Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5466
Tipo: Dissertação
Título: Caracterização física, química, mineralógica e micromorfológica dos solos da serra Sul, Floresta Nacional de Carajás, Pará
Título(s) alternativo(s): Physical, chemical, mineralogical and micromorphological characerization of soils from serra Sul, Carajás National Forest, Pará
Autor(es): Ribeiro, Acauã Santos de Saboya
Primeiro Orientador: Schaefer, Carlos Ernesto Gonçalves Reynaud
Primeiro coorientador: Ker, João Carlos
Segundo coorientador: Fernandes Filho, Elpídio Inácio
Primeiro avaliador: Simas, Felipe Nogueira Bello
Segundo avaliador: Ferreira Júnior, Walnir Gomes
Abstract: A serra Sul, localizada no Sudeste do Estado do Pará, representa o mais extenso platô de canga na paisagem da serra dos Carajás, abrigando diversos ecossitemas desenvolvidos sobre formações ferríferas com elevado grau de conservação. Apesar da grande importância geológica e econômica da região (maiores jazidas de minério de ferro do mundo) e de outros minérios de importância econômica, são ainda escassos os estudos pedológicos nesta área. O presente trabalho teve como objetivo caracterizar os solos dos principais geoambientes que compõem a paisagem da serra Sul, quanto aos seus aspectos morfológicos, físicos, químicos, mineralógicos e micromorfológicos, procurando entender os principais fatores e processos pedogenéticos atuantes nestas condições singulares deste ambiente amazônico. Para tanto, foram coletadas e analisadas amostras de 13 (treze) perfis de solo, representativos dos diferentes geoambientes encontrados. Na serra Sul, predominam os Plintossolos Pétricos, ora com horizonte endurecido contínuo (litoplíntico) ora com horizonte endurecido fragmentado (concrecionário), existindo um forte controle dos solos sobre as diferentes fitofisionomias presentes nas áreas de canga, evidenciando uma relação direta entre a profundidade do solo e o porte da vegetação. São ainda observados Latossolos Vermelhos nas encostas e grotas florestadas e Organossolos Háplicos nas depressões e patamares campestres mal drenados. No geral, os solos são ácidos, distróficos, com P disponível muito baixo e teores elevados de Al3+ no complexo de troca. Foram observados teores elevados de P disponível nos solos coletados proximo às cavernas, nas áreas brejosas e nos montículos dos termiteiros, evidênciando a relação entre a fauna e o enriquecimento nutricional dos solos, conforme constatado pelas quantidades expressivas de fezes e guano de morceno observados nestes ambientes. Os teores de COT elevados em todos os solos estudados indicam condições favoráveis à incorporação dos resíduos vegetais à matéria orgânica do solo. Ao lado dos teores bastante elevados de óxido de ferro obtidos pelo ataque sulfúrico e pelo DCB, os solos da serra Sul diferenciam-se pela intensa cor vermelha e expressiva ocorrência de maghemita, que, ao lado de hematita e goethita, constituem os minerais dominantes na fração argila. Os resultados das microanálises ilustram os elevados teores de Fe2O3 (> 80%) e teores muito baixos de SiO2 e dos macronutrientes Ca2+, K+, Mg2+, Na+, características atribuídas à riqueza em óxidos de Fe do material de origem (Jaspelito), a pobreza em minerais primários ricos em bases e ao intenso intemperismo destes solos. Pelos resultados das análises conclui-se que o material de origem rico em ferro e o pedoclima são os principais fatores que controlam a diversidade de características observadas nestes solos.
The Serra Sul, located in the southeastern portion of the Pará State, is the largest plateau in Serra dos Carajás, comprising highly preserved ecosystems developed on ferruginous rocks. Despite the great geological and economic importance of this region, which is the largest deposit of iron ore in the world, there are very few pedological studies. The objective of the present work was to study the soils of the main geoenvironments of Serra Sul, in terms of their morphological, physical chemical, mineralogical and micromorphological characteristics, seeking to understand the main factors and processes in this singular landscape. Thirtheen soil profiles were described and analyzed. Plintossolos Pétricos, with continuous (lithoplintic) or fragmented (concretionary) horizon, is the main soil type. There is a clear influence of soils on the distribution of the different phyto-physiognomies. Latossolos Vermelhos occur on forested slopes while Organossolos Háplicos occurs on flat, poorly drained grasslands. In general soils are acid, dystric, with very low P avilability and high Al3+. Soils located close to caves, poorly frained areas and termite mounds have high levels of available P, evidencing the effect of the fauna on soil nutrient status. The high levels of total organic carbon (TOC) in all soils indicate conditions which favor the incorporation and conservation of vegetal residues as soil organic matter. Soils have high levels of iron oxide obtained by both sulphuic attack and DCB extractions and present very strong red color. Expressive amounts of maghemita occur and, together with hematite and goethite, comprise the mineralogy of the clay fraction. Microanalysis illustrate the high Fe2O3 levels (> 80%) and very low SiO2 and macronutrient levels, which is attributed to the chemical composition of the parent material (jaspelite), which is rich in iron oxide and poor in nutrientbearing primary minerals. The results indicate that the iron-rich parent material and the pedoclimate are the main factors determining the characteristics of the sudied soils.
Palavras-chave: Pedogênese
Amazônia
Geoambientes
Relação solo-vegetação
Pedogenesis
Amazônia
Geoenvironmental
Soil-vegetation
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,
Programa: Mestrado em Solos e Nutrição de Plantas
Citação: RIBEIRO, Acauã Santos de Saboya. Physical, chemical, mineralogical and micromorphological characerization of soils from serra Sul, Carajás National Forest, Pará. 2009. 126 f. Dissertação (Mestrado em Fertilidade do solo e nutrição de plantas; Gênese, Morfologia e Classificação, Mineralogia, Química,) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2009.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5466
Data do documento: 24-Set-2009
Aparece nas coleções:Solos e Nutrição de Plantas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf6,54 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.