Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/3492
Tipo: Dissertação
Título: Impacto da atividade física habitual sobre os componentes da Síndrome Metabólica em adolescentes
Título(s) alternativo(s): Impact of physical activity on components of metabolic syndrome in adolescents
Autor(es): Faria, Ricardo Campos de
Primeiro Orientador: Amorim, Paulo Roberto dos Santos
Primeiro coorientador: Marins, João Carlos Bouzas
Primeiro avaliador: Andaki, Alynne Christian Ribeiro
Abstract: O constante aumento na prevalência de obesidade e hipertensão entre crianças e adolescentes tem favorecido o surgimento da Síndrome Metabólica (SM) neste grupo populacional. O comportamento sedentário e o baixo nível de atividade física têm sido associados a doenças cardiovasculares e SM. A escola é um local privilegiado para promover o aumento da prática de atividade física, especialmente por meio de atividades esportivas recreativas. O objetivo do presente estudo foi avaliar o impacto de um programa de atividades esportivas sobre o perfil metabólico em adolescentes. Avaliou-se amostras de sangue, pressão arterial, massa corporal, estatura, índice de massa corporal (IMC), circunferência de cintura, percentual de gordura corporal, questionário de frequência de consumo alimentar e tempo diário em atividade física moderada a vigorosa (AFMV) de 92 adolescentes do sexo masculino com idade entre 14 e 18 anos (16,07 ±0,93). Dessa amostra inicial 36 (39,1%) revelaram diagnóstico positivo para Pré ou SM. Dentre os 36 adolescentes com diagnostico positivo, 25 completaram a segunda etapa, os quais estavam divididos em grupo controle (n=13) e grupo intervenção (n=12) que participaram de um programa de atividades esportivas recreativas com duração de 14 semanas. A análise dos dados foi realizada por meio de estatística descritiva, regressão linear, teste t Student, teste t pareado ou seus respectivos correspondentes não paramétricos quando necessário. Os resultados revelaram a circunferência de cintura no ponto de menor circunferência como bom preditor de alterações metabólicas e promissor substituto ao IMC. A comparação pré e pós- programa esportivo mostrou redução no colesterol total, lipoproteína de baixa densidade (LDL-c) e Não-HDL, aumento na lipoproteína de alta densidade (HDL-c) e tempo de AFMV no grupo intervenção. O grupo controle após 14 semanas reduziu o comportamento sedentário (CS), triglicerídeos, LDL-c e Não-HDL, e aumentou o HDL- c. O FCA não apresentou alteração entre os períodos avaliados. As atividades esportivas contribuíram com 42% da recomendação diária de AFMV. Os componentes antropométricos não apresentaram alteração após 14 semanas de atividades esportivas. Em conclusão este estudo revela que as atividades esportivas recreativas impactaram de forma positiva no perfil lipídico e contribuíram para elevar o tempo gasto em AFMV. A redução no CS também promoveu melhora nos parâmetros metabólicos e deve ser estimulada como parte de um estilo de vida saudável. Novos estudos com maior tempo de intervenção devem ser realizados, no intuito de obter maiores efeitos sobre os parâmetros antropométricos relacionados ao risco cardiovascular.
The steady increase in the prevalence of obesity and hypertension among children and adolescents has favored the emergence of the metabolic syndrome (MS) in this population. Sedentary behavior and low levels of physical activity have been associated with cardiovascular diseases and SM. The school is a privileged place to promote increased physical activity, especially through recreational sports site. The purpose of this study was to evaluate the impact of a program of sports activities on the metabolic profile in adolescents. We evaluated blood samples, blood pressure, body weight, height, body mass index (BMI), waist circumference, percent body fat, food intake frequency questionnaire (FFQ) and daily time in moderate to vigorous physical activity (MVPA) of 92 male adolescents aged 14 to 18 years old (16.07 ± 0.93). From the initial sample, 36 (39.1%) showed positive diagnosis or preview SM. Among the 36 adolescents with a positive diagnosis, 25 completed the second stage, which were divided into control group (n=13) and intervention group (n=12), who participated in a program of recreational sports activities lasting 14 weeks. Data analysis was performed using descriptive statistics, linear regression, Student t test, paired t test or its corresponding nonparametric when needed. The results revealed the waist circumference at the point of smaller circumference as a good predictor of metabolic and promising substitute of BMI. The pre-and post-sports program evaluation showed a reduction in total cholesterol, low density lipoprotein (LDL-c) and non-HDL cholesterol, increased high-density lipoprotein (HDL-c) and MVPA time in the intervention group. The control group after 14 weeks reduced sedentary behavior (SB), triglycerides, LDL-C and non-HDL cholesterol, and increased HDL-c. The FFQ did not change between periods. Sports activities contributed with 42% of the daily recommendation of MVPA. Anthropometric components did not change after 14 weeks of sporting activities. In conclusion this study shows that recreational sports activities impacted positively on lipid profile and helped increase the time spent in MVPA. The reduction in SB also promoted improvement in metabolic parameters and should be encouraged as part of a healthy lifestyle. Further studies with longer intervention should be performed in order to obtain larger effects on anthropometric parameters related to cardiovascular risk.
Palavras-chave: Exercícios físicos
Síndrome Metabólica
Adolescentes
Exercise
Metabolic syndrome
Teens
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::EDUCACAO FISICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Aspectos sócio-culturais do movimento humano; Aspectos biodinâmicos do movimento humano
Programa: Mestrado em Educação Física
Citação: FARIA, Ricardo Campos de. Impact of physical activity on components of metabolic syndrome in adolescents. 2014. 76 f. Dissertação (Mestrado em Aspectos sócio-culturais do movimento humano; Aspectos biodinâmicos do movimento humano) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2014.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/3492
Data do documento: 31-Mar-2014
Aparece nas coleções:Educação Física

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf1,53 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.