Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1377
Tipo: Tese
Título: Diversidade genética e seleção em palma de óleo (Elaeis oleifera e Elaeis guineensis) no Equador
Título(s) alternativo(s): Genetic diversity and selection in oil palm (Elaeis oleifera e Elaeis guineensis) in Ecuador
Autor(es): Cedillo, Digner Santiago Ortega
Primeiro Orientador: Cruz, Cosme Damião
Primeiro coorientador: Carneiro, Pedro Crescêncio Souza
Segundo coorientador: Resende, Marcos Deon Vilela de
Primeiro avaliador: Santos, Carlos Eduardo Magalhães dos
Segundo avaliador: Tomé, Lívia Gracielle Oliveira
Abstract: Este trabalho teve dois objetivos. O primeiro foi quantificar a diversidade genética entre e dentro de acessos coletados na Amazônia equatoriana. Foram utilizados nove marcadores microssatélites, em 40 plantas oriundas de 16 acessos de E. oleifera. O número de alelos para os nove marcadores variaram de 2 a 5, com um total de 26 alelos, com média de 2,89. O PIC foi de 0,35, indicando que todos os marcadores foram informativos e suficientes para acessar a variabilidade entre e dentro do germoplasma de E. oleifera. Sete dos nove marcadores estavam em EHW, demonstrando que o grupo de acessos analisados apresenta estrutura populacional próxima do pressuposto de EHW, com ampla variabilidade entre plantas, sem efeito de endogamia ou amostragem. As 40 plantas foram agrupadas em sete grupos pelo método de Tocher, e plantas oriundas do mesmo acesso foram reunidas em grupos diferentes, indicando variabilidade dentro dos acessos, pelo método de UPGMA, e confirmada pela análise de variância molecular (AMOVA), com 72% da variação entre plantas dentro dos acessos coletados. Portanto, o germoplasma disponível para fins de melhoramento deve priorizar a variabilidade entre plantas e, para coleta, priorizar a variabilidade dentro das plantas (sementes de cacho que foram polinizadas com pólen de diferentes plantas) em seu ambiente natural. O segundo objetivo foi otimizar o programa de melhoramento do dendê no Equador, com a utilização do método REML/BLUP. Foram testadas 24 famílias de irmãos germanos de Dura x Dura, procedentes de três ensaios, com uma testemunha em cada ensaio e cinco anos de avaliação, sendo avaliadas as características número (NC), peso (PC) e peso médio de cachos (PMC), em delineamento em blocos ao acaso, com 12 plantas por parcela e quatro repetições. A população apresentou variabilidade para as características avaliadas, e o ganho genético das 10 plantas selecionadas representa 43% a mais da média geral. A correlação foi baixa e negativa, e apenas entre NC e PMC, pelo agrupamento de Tocher, foram obtidos seis grupos distintos, em que no grupo IV foram alocadas as famílias selecionadas pelo ranque médio para as três variáveis (3A, 7B e 5C). Cinco medições são necessárias para NC, PC e PMC com eficiência (acurácias acima de 0,.50). Concluiu-se que as estimativas obtidas pelo REML/BLUP estimulam a continuidade do programa de melhoramento genético do dendê, com possibilidade de maximização de ganhos genéticos nas gerações futuras.
The study had two purposes, the first was to quantify the genetic diversity within and between accessions collected in the Ecuadorian Amazon. On the basis of nine microsatellite markers, 40 plants from E. oleifera 16 accessions. The number of alleles for the nine markers varied from two to five, with a total of 26 alleles and a mean of 2.89. The polymorphism information content was 0.35, indicating that all markers were informative and sufficient to access the variability within and between E. oleifera accessions. Seven of the nine markers were in Hardy Weinberg equilibrium (HWE), which shows that the population structure of the analyzed accession group was close to the assumed HWE, with high variability between plants and no inbreeding or sampling effect. The 40 plants were clustered in seven groups by the Tocher method. Seedlings derived from a same accession were grouped separately, indicating variability within the sampled accessions, illustrated by the unweighted pair-group method based on arithmetic averages (UPGMA) and confirmed by analysis of molecular variance (AMOVA),of the total variation, 72% was detected among plants within the sampled accessions. Thus, available germplasm for breeding purposes, the variability between plants should be prioritized and for the collection of E. oleifera germplasm, the variability within plants (seeds of the bunches) in their natural environment. The second purpose was to optimize the oil palm breeding program in Ecuador, we used the REML/BLUP method. Twentyfour families of Dura x Dura full-sib families, developed in three trials were tested, together with one control per test. The evaluation lasted five years and was arranged in a randomized block design with 12 plants per plot and four replications, the traits evaluated were bunch number -BNo, fresh fruit bunch yield- FFBy and average bunch weight - ABWt. The population variability for traits, the genetic gain of the 10 selected plants, was 43% higher than the overall average. The correlation was low and negative only between bunch number and average bunch weight, by Tocher cluster analysis, six groups were formed, and in group IV, families selected by average ranking (3A, 5C and 7B) were allocated. Five annual harvests are required to ensure an accuracy above 0.50. It was concluded that the BLUP estimates are encouraging with a view to a continuous breeding program of oil palm, with the possibility of maximizing genetic gains in future generations.
Palavras-chave: Caiaué
Marcadores microssatélites
Blup
Parâmetros genéticos
Índice de seleção
Caiaué
Microsatellite markers
BLUP
Genetic parameters
Selection index
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Doutorado em Genética e Melhoramento
Citação: CEDILLO, Digner Santiago Ortega. Genetic diversity and selection in oil palm (Elaeis oleifera e Elaeis guineensis) in Ecuador. 2013. 63 f. Tese (Doutorado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2013.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1377
Data do documento: 4-Jun-2013
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf619,37 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.