Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1492
Tipo: Tese
Título: Análise de crescimento, interação biosfera-atmosfera e eficiência do uso de água da cana-de-açúcar irrigada no Submédio do Vale do São Francisco
Título(s) alternativo(s): Growth analysis, biosphere-atmosphere interaction and water use efficiency of the irrigated sugarcane in the Submedio of the São Francisco Valley
Autor(es): Silva, Thieres George Freire da
Primeiro Orientador: Zolnier, Sérgio
Primeiro coorientador: Moura, Magna Soelma Beserra de
Segundo coorientador: Ribeiro, Aristides
Primeiro avaliador: Soares, José Monteiro
Segundo avaliador: Steidle Neto, Antônio José
Abstract: O objetivo deste trabalho foi compreender os padrões de crescimento da cana-deaçúcar irrigada, as variações do controle da cultura à troca de vapor d’água com a atmosfera e a sua eficiência em termos de uso de água sob as condições climáticas do Submédio do Vale do São Francisco. O experimento foi conduzido em uma área comercial de cana-de-açúcar da Empresa Agroindústrias do Vale do São Francisco - Agrovale, situada no município de Juazeiro, na região semi-árida do estado da Bahia. A variedade utilizada foi a RB 92579, no ciclo de cana-soca. Uma torre foi instalada para a realização de medições micrometeorológicas a cada 60 segundos e com armazenamento dos valores médios em intervalos de 15 minutos. Adicionalmente, realizaram-se medições biométricas e de biomassa em intervalos de duas a cinco semanas e de rendimento ao final do ciclo da cultura (aos 13 meses), com a finalidade de determinar índices morfofisiológicos e variáveis agrometeorológicas. O método do Balanço de Energia com base na Razão de Bowen (BERB) foi utilizado para estimar os fluxos de calor latente (LE) e sensível (H). A interação entre a cana-de-açúcar e a atmosfera na troca de vapor d’água foi realizada utilizando o fator de desacoplamento (Ω). Os valores de LE foram integrados para estimar a evapotranspiração (ETc) e o coeficiente de cultura (Kc) da cana-de-açúcar. Finalmente, análises da eficiência do uso de água foram realizadas utilizando indicadores baseados no desempenho de aplicação de água no sistema de produção em relação à demanda hídrica requerida pela cana-deaçúcar e em função da resposta produtiva da cultura. Como resultados foram definidos os padrões de crescimento e de desenvolvimento da cana-de-açúcar irrigada, bem como o uso eficiente de radiação (UER) e a eficiência fotossintética (EFT) da cultura. Os valores de UER e EFT foram de 1,29 g MJ-1 e 2,67 g MJ-1, respectivamente, quando se considerou a produção de biomassa seca total da parte aérea. A análise de qualidade dos dados obtidos pelo método BERB demonstrou que 65,7% dos valores medidos apresentaram consistência física, ao passo que 88% dos dias monitorados foram considerados válidos para os cálculos dos fluxos em escala diária e ao longo do ciclo. Os valores de LE representaram 81% do saldo de radiação, enquanto que o H e o fluxo de calor no solo corresponderam a 16% e 3%, respectivamente. Durante o ciclo, o parâmetro Ω esteve em torno de 0,68, indicando um desacoplamento de moderado a alto entre a cultura e a atmosfera, de modo que o processo de troca de vapor d’água foi governado pelo suprimento de energia, ao invés do controle estomático da cana-deaçúcar. Contudo, este controle foi observado como sendo maior do que em outras regiões de cultivo sob condições de irrigação, demonstrando uma provável restrição do sistema solo-clima ao processo de evapotranspiração da cana-de-açúcar. A ETc média durante o ciclo foi de 4,7 mm dia-1, resultando em um requerimento total de 1710 mm. O Kc variou de 0,65 a 1,10 entre as fases de brotação e crescimento máximo, reduzindo para 0,85 na fase de maturação da cultura. A cana-de-açúcar irrigada apresentou uma eficiência de produção de 9,49 kg de colmos, 1,22 kg de açúcar e 875,23 ml de álcool por metro cúbico de água evapotranspirada pela cultura (ETc) e de 5,36 kg de colmos, 0,69 kg de açúcar e 494,14 ml de álcool por metro cúbico de água que entrou na área de cultivo por precipitação e irrigação (P+I).
