Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/27575
Tipo: Dissertação
Título: Tempo de folia: um estudo do Carnaval em Ponte Nova-MG na primeira metade do século XX
Time of revelry: a carnival study in Ponte Nova-MG in the first half of the twentieth century
Autor(es): Vidal, Janice Estarlino
Abstract: O presente trabalho aborda o Carnaval em Ponte Nova- MG, na primeira metade do século XX. Durante as pesquisas sobre as manifestações carnavalescas no município, percebemos que ele apresentou similaridades com as formas momescas de diferentes localidades do Brasil, tendo apresentado, por exemplo, Ranchos, Blocos, Cordões, Bailes e Escolas de Samba. A pesquisa teve o intuito de compreender como era brincado o Carnaval pelos segmentos mais pobres desse período, especialmente pelo fato da configuração populacional do município relacionar-se fortemente com a diáspora negra e pela proximidade do recorte temporal com a abolição da escravidão. Utilizamos conceitos como Paisagem, Território e Festa em nossa análise sobre o Carnaval, assim como problematizamos as relações sociais engendradas através dele. Por meio das pesquisas identificamos que o Carnaval, enquanto produto social é capaz de revelar características da sociedade que o produz, tais como cultura, identidade, preconceito e segregação. Abordamos a importância dessa prática cultural, que possui entre suas funções: a diversão, que ameniza o cotidiano e ao mesmo tempo, é um suporte para que ele se perpetue; a criação ou intensificação de vínculos sociais, que são impulsionados pelas relações de amizade, solidariedade e cooperação que emergem no fazer a festa; a propagação cultural que auxilia a manutenção das identidades; a visibilidade de grupos sociais oprimidos ou marginalizados e a função de valorizar, bem como desenvolver a autovalorização das pessoas que são constantemente inferiorizadas. Além disso, como resultado da pesquisa foi desenvolvido um livreto paradidático que vincula a festa carnavalesca com a Geografia. O objetivo é que tal material seja um apoio que possa ser incorporado no processo de ensino- aprendizagem. Palavras-Chave: Paisagem Cultural. Carnaval. Cultura Popular.
A present work addressing the carnival in Ponte Nova-MG in the first half of the twentieth century. During the research on carnival manifestations in the municipality, it was noticed the presence of forms like the different localities of Brazil, having presented, for example, Ranchos, Blocks, Cords, Balls and Samba Schools. The research aimed to understand what was the love of carnivals longer than the naughty, especially because the life of the municipality was difficult with the black diaspora, and the proximity to the temporal with the abolition of slavery. We use concepts such as Landscape, Territory and Party in our analysis of Carnival, as well as discussions about social issues through it. We start from the assumption and through the endeavors confirm that carnival as a social product is able to reveal characteristics of the society they produce, such as culture, identity, prejudice and segregation. It encompasses a practice of this cultural practice, which enters into its functions: a fun, which softens the daily life and at the same time, is a support for it to be perpetually; a creation or intensification of social bonds, which are driven by the relations of friendship, solidarity and cooperation that emerge in having a party; a cultural spread that aids the maintenance of identities; The visibility of social or marginalized groups and a valuing function, as well as the development of a self-valorization of people who are inferiorly generated. In addition, as a result of the research, a paradigmatic book linking a carnival celebration with Geography. Is the material that is being supported in the teaching-learning process. Keywords: Cultural Landscape. Carnival. Popular Culture
Palavras-chave: Carnaval - Ponte Nova (MG)
Paisagens culturais
Cultura popular
CNPq: História
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: Vidal, Janice Estarlino. Tempo de folia: um estudo do carnaval em Ponte Nova-MG na primeira metade do século XX. 2019. 181 f. Dissertação (Mestrado em Patrimônio Cultural, Paisagens e Cidadania) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2019.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://locus.ufv.br//handle/123456789/27575
Data do documento: 20-Set-2019
Aparece nas coleções:Patrimônio Cultural, Paisagens e Cidadania

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo8,75 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.