant® Silver serie and minitubercle planting in pots with a capacity of 8.5 L containing washed sand over a layer of 5-7 cm of expanded clay, in hydroponic system. Each system was an experiment. The treatments in pot containing organic substrate consisted of 5 doses of KCl (0; 660; 1320; 1980 and 2640 mg dm-3) and in the hydroponic system the treatments were 5 doses of K (0; 2.5; 5.0; 7.5 and 10.0 mmol L-1). In the system where the organic substrate was used, 20% of N and K doses were applied in the pre-planting and the remaining 80% were divided in 15 equal parts and applied daily, by way of irrigation water from the emergency of plants. In the hydroponic system, the nutrient solution containing the treatments and other nutrients were provided daily since the emergence of plants and the sources utilized were KCl and KNO3. Both experiments were installed in a greenhouse. In the experiment in organic substrate, the determinations made in the fourth leaf at 21 days after the emergence (DAE), the dose of K influenced the nitrogen balance index (NBI), number of leaflets (NL), leaf area (LA), masses of fresh matter (FW) and dry matter (DM). In the experiment in hydroponic system, the indices in the fourth leaf influenced by dose of K were: SPAD, chlorophyll (CHL), NBI, NL, length (L), width (W), fresh mass (FW) and dry matter (DM) and N-NO3 content in petiole sap. In both experiments, at the determination performed in the fourth leaf at 21 DAE, the dose of K did not influence the N content in the dry matter. On this date, the optimal K content in the dry matter of the fourth leaf was 6.62 and 6.17 dag kg-1 for systems in pots with organic and hydroponic substrate, respectively. In both experiments, there was a dose effect of K on the number and mass of the matter of fresh tubercles. In the experiment in pot containing organic substrate, the maximum value of tubercles number was 15.95 and the mass of fresh tubercles per plant was 301.9 g, obtained with the dose 0 mg dm-3 KCl. In the hydroponic systems, the maximum yield per plant was 48.41 tubercles obtained with 6.15 mmol L-1 of K and maximum mass of fresh matter was 646.6 g/plant, obtained with 6.13 mmol L-1 of K.
Palavras-chave: Batata-semente
Potássio
Estado de nitrogênio
Substrato orgânico
Hidroponia
Seed-potato
Potassium
State of nitrogen
Organic substrate
Hydroponics
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de
Programa: Mestrado em Fitotecnia
Citação: TUFIK, Camila Borges Antonio. Effect of potassium doses on indices of assessing the state of nitrogen and yield of basic seed-potato in organic substrate and hydroponics. 2013. 101 f. Dissertação (Mestrado em Plantas daninhas, Alelopatia, Herbicidas e Resíduos; Fisiologia de culturas; Manejo pós-colheita de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4607
Data do documento: 12-Ago-2013
Aparece nas coleções:Fitotecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,48 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.