Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1308
Tipo: Tese
Título: Diversidade genética e influência da aplicação de herbicidas pós-emergentes na composição de carotenoides em grãos de milho
Título(s) alternativo(s): Genetic diversity and influence of postemergence herbicides application on the composition of carotenoids in maize
Autor(es): Rios, Sara de Almeida
Primeiro Orientador: Oliveira, Aluízio Borém de
Primeiro coorientador: Paes, Maria Cristina Dias
Segundo coorientador: Galvão, João Carlos Cardoso
Primeiro avaliador: Gondim, Tânia Cristina de Oliveira
Segundo avaliador: Cecon, Paulo Roberto
Abstract: Os objetivos deste trabalho foram: 1. estimar a diversidade genética entre cultivares de milho quanto à composição de carotenoides nos grãos; 2. estimar as correlações genéticas e as relações de causa e efeito por meio da análise de trilha e 3. analisar os teores de carotenoides em grãos de milho submetidos à aplicação de herbicidas distintos. Para os dois primeiros objetivos, foram utilizados os dados de 10 cultivares de milho avaliados em diferentes ambientes, no ano agrícola de 2004/2005, utilizando-se o delineamento experimental de blocos casualizados com duas repetições. Já para o terceiro objetivo, utilizou-se o híbrido BRS 1030, em delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos - sem aplicação; foramsulfuron + iodosulfuron-methyl-sodium (40 g.ha-1); nicosulfuron (20 g.ha-1); mesotrione (120 g.ha- 1) e tembotrione (100 g.ha-1) e duas repetições. As análises químicas foram conduzidas no Laboratório de Qualidade de Grãos do Centro Nacional de Pesquisa de Milho e Sorgo da Embrapa, localizado em Sete Lagoas, MG. Foram quantificados os teores de carotenoides totais (CT), luteína, zeaxantina, β-criptoxantina, α-caroteno, β-caroteno, total de carotenoides precursores de vitamina A (Pro VA), expressos em base seca e fresca (μg.g-1) e produtividade de grãos (kg.ha-1). Os caracteres que mais contribuíram para a diversidade genética entre os cultivares estudados foram luteína e zeaxantina, considerando os dois ambientes de avaliação. Foram obtidas correlações positivas elevadas entre β-caroteno e as variáveis zeaxantina, β-criptoxantina e CT. Porém, apenas zeaxantina apresentou alta correlação e alto efeito direto sobre o β-caroteno. A aplicação de herbicidas nas doses avaliadas não reduziu os teores de carotenoides, embora a composição dos grãos tenha apresentado diferenças para β-caroteno e percentuais de luteína e carotenoides precursores de vitamina A.
The aims of this work were: 1. estimate the genetic diversity among maize cultivars in carotenoids corn grain composition; 2. estimate the genetic correlations and the relations of cause and effect through path analysis and 3. analyze carotenoids levels in maize submitted to different herbicides application. For the first two goals, it was used data from ten maize cultivars grown under different environments in the 2004/2005 growing season, using a randomized complete block design with two replications. As for the third objective, it was used BRS 1030 hybrid, in a completely randomized design with five treatments - without application; foramsulfuron iodosulfuron-methyl- sodium (40 g.ha-1), nicosulfuron (20 g.ha-1), mesotrione (120 g.ha- 1) and tembotrione (100 g.ha-1) and two replications. The chemical analyses were conducted at the Laboratory of Quality of Grain from the National Research Center of Embrapa Maize and Sorghum, located in Sete Lagoas, MG. Total carotenoids (TC), lutein, zeaxanthin, β-cryptoxanthin, α and β-carotenes, total carotenoids precursors of vitamin A (Pro VA), expressed on a dry basis and fresh weight (μg.g-1) and grain yield (kg.ha-1) were evaluated. The characteristics that most contribute to the genetic diversity among cultivars were lutein and zeaxanthin, considering the two evaluation environments. Positive and high correlation was found between β-carotene and the carotenoids zeaxanthin, β-cryptoxanthin and TC. However, only zeaxanthin showed high correlation and high direct effect on β-carotene. The post-emergent herbicides application evaluated did not reduce carotenoids contents, although the corn green composition presented differences for β-carotene and percentage of lutein and pro vitamin A carotenoids.
Palavras-chave: Biofortificação
Zea mays
Carotenóides
Interação genótipo x ambiente
Adaptabilidade
Estabilidade
Biofortification
Zea mays
Carotenoids
Genotype x environment interaction
Adaptability
Stability
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Doutorado em Genética e Melhoramento
Citação: RIOS, Sara de Almeida. Genetic diversity and influence of postemergence herbicides application on the composition of carotenoids in maize. 2010. 65 f. Tese (Doutorado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1308
Data do documento: 11-Jun-2010
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf278 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.