Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4160
Tipo: Dissertação
Título: Namoro, disciplina e liberdade: problematizando afetividades e sexualidades em uma escola família agrícola
Título(s) alternativo(s): Dating, discipline and freedom: affection and sexuality at a family farm school
Autor(es): Barduni Filho, Jairo
Primeiro Orientador: Coelho, France Maria Gontijo
Primeiro coorientador: Botelho, Maria Izabel Vieira
Segundo coorientador: Barbosa, Willer Araujo
Primeiro avaliador: Lopes, Eduardo Simonini
Segundo avaliador: Mafra, Rennan Lanna Martins
Abstract: A presente pesquisa foi realizada em uma Escola Família Agrícola (EFA-PURIS), localizada na Zona da Mata de Minas Gerais, quando foram problematizados os temas afetividade e sexualidade e realizados levantamentos de dados junto aos estudantes, pais, monitores e direção da EFA. O objetivo geral do trabalho foi identificar os significados de desses temas junto a esses atores. O trabalho partiu da premissa de que os conteúdos educativos a serem trabalhados pelos monitores na Escola extrapolam a formalidade programática. Ao receber jovens em moradia intensiva durante 15 dias, os monitores e gestores tornam-se responsáveis pelos educandos, o que coloca diante de grandes desafios de gestão e controle. Nos outros 15 dias esses estudantes retornam para suas casas, para o convívio com sua família. Nessa mudança, tempo casa e tempo escola, dinâmicas da vida são alternadas, valores distintos podem ser vivenciados e a tão esperada complementaridade casa-escola pode ser rompida ou alicerçada. Para coleta de dados, técnicas participativas marcaram o trabalho de campo, além de análise documental, observação participante, entrevistas e registro de depoimentos e imagens. Os significados e valores atribuídos aos temas não são idênticos entre pais, estudantes, monitores e gestores, em razão das diferentes condições nas quais eles se encontram. Mas, os temas são um problema para todos os agentes. Para monitores, as dificuldades de se tratar os temas na Escola vêm de lacunas na formação, da intensidade do convívio e de suas responsabilidades como orientadores. Para os pais, os temas causam preocupação em razão das influências externas (TV) e por acharem que namoro e Escola são excludentes. Para os estudantes, esses são temas que merecem ser debatidos não só com informações biológicas, mas, também, filosóficas e culturais. Na idade em que se encontram na Escola, viver as afetividades e poder discutir as sexualidades são questões cruciais na definição de seus futuros.
This research was carried out at a Family Farm School (EFA-PURIS), located at Zona da Mata, Minas Gerais, to analyze the themes affection and sexuality. Data assessments of EFA-PURIS students, parents, monitors, and directors were conducted. The general objective of this work was to identify the relevance of discussing such topics for these groups. The analysis was based on the belief that the educational contents to be explored by the monitors at the School go beyond the curriculum formality. The young students are received for an intensive 15- day live-in at School, during which time, the school monitors and directors assume total responsibility over them, what represents serious management and control challenges. The students then return home and stay with their families over the next 15 days. As a result of this change, involving time at home and time at school, life dynamics is alternated, distinct values can be experienced, and the desired home school interaction may perish or solidify. As data collection, participative techniques were applied as part of the field work, besides documented analysis, participating observation, interviews, individual reports, and photos. The meanings and values attributed to the themes affection and sexuality differed among parents, students, monitors and directors, because of their different conditions. However, the themes per se represented an issue to all them. To the monitors, the difficulties in dealing with such issues at the School derive from formation gaps, intense proximity, and their duties as counsellors. For the parents, the themes are a subject of concern because of the external influences (TV) and because they think that dating and "School are excluding activities. For the students, these topics must be discussed, not only based on biological information, but also philosophical and cultural. At their age, experiencing feelings of affection and being able to discuss sexuality are crucial for their future as adults.
Palavras-chave: Sexualidade
Aprendizagem afetiva
Sexuality
Learning affective
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::EXTENSAO RURAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Instituições sociais e desenvolvimento; Cultura, processos sociais e conhecimento
Programa: Mestrado em Extensão Rural
Citação: BARDUNI FILHO, Jairo. Dating, discipline and freedom: affection and sexuality at a family farm school. 2012. 244 f. Dissertação (Mestrado em Instituições sociais e desenvolvimento; Cultura, processos sociais e conhecimento) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2012.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4160
Data do documento: 23-Fev-2012
Aparece nas coleções:Extensão Rural

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
01 - texto completo.pdf1,99 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir
02 - sexualidade e afetividade.pdf175,94 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir
03 - sexo e saude.pdf1,4 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir
04 - vamos falar sobre sexo e sexualidade.pdf1,67 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.