Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1696
Tipo: Tese
Título: Estudos de estratégias nutricionais para frangos de corte
Título(s) alternativo(s): Studies of nutritional strategies for broiler chikens
Autor(es): Graña, Alfredo Lora
Primeiro Orientador: Albino, Luiz Fernando Teixeira
Primeiro coorientador: Rostagno, Horácio Santiago
Segundo coorientador: Gomes, Paulo Cezar
Primeiro avaliador: Nogueira, Eduardo Terra
Segundo avaliador: Silva, Marcelo Dias da
Abstract: Três experimentos foram conduzidos com o objetivo de avaliar os efeitos de diferentes estratégias nutricionais sobre os parâmetros de desempenho, rendimento de carcaça, gordura abdominal, filé de peito, concentração de amônia (NH3), retenção e excreção de nutrientes e rendimento econômico em frangos de corte de 1 a 46 dias. Para a realização dos experimentos formularam-se 5 rações para as diferentes fases de criação (1-8, 8-21, 21-33, 33-40 e 40-46 dias de idade). Os tratamentos consistiram: T1 - Ração controle com nível normal de proteína com baixa suplementação de aminoácidos; proteína ideal T2 - Redução protéica das rações mediante a suplementação aminoácidos industriais (proteína ideal); T3 A ração controle com suplementação de fitase; T4 A ração controle com suplementação de minerais inorgânico- orgânicos; T5 Ração em base na proteína ideal com suplementação de fitase e minerais orgânico-inorgânicos. No primeiro experimento foram utilizados 800 pintos de corte machos, da linhagem Coob 500 em galpão. As aves foram distribuídas em blocos casualizados, com 5 tratamentos, 4 blocos contendo 2 repetições por bloco e 20 aves por unidade experimental. Neste experimento se avaliou o desempenho, a carcaça, a gordura abdominal, o filé de peito e a concentração de amônia (NH3). Pode-se concluir que as rações com diferentes estratégias nutricionais (T2, T3, T4 e T5) quando comparadas ao controle (T1), tiveram similar (P>0,05) resultado para os parâmetros de desempenho da mesma forma para o rendimento de carcaça e filé de peito, porém observou-se maior (P<0,05) deposição de gordura abdominal com a ração formulada com teor baixo de proteína (T2 e T5). Todos os tratamentos tiveram efeito quadrático (P<0,05) na concentração de amônia em função da idade, sendo que os tratamentos contendo proteína ideal (T2 e T5) tiveram menor produção de amônia que aqueles com nível normal de proteína (T1,T3 e T4). No segundo experimento foram alojados 400 pintos machos Coob 500 de 1 até 46 dias de idade. As aves foram alojadas em gaiolas de metabolismo e distribuídas em blocos casualizados, com 5 tratamentos, 4 blocos contendo 2 repetições por bloco e 10 aves por unidade experimental. Ao final de cada fase foram retiradas duas aves por unidade experimental, devido à redução do espaço útil por ave. Os resultados aos 21 dias de idade quando comparados ao controle (T1), houve redução (P<0,05) sobre a excreção de N, sendo que a retenção em g/ave foi igual (P>0,05) para o T2 e T5 e maior (P<0,05) para o T3 e T4, a eficiência de retenção de N foi superior para todos os tratamentos. Aos 46 dias de idade tratamentos T2 e T5 reduziram (P<0,05) a excreção de N, foram iguais (P>0,05) na retenção de N em g/ave e na eficiência de retenção quando comparados com T1, entretanto, os outros tratamentos não mostraram diferença no balanço de N. Com relação ao P, houve redução significativa na excreção com os tratamentos T3 e T5, todos os tratamentos tiveram menor (P<0,05) retenção (g/ave) com exceção do T4 que foi maior que o T1, no entanto, quando comparados com T1, todos foram superiores (P<0,05) na eficiência de retenção menos o T2 (P>0,05) que foi igual. Aos 46 dias de idade somente o T3 e T5 diminuíram a excreção e a retenção de P em g/ave, porém foram superiores (P<0,05) na eficiência de retenção quando comparado com o T1. Em função do Ca, aos 21 dias de idade, somente o T3 foi menor (P<0,05) na excreção que o T1, houve menor (P<0,05) retenção em g/ave para o T4 e T5 e igual para o T2 e T3, todos os tratamentos apresentaram a mesma (P>0,05) eficiência de retenção. Aos 46 dias de idade a redução na excreção e a retenção g/ave de Ca foi influenciada (P<0,05) pelo T3 e T5 sendo que houve a mesma (P>0,05) eficiência de retenção para todos os tratamentos em relação ao T1. A excreção de microminerais aos 21 dias de idade quando comparado ao controle, foi maior (P<0,05) no T2 (Zn), e menor (P<0,05) no T3 (Cu e Zn), T4 (Mn) e T5 (Cu, Mn e Zn). Aos 46 dias de idade, os tratamentos T3, T4 e T5 reduziram (P<0,05) a excreção de Mn. Não houve influencia (P>0,05) sobre a excreção do Zn e Cu em todos os tratamentos em relação ao controle (T1). No terceiro experimento, a análise econômica demonstrou que aos 33 dias de idade rações com maior índice de rentabilidade foram do T3 e T5 respectivamente, quando comparados com o controle (T1). No entanto aos 40 e 46 dias de idade além destes dois tratamentos mencionados, a ração com T2, também apresentou maior índice de rentabilidade quando comparada ao controle.
