Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/8176
Tipo: Dissertação
Título: Álcool e dieta hipercalórica retardam a cicatrização de feridas cutâneas de segunda intenção em ratos Wistar
Alcohol and high calorie diet slows the healing of wounds of second intention in Wistar rats
Autor(es): Rosa, Daiane Figueiredo
Abstract: Existem poucos estudos demostram efeito do álcool ou da dieta hipercalórica no reparo cutâneo, sendo que nenhum relata o efeito do álcool e da dieta hipercalórica, associados durante a cicatrização. Para iniciar o estudo foi realizada uma revisão sistemática de todos os artigos relevantes sobre o efeito do álcool e da dieta hipercalórica sobre o processo de reparo cutâneo. A partir da revisão sistemática obtiveram-se informações que serviram como base para o presente estudo. Dessa forma, investigou os danos oxidativos, histológicos e bioquímicos do álcool e da dieta hipercalórica, isolados ou associados, durante o processo de reparo cutâneo em ratos wistar. Cinco grupos experimentais foram analisados: G1: controle, dieta comercial e água com gavagem, G2: controle, dieta comercial e água sem gavagem, G3: dieta comercial e álcool, G4: dieta hipercalórica, G5: dieta hipercalórica e álcool. Os animais foram tratados com álcool e dieta hipercalórica durante 61 dias. Após 40 dias de tratamento foram realizadas 3 feridas cutâneas de segunda intenção no dorso dos animais por meio de incisão cirurgia e a cada 7 dias foram retirados fragmentos totalizando 21 dias. Todos os grupos que receberam álcool e dieta hipercalórica apresentaram um retardo no processo de cura, principalmente em relação à alta celularidade, retardo na angiogênese e na deposição de colágeno I, caracterizando o atraso no remodelamento da matriz extracelular. Esses resultados estão condizentes com o aumento do estresse oxidativo pela elevação dos níveis de TBARS, PCN e das enzimas antioxidantes Superóxido Dismutase (SOD), Catalase (CAT), Glutationa-S- Transferase (GST). Além disto, observaram-se alterações sorológicas e biométricas que tem efeito direto no processo de reparo, além do aumento da expressão de TGF-β contribuindo para o processo de inflamação crônica. Assim, baseado em todos os parâmetros analisados, conclui-se que o álcool e a dieta hipercalórica causa um retardo na cicatrização de feridas cutâneas de segunda intenção.
There are few studies that demonstrate the influence of alcohol or high calorie diet in skin repair, and none of them reports the effect of alcohol and the association of high calorie diet during healing. To start the study was conducted a systematic review of all relevant articles on the effect of alcohol and high calorie diet on the skin repair process. From the systematic review we got information that served as the basis for this study. Thus, we investigated the oxidative damage, histological and biochemical alcohol and calorie diet alone or in combination during the skin healing process in rats. Five experimental groups were analyzed: G1: control, commercial diet and water gavage, G2: control, commercial diet and water without gavage, G3: Commercial diet and alcohol, G4: calorie diet, G5: calorie diet and alcohol. The animals were treated with alcohol and calorie diet for 61 days. After 40 days of treatment we made three wounds of second intention on the back of the animals by incision surgery and every 7 days were taken fragments totaling 21 days. All groups that received alcohol and high calorie diet showed not only a delay in the healing process, especially in relation to high cellularity, but also a delay in angiogenesis and collagen deposition I, featuring the delay in remodeling of the extracellular matrix. These results are consistent with increased oxidative stress by the increase in TBARS, PCN and antioxidant enzymes superoxide dismutase (SOD), Catalase (CAT), glutathione-S-transferase (GST). In addition, there were serological and biometric changes that have direct effect in the repair process, besides the increase in TGF-β expression contributes to the chronic inflammation process. So, based on all parameters, it is concluded that alcohol and high calorie diet causes a delay in healing of skin wounds of ulterior motive.
Palavras-chave: Feridas e lesões - Tratamento
Cicatrização de feridas
Álcool - Efeito fisiológico
Rato como animal de laboratório
CNPq: Biologia Geral
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: ROSA, Daiane Figueiredo. Álcool e dieta hipercalórica retardam a cicatrização de feridas cutâneas de segunda intenção em ratos Wistar. 2016. 96 f. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Estrutural) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/8176
Data do documento: 4-Mar-2016
Aparece nas coleções:Biologia Celular e Estrutural

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo3,02 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.