Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/10554
Tipo: Tese
Título: Caracterização da diversidade genética de ovinos no Brasil com quatro técnicas moleculares
Genetic characterization of Brazilian sheep breeds by means of four molecular techniques
Autor(es): Paiva, Samuel Rezende
Abstract: Os ovinos foram introduzidos no Brasil principalmente pelos portugueses e espanhóis durante o processo de colonização. Por motivos sócio-culturais, a criação desses animais foi considerada no Brasil uma atividade de categoria inferior, de modo que foram criados somente para subsistência. Esse descaso fez com que os produtos derivados de ovinos (lã, carne, pele) perdessem competitividade frente aos produtores de outros países. Para que ocorra uma mudança desse cenário, é necessária uma profunda modificação logística de todas as classes envolvidas na produção de ovinos, visto que os ovinos representam, principalmente nas regiões Sul e Nordeste, uma fonte de recursos importante do ponto de vista social, cultural e histórico. O objetivo desse trabalho foi realizar um conjunto de técnicas moleculares que permitam a caracterização genética das principais raças e/ou estoques de ovinos naturalizados do Brasil de modo a.oferecer subsídios para a elaboração de programas estratégicos de conservação e melhoramento desta espécie. Foram utilizadas quatro classes de marcadores moleculares (RAPD, microssatélites, sequenciamento do DNA mitocondrial e do cromossomo Y) em até 11 raças de ovinos naturalizadas e comerciais existentes no Brasil. Os resultados permitiram identificar padrões de estruturação genética existentes nessa espécie no Brasil, bem como demonstraram a viabilidade de aplicação de marcadores moleculares para: 1) monitoramento genético de rebanhos; 2) testes de exclusão de paternidade para controle de pedigrees; 3) origem geográfica de raças ou populações; 4) inferências filogenéticas intra- específicas.
In Brazil, sheep breeds were introduced during the colonization process by Spanish and Portuguese settlers. Social and cultural factors determined that sheep rearing was considered a low-status activity, and therefore, sheep were raised only to meet subsistence goals. The outcome of this is that products derived from sheep such as wool, meat and hides are non competitive in the international market. A change of this scenario requires a profound logistic alteration involving all sheep production-related groups, particularly in the northern and southern regions in the country, where sheep are of high cultural, social and historical relevance. The objective of this work was to characterize the main naturalized Brazilian sheep breeds using molecular markers. Our results will be a baseline for the development of management and conservation programs. Four kinds of molecular markers were used (RAPD, microsatellites, and sequences of mtDNA and Y chromosome) and were applied on 11 breeds of naturalized and commercial breeds. Results identified the genetic structure of the species in the Country and demonstrated the efficiency of molecular markers for 1) herd genetic monitoring, 2) paternity (exclusion) analyses, 3) for determining the geographic origin of breeds and populations, and 4) for investigating within-species phylogenies.
Palavras-chave: Ovis aries
RFLP-PCR
RAPD-PCR
mtDNA
Recursos genéticos animais
Microssatélites
CNPq: Ciências Agrárias
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: PAIVA, Samuel Rezende. Caracterização da diversidade genética de ovinos no Brasil com quatro técnicas moleculares. 2005. 108 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2005.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/10554
Data do documento: 14-Dez-2005
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo888,2 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.