Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6591
Tipo: Dissertação
Título: Políticas de avaliação em larga escala e suas implicações para o trabalho docente em escolas públicas de Viçosa-MG
Assessment policies on a large scale and its implications for teachers' work in public schools in Viçosa-MG
Autor(es): Vieira, Raquel Arrieiro
Abstract: Este trabalho investigou as implicações de uma política de avaliação externa, Prova Brasil, no trabalho docente desenvolvido por professores do 5° ano do ensino fundamental de escolas públicas do município de Viçosa-MG. Diante disso, nos propusemos compreender a relação que o professor estabelece com a avaliação externa, com o seu trabalho de selecionar conteúdos (Português e Matemática), as metodologias de ensino e formas de avaliar, identificando, assim, os efeitos dos resultados da Prova Brasil e do IDEB na prática pedagógica desses profissionais. Mapeamos, também, o trabalho que vem sendo realizado pela Superintendência Regional de Ensino (SRE) sobre as avaliações externas, buscando compreender se as ações desenvolvidas junto às escolas são compartilhadas pelos docentes e especialistas. O lócus desta investigação foram três escolas públicas (duas municipais e uma estadual) e o órgão de gestão estadual. Para o desenvolvimento da pesquisa, utilizamos roteiros de entrevistas com perguntas criadas em função de duas categorias: “avaliação externa” e “trabalho docente”. Na análise dos dados, utilizamos a técnica “análise de Prosa”, delineada por André (1983), que nos permitiu compreender os significados e mensagens implícitas nas falas dos profissionais da educação básica sobre o trabalho docente no contexto das avaliações externas. Os resultados da pesquisa apontam que: as docentes têm o seu campo de atuação modificado pelas avaliações externas, pois elas trabalham em um contexto desfavorável, com sobrecarga de tarefas a serem desempenhadas, delineando, assim, uma nova lógica no seu ofício; os cursos de formação continuada, apesar de existirem, não conseguem atingir situações da prática cotidiana, pois os temas abordados nesses cursos não dão voz ao professor, sendo desenvolvidos de acordo com o que a SRE observa nas escolas e com questões que colaboram para a maior defasagem nos resultados das avaliações. Assim, percebe-se que as políticas de avaliação educacional mais exigem dos professores em termos de desempenho de seus alunos, do que proporcionam ao docente uma boa condição de trabalho.
This work investigated the implications of an external evaluation policy, Proof Brazil, in the teaching work developed by 5th grade teachers of public schools of the city of Viçosa-MG. Considering this, we proposed to comprehend the relation the teacher establishes with the external evaluation, with his work of selecting disciplines‟ contents (Portuguese and Mathematics), the teaching methodologies and evaluation ways, identifying, the effects of Proof Brazil and IDEB results in the pedagocial practice of these professionals. We mapped, also, the work has been made by the “Superintendência Regional de Ensino” (SRE) on the external evaluations, trying to comprehend if the developed actions on the schools are shared by teachers and specialists. The loci of this investigation were three public schools (two municipals and a state one) and the state sector (or state body). To this research development, we used interview scripts (directed to the 8 teachers and to the educational analyst) with questions created because of two categories: “external evaluation” and “teaching work”. In this data analysis, we used the “prose analysis” technic, outlined by André (1983), what allows us to comprehend the meanings and implied messages in the basic education professionals‟ speeches about teacher in the context of external evaluations. The results indicate that: teachers have their playing field modified by external evaluations, because they work in a unfavourable context, with overload of issues to do, defining a new logic in his work; the continuing education courses, despite their existence, can‟t reach daily life situations, in classroom, because the topics approach of these courses don‟t give voice to the teacher, been developed according to what SRE observes in the schools and with questions that contributes for a larger outdate in the evaluations‟ results. Thus, we notice that the educational policies more demand of the teachers in terms of their students‟ performance, for example, than allow them good working condition.
Palavras-chave: Avaliação educacional
Educação de base
Professores - Avaliação
Educação e estado
CNPq: Educação
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: VIEIRA, Raquel Arrieiro. Políticas de avaliação em larga escala e suas implicações para o trabalho docente em escolas públicas de Viçosa-MG. 2014. 122 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6591
Data do documento: 18-Jun-2014
Aparece nas coleções:Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdfTexto completo2,27 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.