Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/709
Tipo: Tese
Título: Análise ergonômica do trabalho em um frigorífico típico da indústria suinícola do Brasil
Título(s) alternativo(s): Ergonomic analysis of work conducted in a typical pig industry frigorific in Brazil
Autor(es): Evangelista, Wemerton Luis
Primeiro Orientador: Tinôco, Ilda de Fátima Ferreira
Primeiro coorientador: Baêta, Fernando da Costa
Segundo coorientador: Souza, Amaury Paulo de
Primeiro avaliador: Minette, Luciano José
Segundo avaliador: Gonçalves, Rogério Amaro
Abstract: As empresas têm buscado cada vez mais estratégias que lhe garantam uma posição mais competitiva no mercado de atuação. Entre as estratégias adotadas destacam-se a saúde e bem estar do trabalhador, fatores atualmente valorizados por consumidores, principalmente aqueles de mercado mais exigentes. Com isso, o estudo da ergonomia passa ser de grande interesse, uma vez que se trata de um conjunto de ciências e tecnologias que procuram a adaptação confortável e produtiva entre o ser humano e seu trabalho, buscando adaptar as condições de trabalho às características do homem. Objetivou-se então com este trabalho realizar, em um caso específico de um frigorífico típico da indústria suinícola do Brasil, uma análise ergonômica do trabalho, onde após realizar um diagnóstico do perfil dos trabalhadores da empresa, buscou-se avaliar a carga física de trabalho, os fatores ambientais (térmicos, acústicos e de iluminação), finalizando com uma analise biomecânica e postural seguida de propostas que minimizem e/ou eliminem os riscos diagnosticados, quando necessário, levando em consideração a aplicação das Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego. A coleta de dados se deu através de um questionário aplicado a uma amostra de funcionários dos setores avaliados e de medições e avaliações das tarefas envolvidas, durante os meses de dezembro de 2010 a fevereiro de 2011. Com a coleta e análise de dados pôde-se perceber que a maioria dos funcionários, 56,7% deles, considera seu trabalho monótono e repetitivo ou pesado, sendo que seria interessante que a empresa intensificasse sua política de rodízio de funções dentro de um mesmo setor, principalmente na sala de cortes, onde a maioria deles, 34,5% dos entrevistados, responderam que gostariam de mudar de atividade dentro do setor. Em relação ao período de sono diário, a maioria dos entrevistados, 71,6% considera que ele seja insuficiente, pois permanecem com sono no horário de trabalho e alegam que o principal motivo dessa falta de qualidade no sono seria o cansaço noturno ocasionado pelo trabalho exaustivo durante o dia. Ao serem perguntados sobre as dores no corpo, 20,9% responderam que possuem dores nas pernas, 19,4% possuem dores nas costas, 16,4% possuem dores nos braços e nas mãos e que 14,9% reclamam de dores no ombro. Apenas 2,9% dos entrevistados responderam que não possuem dor alguma no corpo. O principal motivo relacionado às dores no corpo é mencionado pelos trabalhadores como sendo o movimento repetitivo. A operação de maior exigência física entre todas as atividades avaliadas na empresa foi a de descer vísceras, localizada no setor de abate (zona limpa), que apresentou uma carga cardiovascular (CCV) de 33,93%, porém também abaixo do valor considerado limite conforme metodologia de Apud (1989), que é de 40%. Todos os valores de IBUTG para as atividades do setor de abate (zona suja) e abate (zona limpa) permaneceram acima dos valores limitados pela NR 15. Já em relação aos demais setores pôde-se observar que a temperatura média desses não variou muito, uma vez que a temperatura do ambiente era controlada e sempre abaixo do limite inferior da zona considerada de conforto, de 20ºC, o que já se esperava por se tratar de indústria alimentícia. Apesar dos valores obtidos para os níveis equivalentes de ruído, Leqs em muitos dos postos de trabalho serem superiores ao limite considerado pela NR 15 (1978), 85 dB (A) para 8 horas de trabalho, todos os trabalhadores faziam o uso do protetor auricular, cuja atenuação do ruído é de 14 dB (A) segundo informação do fabricante, o que faria com que os valores obtidos permanecessem inferiores aos 85 dB (A).Torna-se portanto interessante a verificação dessa atenuação de ruído pela empresa frigorífica. Os trabalhadores que realizavam as tarefas de raspagem geral do suíno e chamuscar do setor de abate (zona suja), as de arrastar as carcaças do setor de equalização, e as do setor de corte relacionadas à linha da paleta, estão sujeitos a um desconforto visual provocado pela insuficiência de iluminação nesses postos de trabalho. No que diz respeito à biomecânica, a postura do trabalhador analisada durante a atividade de puxar a paleteira no setor de expedição mostra que ninguém consegue desempenhar essa atividade sem oferecer risco de lesão à articulação do tornozelo e que somente 4% de trabalhadores são capazes de desempenhá-la sem risco de lesão à do joelho. Todas as atividades que foram avaliadas apresentaram forças de compressão no disco L5/S1 inferiores ao limite de 3.400 N. Em relação à análise postural as atividades de lançar o pacote de carne para a caixa de armazenamento, de bater caixa no setor de embalagens secundárias, as de empurrar o carrinho com carne (matéria-prima) para o embutimento das lingüiças no setor de cortes especiais e a de encher caixas para expedição foram classificadas na categoria 4, o que indica uma ação corretiva imediata. Já as atividades de empurrar suínos abatidos após máquina de depilação no setor de abate (zona suja), de arrastar carcaças da sala de equalização, as relacionadas a desossa (retirar paleta da esteira central, retirar e puxar o osso da paleta) no setor de corte, a de retirar o pacote com carne da esteira no setor de embalagens secundarias, as de bater caixa, de montar paletes e puxar paleteira para o interior das carretas foram classificadas na categoria 3, o que significa que necessitam de atenção a curto prazo. Todas as demais atividades foram classificadas na categoria 2 ou 1, indicando respectivamente uma verificação a longo prazo ou não sendo merecedoras de atenção.
