Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1420
Tipo: Tese
Título: Interação genótipo x ambiente na avaliação genética de búfalos
Título(s) alternativo(s): Genotype x environment interaction on genetic evaluation of buffaloes
Autor(es): Moita, Antonia Kécya França
Primeiro Orientador: Lopes, Paulo Sávio
Primeiro coorientador: Torres, Robledo de Almeida
Segundo coorientador: Euclydes, Ricardo Frederico
Primeiro avaliador: Tonhati, Humberto
Segundo avaliador: Freitas, Ary Ferreira de
Abstract: Registros de produção de leite, de 754 búfalas da raça Murrah, foram utilizados com o objetivo de avaliar o efeito da inclusão da interação reprodutor x rebanho e reprodutor x rebanho-ano nos modelos de avaliação genética, verificar a existência da heterogeneidade de variância entre rebanhos e verificar os efeitos de interação reprodutor x rebanho e reprodutor x rebanho-ano como fatores de ajustamento para variâncias heterogêneas. Os componentes de (co)variância foram estimados pelo método da máxima verossimilhança restrita, utilizando-se seis modelos de características simples, considerando como efeitos fixos estação de parto e rebanho-ano de parto e idade da vaca como covariável (efeito linear e quadrático). Os seis modelos utilizados foram: 1 modelo aditivo, 2 modelo de repetibilidade; 3 modelo aditivo com interação reprodutor x rebanho, 4 modelo aditivo com interação reprodutor x rebanho-ano; 5 modelo de repetibilidade com interação reprodutor x rebanho e 6 modelo de repetibilidade com interação reprodutor x rebanho-ano. A média obtida para produção de leite foi de 1736,66 Kg. Com exceção da inclusão da interação reprodutor x rebanho, as inclusões do efeito de ambiente permanente, ou da interação reprodutor x rebanho-ano no modelo aditivo foram significativas (P<0,06) e (P<0,05) respectivamente. No modelo de repetibilidade somente a inclusão da interação reprodutor rebanho-ano foi significativa (P<0,05). A não inclusão do efeito de ambiente permanente ao modelo aditivo inflacionou as estimativas da variância genética aditiva e da herdabilidade para a produção de leite. A inclusão do efeito da interação reprodutor x rebanho-ano é mais importante do que o efeito da interação reprodutor x rebanho nos modelos de avaliação genética de bubalinos para produção de leite. Os modelos 1, 2, 4 e 6 foram utilizados em análise bi-característica, em que os rebanhos foram classificados em duas classes de desvio-padrão fenotípico para produção de leite, considerando-se cada classe de desvio-padrão como característica diferente. Foi conduzida, também, uma análise unicaracterística, em que foram desconsideradas as classes de desvio-padrão fenotípico, incluindo o efeito da interação reprodutor x rebanho-ano. Nos quatro modelos bi-característica as estimativas de componentes de variância genética aditiva foram maiores na classe de alto desvio-padrão, comparadas às de baixo desvio-padrão. Observou-se que a maioria dos animais selecionados sem estratificação foi selecionada dos rebanhos de alto desvio-padrão. Apesar do aumento nas variâncias aditivas e do erro nas classes de alto desvio-padrão, suas herdabilidades foram menores, com exceção do modelo 2 que apresentou herdabilidade maior para a classe de alto desvio-padrão. A estratificação dos rebanhos de búfalos para produção de leite em classes de alto e baixo desvio-padrão fenotípico corrigiu para a heterogeneidade de variância.
Milk yield records of 754 Murrah buffaloes were used to evaluate the effect of sire x herd and sire x herd-year interactions and to verify the effects of heterogeneity of variance among herds on genetic evaluation. The (co)variance components were estimated by restricted maximum likelihood method using six models in single trait analyses, considering season and herd-year of birth as fixed effects and cow age as covariate (linear and quadratic effects). The following models were used: 1 additive; 2 repeatability; 3 additive with sire x herd interaction; 4 additive with sire x herd-year interaction; 5 repeatability with sire x herd interaction; and 6 repeatability with sire x herd-year interaction. An average of 1736.66 Kg of milk production was obtained. There were significant effects of the inclusion of permanent environment or sire x herd-year interaction on the additive model (P<0.06 and P<0.05, respectively), and sire x herd-year interaction on the repeatability model (P<0.05). The non-inclusion of permanent environment effect on the additive model inflated the estimates of additive genetic variance and heritability for milk yield. The sire x herd-year interaction showed more important than sire x herd interaction on genetic evaluation of buffaloes for milk yield. The models 1, 2, 4 and 6 were used in two-trait analysis, considering two classes of phenotypic standard deviation for milk production as different traits. A single trait analysis was also accomplished, without phenotypic standard deviation classes, including sire x herd-year interaction (model 6). In two-trait analyses, higher estimates of additive genetic variance components were obtained in high than in low standard deviation class. In the model 6 (without classes) the most part of animals selected for milk yield were from high standard deviation herds. Despite the increase of additive and residual variances in the high standard deviation class, their heritability estimates were lower, except for model 2 that showed high estimate in high standard deviation class. The stratification of herds in high and low phenotypic standard deviation for milk yield correct for the heterogeneity of variance.
Palavras-chave: Búfalo
Melhoramento genético
Interação genótipo-ambiente
Genética animal
Buffaloes
Breeding
Genotype-environment interaction
Animal genetics
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::GENETICA E MELHORAMENTO DOS ANIMAIS DOMESTICOS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
Programa: Doutorado em Genética e Melhoramento
Citação: MOITA, Antonia Kécya França. Genotype x environment interaction on genetic evaluation of buffaloes. 2007. 63 f. Tese (Doutorado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1420
Data do documento: 22-Mar-2007
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf206,86 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.