Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/15289
Tipo: Artigo
Título: Avaliação da especificidade de rizobactérias isoladas de diferentes espécies de Pinus sp.
Autor(es): Brunetta, Juliana Margarido Fonseca Couto
Alfenas, Acelino Couto
Mafia, Reginaldo Gonçalves
Gomes, José Mauro
Binoti, Daniel Breda
Fonseca, Ésio de Pádua
Abstract: Testou-se a especificidade das rizobactérias promotoras de crescimento em mudas de P. taeda L., P. oocarpa, P. elliottii Engelm. e P. caribaea var. hondurensis. Os isolados de rizobactérias UFV-AL9, UFV-AM5, UFV-AM2, UFV-F3, UFV-G2, UFV-G4, UFV-Z1, UFV-F6 e UFV-X2 foram inoculados por meio da aplicação de inóculo de rizobactérias em substrato de produção de mudas. Aos 150 dias de semeadura, avaliou-se o peso de matéria seca de raízes e da parte aérea das mudas, bem como o índice de qualidade de Dickson. Foram constatadas interações significativas dos isolados e das diferentes espécies de pinus. Os incrementos da biomassa da parte aérea e do sistema radicular variaram conforme o isolado e a espécie de pinus, porém, de modo geral, foram observados maiores médias das mudas de P. taeda. As mudas de P. taeda, inoculadas com os isolados UFV-Z1 e UFV-AM5, apresentaram ganhos significativos de biomassa da parte aérea, do sistema radicular e do índice de qualidade de Dickson, em relação à testemunha. Nas mudas de P. elliottii, observou-se também aumento significativo da biomassa da parte aérea, quando inoculadas com o isolado UFV-AM5 e do sistema radicular com os isolados UFV-X2, UFV-G2 e UFV-AM5. O isolado UFV-AM5 não se mostrou específico para essas variáveis, nas duas das quatro espécies estudadas (P. taeda e P. elliottii).
The main objective of this paper was to test the specificity of plant growth- promoting rhizobacteria isolated from P. taeda on other pinus species (P. elliottii, P. oocarpa and P. caribaea hondurensis). The rhizobacteria isolates UFV-AL9, UFVAM5, UFV-AM2, UFV-F3, UFV-G2, UFV-G4, UFV-Z1, UFV-F6 and UFV-X2 were directly applied on the seedling sowing substrate. At 150 days of sowing, seedling root and aerial part dry matter weight, as well as Dickson's quality index were evaluated. Significant interactions among strains and different pine species were observed. Aerial part and root dry matter varied according to the strain and pine species, but generally the highest averages were presented on P. taeda seedlings. When inoculated with UFV-Z1 and UFV-AM5 strains, the P. taeda presented significant differences for all variables. For P. elliottii, seedlings inoculated with strains UFV-X2, UFV-G2 and UFV-AM5 and with UFV-AM5 also showed a significant increase in the aerial part and root biomass, respectively. Strain UFV-AM5 did not show specificity for these variables in two of the four analyzed species (P. taeda and P. elliottii).
Palavras-chave: Pinus taeda
Pinus elliottii
Pinus caribaea var. hondurensis
Editor: Revista Árvore
Tipo de Acesso: Open Access
URI: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622007000600007
http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/15289
Data do documento: 16-Abr-2007
Aparece nas coleções:Artigos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
a07v31n6.pdftexto completo238,16 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.