Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/6618
Tipo: Dissertação
Título: Atitudes, normas subjetivas e controle comportamental percebido de uma população universitária em relação ao consumo de água: análise à luz da Teoria do Comportamento Planejado (TPB)
Attitudes, subjective norms and perceived behavioral control of a university population in relation to water consumption: analysis based on the Theory of Planned Behavior (TPB)
Autor(es): Gomide, Camila Sant’Anna
Abstract: Diante do crescimento populacional e da dinâmica do consumo, esta pesquisa pretendeu estudar o comportamento do consumidor em relação à água, recurso esse que, devido ao mau uso e às condições climáticas, tornou-se insuficiente para atender à demanda da população. Analisando os contextos nos quais o comportamento de consumo de água poderia ser estudado, este trabalho teve como foco a população da Universidade Federal de Viçosa (UFV), incluindo professores, alunos e técnicos. O comportamento do consumidor foi estudado com base na Teoria do Comportamento Planejado (TPB), a qual propõe uma função de comportamento que depende de três constructos: atitudes; normas subjetivas e controle comportamental percebido. Este estudo foi de caráter eminentemente descritivo, classificando-se como estudo de campo e envolvendo abordagens quantitativa e qualitativa. A coleta de dados ocorreu nos meses de junho a julho de 2014 e, inicialmente, foram realizadas 20 entrevistas semiestruturadas com integrantes da população da UFV para diagnosticar as crenças salientes dos constructos dessa teoria. Essas entrevistas foram analisadas por meio da análise de conteúdo, a qual permitiu desenvolver categorias que deram base à construção dos questionários. Por conseguinte, realizou-se pesquisa telematizada, em que foi enviado um link do Google Docs que continha o questionário para o público responder. Esse link foi enviado por email para toda população da UFV. Obteve-se 1.152 questionários respondidos, que foram analisados com auxílio do Software R. A princípio, foram realizadas as seguintes análises: dados perdidos, outliers, normalidade, multicolinearidade, análise fatorial dos contructos e confiabilidade. Essas análises foram realizadas para compreender os dados antes que os mesmos fossem submetidos à análise descritiva e à análise fatorial confirmatória. Por meio das análises realizadas pôde-se notar que, à época da pesquisa, a população não adotava medidas para a redução do próprio consumo de água, além de que não era incentivada a fazer isso e que, por sua vez, era percebida pouca disponibilidade de informação por ix parte da UFV e dos órgãos responsáveis do município, uma vez que somente em outubro de 2014 as campanhas foram intensificadas nesse âmbito e foi implementado o racionamento de água nos bairros do município de Viçosa. Por meio da análise fatorial confirmatória foi possível diagnosticar que, ao pensar em reduzir o consumo de água, o público é predominantemente influenciado a adotar esse comportamento. Em relação às normas subjetivas, a família apareceu com maior probabilidade de incentivar a redução do consumo de água, seguida dos amigos. Segundo os participantes, os vizinhos não incentivariam essa redução. No constructo controle comportamental percebido foi possível notar uma contradição nas respostas dos participantes ao serem questionados se estímulos como campanhas, leis, reportagens interferem na redução do seu consumo de água. Essa contradição ocorreu porque os que participaram das entrevistas semiestruturadas relataram que esses estímulos os influenciariam, e os que responderam aos questionários marcaram as opções que demonstravam que esses incentivos não iriam influenciar sua redução. Pode-se pressupor que, como no momento da pesquisa o público ainda não tinha tido contato intenso com campanhas, fiscalizações e outros estímulos, ao serem questionados por meio de perguntas fechadas, a tendência é a não valorização desses meios, uma vez que a falta de água no município foi agravada em outubro deste ano. Para compreender o porquê de esses incentivos não serem percebidos pelo público sugere- se uma revisão das campanhas realizadas e aconselha-se maiores incentivos em meios de comunicação mais eficazes, uma vez que os participantes relataram que as campanhas podem ser divulgadas em meios de comunicação online, os quais ainda não são utilizados para esse fim. Por ter explorado uma área pouco estudada envolvendo a TPB e o comportamento do consumidor em relação à água, espera-se que esta pesquisa sirva de base para outros estudos, ações governamentais e para o próprio desenvolvimento de campanhas para redução do consumo de água.
Given the population growth and consumption dynamics, this research intended to study consumer behavior in relation to water, which appeal due to misuse and climatic conditions, has become insufficient to population demand. Analyzing the contexts in which the behavior of water consumption could be studied, this work focused on the population of the Federal University of Viçosa (UFV), including professors, students and technicians. Consumer behavior has been studied based on the Theory of Planned Behavior (TPB), which suggests a role of behavior that depends on three aspects: attitudes; subjective norms, and perceived behavioral control. This study was essentially descriptive, being classified as field study, involving qualitative and quantitative approach. Following the guidelines of the TPB, initially 20 semistructured interviews with people the UFV were applied to diagnose the salient beliefs of the constructs of this theory. These interviews were analyzed using content analysis, which allowed developing categories that provided the basis for the construction of the questionnaires. Therefore, we performed a telematic research, it was sent a link from Google Docs that contained the questionnaire for the public to respond. This link was emailed to the entire population of UFV. Yielded 1,152 completed questionnaires, which were analyzed using the software R. Initially the following analysis: missing data, outliers, normality, multicollinearity, factor analysis and reliability contructos. This analysis was performed to understand the data before it was submitted to descriptive analysis and confirmatory factor analysis. Through this study it was possible to note that these people do not adopt measures to reduce their consumption, because they are not encouraged to do it once UFV and the responsible organs of the municipality provide very little information about it. Furthermore, it was possible to diagnose the audience is predominantly influenced to adopt the behavior of consumption by attitude, which refers to the positive and negative factors according to their past experiences. Regarding subjective norms, the xi family appeared most likely to encourage the reduction of water consumption, followed by friends. According to participants, the neighbors would not stimulate this reduction. In the construct perceived behavioral control there was a contradiction in the responses of participants when asked if the stimuli as campaigns, laws, news, intervene to reduce its water consumption as in semistructured interviews they reported that these stimuli would influence them, but in questionnaires they scored the options reporting that these incentives would not influence its reduction. It might be assumed that as at the time of the survey the public still did not have contact with strong campaigns, laws and other stimuli, when questioned by the tendency of closed questions these means are not valued. At this point, it is suggested stronger incentives in more effective means of communication, since the participants reported that campaigns can be posted in online media, which are not yet used for this purpose. However, this research has inputs for the development of future research, which can diagnose the best way to introduce campaigns for water saving, monitoring the preparation, implementation and control of these campaigns.
Palavras-chave: Comportamento humano
Universidade Federal de Viçosa
Água - Consumo
CNPq: Administração Pública
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: GOMIDE, Camila Sant’Anna. Atitudes, normas subjetivas e controle comportamental percebido de uma população universitária em relação ao consumo de água: análise à luz da Teoria do Comportamento Planejado (TPB). 2014. 82 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/6618
Data do documento: 15-Dez-2014
Aparece nas coleções:Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdfTexto completo1,36 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.