Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4969
Tipo: Dissertação
Título: Enteroparasitoses e anemia ferropriva em gestantes assistidas na Unidade Saúde da Família de Nova Viçosa e Posses, no município de Viçosa-MG
Título(s) alternativo(s): Enteroparasitosis and iron deficiency anemia in pregnant women attended at the Family Health Unit of Nova Viçosa and Posses, in the municipality of Viçosa-MG
Autor(es): Vieira, Marcos Antônio Garcia
Primeiro Orientador: Araújo, Jackson Victor de
Primeiro coorientador: Campos, Artur Kanadani
Segundo coorientador: Tinôco, Adelson Luiz Araújo
Primeiro avaliador: Benjamin, Laércio dos Anjos
Segundo avaliador: Nero, Luís Augusto
Abstract: As enteroparasitoses e a anemia ferropriva são dois grandes problemas de Saúde Pública, principalmente quando acometem crianças jovens e gestantes. Através da análise de dados obtidos junto às consultas e prontuários das gestantes assistidas nas comunidades de Nova Viçosa e Posses, município de Viçosa-MG, esse presente estudo demonstrou a necessidade de medidas de controle e prevenção, principalmente pelas graves conseqüências dessas patologias, destacando-se o comprometimento da função cognitiva e da habilidade para o aprendizado, além de várias intercorrências fisiológicas que podem levar pacientes acometidos por essas doenças ao óbito. Buscou-se os determinantes sociais e os dados epidemiológicos através da realização do Diagnóstico Situacional de Saúde . Foram analisadas características sócio-econômicas, sócio-demográficas, sócioambientais e sócio-culturais. O trabalho teve como amostra 270 gestações ocorridas em um período de 3 anos: outubro/2005 a setembro/2008, por meio de um estudo descritivo transversal. A prevalência encontrada em relação aos enteroparasitas foi de (59/152) 38,8%; e em relação à anemia ferropriva foi 52/152 (34,2%). A prevalência geral de helmintos nesse estudo foi de (24/152) 15,8%; e de protozoários (42/152) 27,6%. Destacam-se baixíssima renda e a limitada escolaridade das gestantes, além do alto número de moradores por família. Constatou-se a existência de relação das enteroparasitoses com as variáveis do Diagnóstico de Saúde realizado, assim como ocorreu com a anemia ferropriva, quando também relacionada a esse Diagnóstico. A renda per capita esteve estatisticamente associada com a presença de anemia ferropriva. Apesar de não ter sido confirmada estatisticamente associação entre anemia ferropriva e enteroparasitoses, e ainda, considerando as péssimas condições sociais a que estão submetidas as gestantes daquelas comunidades assistidas, ficou evidenciada a necessidade de medidas de controle e prevenção para a proteção daquelas pessoas, pois essas precárias condições certamente potencializaram os riscos de morbidade daquelas gestantes.
Enteroparasitosis and anemia are two major public health problems, particularly when involving young children and pregnant women. Analysis of data from consultations and medical records of pregnant women assisted in the communities of Nova Viçosa and Posses, municipality of Viçosa-MG, the present study showed the need for control and prevention, mainly because the serious consequences of these diseases, standing out the impairment of the cognitive function and learning ability, as well as several physiological complications that can lead patients to death. Social determinants and epidemiological data were collected through the situational diagnosis for health care systems. Socio-economic, socio-demographic, socio-environmental and socio-cultural characteristics were examined. Samples of 270 pregnancies occurring over a period of 3 years - October/2005 to September/2008 - were used in the work in a descriptive transversal study. The prevalence found for enteroparasites was (59/152) 38.8% and for iron deficiency anemia was 52/152 (34.2%). The overall prevalence of helminths in this study was (24/152) 15.8%, and protozoa (42/152) 27.6%. It is emphasized the women s very low income and limited education, besides the high number of residents per household. It was confirmed the relationship between enteroparasitosis and variables of the health diagnosis, as well as it occurred with iron deficiency anemia, when it was also related to the diagnosis. The per capita income was statistically associated with the presence of anemia. Although the association between anemia and enteroparasitosis was not statistically confirmed, and, considering the very poor social conditions that the women from those communities are subjected, the need for control and prevention measures to protect those people is demonstrated, since the poor conditions certainly increase the risk of morbidity in those women.
Palavras-chave: Enteroparasitoses
Anemia
Gestantes
Enteroparasitosis
Anemia
Pregnant women
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA::MEDICINA VETERINARIA PREVENTIVA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de
Programa: Mestrado em Medicina Veterinária
Citação: VIEIRA, Marcos Antônio Garcia. Enteroparasitosis and iron deficiency anemia in pregnant women attended at the Family Health Unit of Nova Viçosa and Posses, in the municipality of Viçosa-MG. 2008. 97 f. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia, diagnóstico e controle de doenças; Epidemiologia e controle de qualidade de prod. de) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4969
Data do documento: 11-Dez-2008
Aparece nas coleções:Medicina Veterinária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf568,15 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.