Companies have increasingly sought strategies that will ensure a more competitive position in market performance. Among the strategies adopted, should be highlighted the health and welfare of the workers, factors currently valued by consumers, especially those more demanding market. Thus, the study of ergonomics is to be of great interest, since it is a set of science knowledge and technology seeking comfortable and productive fit relationship between human beings and their work, aiming to adapt working conditions to the characteristics of man. The objective of the study carried out was to conduct an ergonomic analysis of the work, in a specific case of a typical refrigerator of the pig industry in Brazil, where after a diagnosis of the profile of the workforce, there have been assessed the physical load of work , the environmental factors (thermal, acoustic and lighting), biomechanical and postural analysis followed by proposals to minimize and / or eliminate the risks diagnosed, when necessary, taking into account the implementation of the Regulating Rules of the Brazil s Ministry of Labour and Employment . Data have been collected through a questionnaire administered to a sample of employees from the sectors evaluated and measurements and assessments of the tasks involved, from December 2010 to February 2011. With the data collection and analysis it could be seen that most employees, 56.7%, consider their work boring and repetitive or heavy, and it would be interesting for the company to intensify its policy of duty rotation within the same sector, especially in the cutting room, where most of the employees, 34.5% of respondents, said they would like to change activities. Regarding the amount of daily sleep taken, the majority of respondents (71.6%) considered it to be insufficient, because they remain sleepy during working hours and argue that the main reason for this lack of sleep quality at night would be the fatigue caused by exhaustive work during the day. When asked about body aches, 20.9% answered that suffer from leg pain, 19.4% have back pain, 16.4% have pain in their arms and hands, and that 14.9% complained of shoulder ache. Only 2.9% of respondents did not have any body ache. The main reason related to pain in the body is mentioned by workers as repetitive motion. The activity which most demand physical activity amongst all evaluated activities within the company was to take out the viscera, located in the slaughter sector(clean zone), which presented a cardiovascular load (CCV) of 33.93% but below the threshold value considered following the methodology for Apud (1989), which is 40%. All IBUTG values for the activities of the slaughter industry (dirty area) and slaughter (clean area) remained above the values limited by the NR 15. In relation to other sectors it could observed that the average temperature did not varied much on these, since the ambient temperature was controlled and kept always below the lower limit of considered comfort zone, that is 20 ºC, what was already expected within the food industry. Although the values obtained for equivalent levels of noise, Leqs in many of the duties were above the limit considered by NR 15 (1978), 85 dB (A) for 8 hours, all workers have been using hearing protection, what attenuates the noise attenuation in 14 dB (A) according to manufacturer's information, which would cause the values remained lower than 85 dB (A). It is therefore interesting to observe noise attenuation procedures by the meat packing company. The workers who performed general scraping tasks and scorching at the pig slaughter sector (dirty area), the activities of drag carcasses at the equalization sector, and those from the cutting sector within the pallet s row are subject to a visual discomfort caused by insufficient lighting in these working areas. With regard to biomechanics, the posture of the worker examined the activity of pulling the pallet shipping sector shows that anyone can perform this activity without a risk of injury to the ankle and that only 4% of workers are capable of performing it without risk of injury to the knee. All activities that have been evaluated showed compression forces on the L5/S1 disc below the limit of 3400 N. Regarding postural analysis, the activities of to launch the package of meat for the storage box, to hitting the box at the secondary packaging sector, to push the cart with meat (raw material) for the embedding of the sausages in the sector of special courts and to filling boxes for shipment have been placed in category 4, which indicates an immediate corrective action. The activities of pushing slaughtered pigs after the waxing machine at slaughter sector (dirty area), dragging carcasses of room equalization, related to the bones (removing meat from the central belt, remove the bone and pull the palette) in the cutting sector, removing the meat package with the belt on secondary packaging sector, the hit box, assembling pallets and to pull pallet the inside of the carts were placed in category 3, meaning that need attention in the short term. All other activities were classified in category 1 or 2, indicating a check in the long term or not being worthy of attention.
Palavras-chave: Ergonomia
Frigorífico
Indústria suinícola
Ergonomics
Frigorific
Pig industry
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ENGENHARIA AGRICOLA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ
Programa: Doutorado em Engenharia Agrícola
Citação: EVANGELISTA, Wemerton Luis. Ergonomic analysis of work conducted in a typical pig industry frigorific in Brazil. 2011. 179 f. Tese (Doutorado em Construções rurais e ambiência; Energia na agricultura; Mecanização agrícola; Processamento de produ) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/709
Data do documento: 26-Ago-2011
Aparece nas coleções:Engenharia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf3,4 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.