Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/14859
Tipo: Dissertação
Título: Prevalência e fatores associados à síndrome metabólica em portadores de hipertensão arterial na atenção primária a saúde
Metabolic syndrome and associated factors in patients with high blood pressure attended in primary health care
Autor(es): Prates, Mariana Louzada
Abstract: A Síndrome Metabólica (SM) é um transtorno no metabolismo constituída por um grupo de fatores de risco cardiovascular, tais como hipertensão arterial (HA), circunferência cintura aumentada, dislipidemia mista (HDL-colesterol reduzido e triglicerídeos aumentado) e resistência a insulina. Segundo o National Cholesterol Education Program (NCEP), para diagnóstico de SM, o indivíduo deve apresentar, no mínimo, três ou mais dos seguintes fatores de risco cardiovascular: obesidade central, elevação dos triglicerídeos, redução do HDL-colesterol, hipertensão arterial (HA) e intolerância a glicose (NCEP, 2001). A presença de SM está associada a um aumento de chance do individuo desenvolver doença cardiovascular e diabetes mellitus (DM). Apesar desse desfecho, poucos estudos apontam a prevalência da SM entre a população brasileira, especialmente entre a população portadora de HA cadastrada e acompanhada pela Atenção Primária à Saúde (APS). A APS tem importância fundamental frente aos desafios que o mundo contemporâneo tem imposto a saúde dos indivíduos, tais como: mudança no perfil de morbimortalidade dos indivíduos e nos padrões alimentares da população; aumento da prevalência de obesidade/sobrepeso e sedentarismo. Objetivos: avaliar a prevalência e os fatores associados da SM em portadores de HA acompanhados pela APS. Métodos: estudo transversal realizado durante os meses de junho de 2012 a outubro de 2013, com 281 indivíduos portadores de HA cadastrados e acompanhados pela APS no município de Porto Firme, Minas Gerais (MG), Brasil. Os parâmetros investigados foram: pressão arterial, glicemia, lipídeos séricos, hemácias, hemoglobina, circunferência da cintura, índice de massa corporal, taxa de filtração glomerular, microalbuminúria, ácido úrico, uréia. Realizou-se análise multivariada entre a presença de SM e as variáveis explicativas (p<0,20) utilizando o método de eliminação backward por razão de verossimilhança. Resultados: a prevalência encontrada de SM foi de 62,3%, com predomínio entre mulheres (82,9% vs. 17,1%; p<0,001). A análise multivariada revelou uma associação positiva entre presença de SM e ser do sexo feminino e aumento do colesterol VLDL. Observou-se uma elevada prevalência de SM entre os portadores de HA acompanhados na APS, bem como sua associação com o sexo feminino e VLDL-colesterol. Conclusões: os resultados desta dissertação apontam uma elevada prevalência de SM entre os portadores de HA na APS, em especial entre mulheres pós-menopausa. Dada a relevância dos achados e da importância da APS no contexto do cuidado em saúde no país, é necessário que se priorize o acompanhamento por parte das equipes de saúde sobre os portadores de HA.
Metabolic syndrome (MS) is a group of cardiovascular risk factors involving high blood pressure, waist circumference increased, low HDL-cholesterol and increased triglycerides and insulin resistance. The SM was described in the 1988 by Reaven, and claimed as Syndrome X or metabolic syndrome. Besides different cutoff points adopted, its presence is associated with an increased risk of developing cardiovascular disease and diabetes mellitus. However, few studies has showed the prevalence of MS among the Brazilian population, especially among hypertensive subjects (HA) attended in Primary Health Care (PHC). PHC is a milestone in face of challenges of the modern world with increased obesity/overweight and physical inactivity; worsening in dietary patterns; increase in health care costs, it is essential that PHC knows its users different morbidities submitted. Cross-sectional study (June 2012 to October 2013) in a sample of 281 subjects with high blood pressure followed by PHC in Porto Firme, MG. The following measures were taken: blood pressure, plasma glucose, lipid levels, blood hematocrit level, waist circumference, body mass index, glomerular filtration rate, microalbuminuria, uric acid, urea. It was performed a multivariate analyses involving MetS and variables (p<0,2). The prevalence of MetS found was 62,3%, especially, among women (82,9% vc 17,1%, p<0,001). The multivariate analyses revealed a positive association between MetS, female and raised VLDL-cholesterol. A high prevalence of MetS between those attended in PHC, especially among females, suggesting further analyses involving hypertensive subjects in Primary Care in face of chronic conditions. Especially at a time of ideological and political crisis in which the Health System has experienced in recent times coupled with changes in morbidity and mortality profile of the Brazilian population, the different expectations of the population trough health services and the lack of material resources and humans are major current challenges and the future for PHC in Brazil. This study has aimed to collaborate with more information about the SM and sought to advance on the knowledge of the epidemiology of MS among HA patients attended in PHC, in such HA is a serious public health problem and SM a catalyst for cardiovascular disease and DM, as well as a challenge in the field of science in terms of their knowledge, understanding and treatment. These results of this work indicate a high prevalence of MS among patients with hypertension, especially among old female, reinforcing the key role of PHC between non- communicable diseases.
Palavras-chave: Síndrome metabólica
Hipertensão
Cuidados primários de saúde
CNPq: Nutrição
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Citação: PRATES, Mariana Louzada. Prevalência e fatores associados à síndrome metabólica em portadores de hipertensão arterial na atenção primária a saúde. 2016. 53 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Nutrição) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa. 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://www.locus.ufv.br/handle/123456789/14859
Data do documento: 19-Ago-2016
Aparece nas coleções:Ciência da Nutrição

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdftexto completo704,46 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.