Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/857
Tipo: Tese
Título: Capacidade predatória de Podisus nigrispinus (Heteroptera: Pentatomidae) sobre Anticarsia gemmatalis (Lepidoptera: Noctuidae)
Título(s) alternativo(s): Predatory ability of Podisus nigrispinus (Heteroptera: Pentatomidae) on Anticarsia gemmatalis (Lepidoptera: Noctuidae)
Autor(es): Zanuncio Junior, José Salazar
Primeiro Orientador: Zanuncio, José Cola
Primeiro coorientador: Message, Dejair
Segundo coorientador: Serrão, José Eduardo
Primeiro avaliador: Lino Neto, José
Segundo avaliador: Cecon, Paulo Roberto
Terceiro avaliador: Pratissoli, Dirceu
Quarto avaliador: Polanczyk, Ricardo Antônio
Abstract: Podisus nigrispinus (Dallas) (Heteroptera: Pentatomidae) é um percevejo predador encontrado em sistemas agrícolas e florestais. A capacidade predatória e a reprodução de fêmeas de P. nigrispinus, descendentes da criação com a presa alternativa Tenebrio molitor L. (Coleoptera: Tenebrionidae) ou a natural Anticarsia gemmatalis (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) foram estudadas com diferentes densidades de lagartas de A. gemmatalis em plantas de soja em casa de vegetação. Fêmeas descendentes da criação com a presa alternativa e com a natural apresentaram resposta funcional dos tipos II e III, respectivamente. Isto indica um possível efeito do aprendizado, com esse predador apresentando maior taxa de ataque com o aumento da densidade da presa, com menor tempo de manipulação da presa (Th) para as descendentes da criação com a presa alternativa. Fêmeas desse predador descendentes da criação com a presa alternativa apresentaram capacidade predatória semelhante àquelas da criação com a presa natural, com máximo de 100 lagartas predadas durante sua vida adulta. A lagarta da soja mostrou ser uma presa adequada para esse predador, com até 570 ovos por fêmea de P. nigrispinus recebendo três lagartas de A. gemmatalis por planta. Isto indica que esse predador necessita de, pelo menos, três lagartas diariamente para manter sua capacidade reprodutiva. Podisus nigrispinus apresentou maior longevidade e menor capacidade reprodutiva com uma lagarta diária de A. gemmatalis, mostrando que esse predador pode se manter e se reproduzir com baixa disponibilidade de presa. A capacidade predatória de ninfas de P. nigrispinus, sobre a lagarta da soja mostrou que ninfas de segundo estádio desse predador não foram capazes de matar lagartas de A. gemmatalis dos últimos estádios (quarto e quinto), mas apresentaram sobrevivência de 24 e 68% com lagartas de segundo e terceiro estádios dessa presa, respectivamente. A capacidade predatória, sobre lagartas de segundo estádio (23 lagartas predadas), foi maior, mas o ganho de peso foi maior para ninfas com lagartas de terceiro estádio de A. gemmatalis. Por isto, a fase ninfal desse predador é importante para o controle biológico de lagartas nos estádios iniciais e podem impedir o crescimento populacional de pragas como a lagarta da soja. O predador P. nigrispinus teve alto consumo da presa A. gemmatalis (123 lagartas predadas durante as fases ninfal e adulta), conseguindo se desenvolver, reproduzir e, conseqüentemente, aumentar sua população alimentando-se desta presa, mostrando o grande potencial desse predador como agente de controle biológico da lagarta da soja.
The predator Podisus nigrispinus (Dallas) (Heteroptera: Pentatomidae) it commonly found in agricultural and forest systems. The predatory capacity and the reproduction of P. nigrispinus, descending from a mass rearing with the alternative prey Tenebrio molitor L. (Coleoptera: Tenebrionidae) or the natural one Anticarsia gemmatalis (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) were studied at different densities of the velvetbean caterpillars on soybean plants in a greenhouse. Offspring females of P. nigripinus reared with the alternative or the natural one presented functional response of types II and III, respectively. This indicates a possible effect of conditioning this predator and thus increasing its attack rate with the density of the prey. The offspring of the rearing with the alternative prey had shorter handling time of the prey (Th). Females of P. nigrispinus descending from rearing with the alternative prey presented similar predatory capacity to those reared with the natural prey, with a maximum of 100 caterpillars preyed during its adult stage. The velvetbean caterpillar is an adequate prey for this predator which produced 570 eggs per female receiving three caterpillars of A. gemmatalis daily, but with similar values up to the density of seven caterpillars. This predator needs, at least, three caterpillars daily to maintain its reproductive capacity. Podisus nigrispinus presented longer longevity and smaller reproductive capacity with one A. gemmatalis caterpillar daily. This shows that this predator can maintain its population and to reproduce in the field even at low prey availability. The predatory capacity of P. nigrispinus nymphs on the soybean caterpillars showed that its second instar nymphs can not kill last instars (fourth and fifth) of this prey but they presented survival of 24 and 68% with second and third instars caterpillars of this prey, respectively. Predatory capacity on second instar caterpillars (23 caterpillars killed) was higher and weight gain were higher for nymphs fed with third instar caterpillars of A. gemmatalis. For this reason, the nymphal stage of this predator is important for the biological control of the young caterpillars and they can impede population growth of pests, such as velvetbean caterpillar. The predator P. nigrispinus had high consumption of A. gemmatalis (123 caterpillars) along its lifespan, developing, reproducing and increasing its population. This shows great potential of this predator as a biological control agent of the velvetbean caterpillar.
Palavras-chave: Resposta funcional
Predação
Lagarta da soja
Controle biológico
Functional response
Predation
Velvetbean caterpillar
Biological control
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::PARASITOLOGIA::ENTOMOLOGIA E MALACOLOGIA DE PARASITOS E VETORES
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Ciência entomológica; Tecnologia entomológica
Programa: Doutorado em Entomologia
Citação: ZANUNCIO JUNIOR, José Salazar. Predatory ability of Podisus nigrispinus (Heteroptera: Pentatomidae) on Anticarsia gemmatalis (Lepidoptera: Noctuidae). 2007. 77 f. Tese (Doutorado em Ciência entomológica; Tecnologia entomológica) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/857
Data do documento: 30-Jul-2007
Aparece nas coleções:Entomologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf274,88 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.