The objective of this work was to understand the growth patterns of the irrigated sugarcane, the variations of the crop control on water vapour exchange with the atmosphere and its water use efficiency under the climatic conditions of the Submedio of the São Francisco Valley. The experiment was carried in a commercial area of sugarcane of the Agroindústrias do Vale do São Francisco S.A., a Company located in the district of Juazeiro, in the semi-arid region of Bahia State. The variety RB 92579 during the ratoon cycle was used. The tower was installed for the accomplishment of micrometeorological measurements to every 60 seconds with storage of the medium values in intervals of 15 minutes. Additionally, biometrics and biomass measurements were obtained in intervals from two to five weeks, while yield data were quantified at the end of the crop cycle (to the 13 months), with the objective to determinate morphphysiological index and agrometeorological variables. The Bowen Ratio-Energy Balance (BREB) method was used to estimate the latent (LE) and sensible (H) heat fluxes. The decoupling factor was calculated to analyze the interaction for water vapour exchange between the sugarcane and the atmosphere. The LE values along of day were integrated to estimate the crop evapotranspiration (ETc) and the crop coefficient (Kc) of the sugarcane. Finally, analysis of the water use efficiency were carried out using indicators based an the water application performance in the production system as related to the requested water demand by the sugarcane and in function of the crop yield. As results, the growth and development patterns were defined for the irrigated sugarcane, as well as the radiation use efficiency (RUE) and the crop photosynthetic efficiency (PTE). The RUE and PTE values were of 1.29 g MJ-1 and 2.67 g MJ-1, respectively, when it was considered the production of aboveground dry biomass. The quality analysis of data obtained by the method BREB demonstrated that 65.7% of the measured values presented physical consistence, while 88% of the monitored days were considered valid for the calculations of the daily fluxes and during the crop cycle. The values of LE represented 81% of the radiation balance, while H and the soil heat flux corresponded to 16% and 3%, respectively. During the crop cycle, the parameter Ω was equal to 0.68 on average. This indicates that, there was a moderate to high decoupling between the crop and the atmosphere, where the process water exchange was controlled, especially, by the energy supply, instead of the stomata control of the sugarcane. However, this control was observed to be larger than in other cultivation areas under irrigation conditions, demonstrating a probable restriction of the soil-climate to the evapotranspiration process of the sugarcane. The medium ETc during the cycle was of 4.7 mm day-1, resulting in a total water requirement of 1710 mm. The Kc ranged from 0.65 to 1.10 between the sprouting and maximum growth phases, reducing to 0.85 in the crop maturation stage. The irrigated sugarcane presented a production efficiency of 9.49 kg of stalks, 1.22 kg of sugar and 875.23 ml of alcohol for cubic meter of consumed water by the crop (ETc) and of 5.36 kg of stalks, 0.69 kg of sugar and 494.14 ml of alcohol for each cubic meter of water that entered in the system as rain and irrigation (P+I).
Palavras-chave: Balanço de energia
Biomassa
Evapotranspiração
Fator de desacoplamento
Irrigação
Energy balance
Biomass
Evapotranspiration
Decoupling factor
Irrigation
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::AGROMETEOROLOGIA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Agrometeorologia; Climatologia; Micrometeorologia
Programa: Doutorado em Meteorologia Agrícola
Citação: SILVA, Thieres George Freire da. Growth analysis, biosphere-atmosphere interaction and water use efficiency of the irrigated sugarcane in the Submedio of the São Francisco Valley. 2009. 194 f. Tese (Doutorado em Agrometeorologia; Climatologia; Micrometeorologia) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1492
Data do documento: 11-Set-2009
Aparece nas coleções:Meteorologia Agrícola

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf6,64 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.