Two experiments were carried to evaluate productive parameters, carcass, abdominal fat, breast fillet yield, ammonia concentration (NH3), retention and excretion of nutrients and economic performance using different nutritional strategies in broiler chickens of 1 to 46 days of age. A random block experimental design was applied, with five treatments of 4 blocks whit 2 replicates for block of 10 birds each. Five different feeds were formulated according to the following rearing phases (1-8, 8-21, 21-33, 33-40, and 40-46 days of age). The following experimental treatments were applied: T1 Basic diet with normal crude protein level and minimum amino acids supplementation ; T2 Dietary protein reduction and supplementation of amino acids on ideal protein basis; 3 Control diet with phytase supplementation; T4 Basic diet with trace mineral supplementation: inorganic-organic sources; T5 Feeding program combining the three nutritional strategies: Dietary protein reduction and supplementation of amino acids on ideal protein basis, phytase supplementation, and inorganic-organic minerals. The first experiment Eight hundred male Cobb 500 broilers were housed in a poultry house. A random block experimental design was applied, with five treatments of 4 blocks whit 2 replicates for block of 20 birds each. In this experiment it was evaluated the performance, the carcass, the abdominal fat, the abdominal fat, the breast fillet yield and ammonia concentration (NH3) It can be conclusion that the diets with different nutritional strategies (T2, T3, T4 and T5) when compared to the control (T1), they had similar (P>0,05) result for the parameters of performance, carcass and breast fillet yields, but T2 and T5 promoted higher (P<0,05) abdominal fat deposition as compared to T1. All treatments had a quadratic effect (P<0.05) on ammonia air levels as a function of age, with lower levels for the diets formulated on ideal protein basis (T2 and T5) as compared to those containing regular protein levels (T1,T3 and T5). The second experiment Four hundred male Cobb 500 broilers were housed from 1 to 46 days of in metabolic cages. A random block experimental design was applied, with five treatments of 4 blocks whit 2 replicates for block of 10 birds each. At the end of each phase, two birds per experimental unit were removed due to bird space reduction. The results to the 21 days of age when compared with control (T1), there was reduction (P <0,05) about the excretion of N, and the retention in g/ave was the similar (P>0,05) for T2 and T5 and high (P <0,05) for T3 and T4, the efficiency of retention of N went superior to all the treatments. At 46 days of age, the treatment T2 and T5 reduced a excretion of N, were similar (P>0,05) in the retention of N in g/ave and in the retention efficiency when compared with T1, however, the other treatments didn't show difference in the balance of N. With respect to P, at 21 days of age, there was significant reduction in the excretion with the treatments T3 and T5, all the treatments had smaller (P <0,05) retention (g/ave) except for the T4 that it was high than the T1, however, when compared with T1, everybody was superior (P <0,05) in the efficiency of less retention the T2 (P>0,05) that was the equal results. At 46 days of age, only the T3 and T5 decreased the excretion and the retention of P in g/ave, even so they were superior (P <0,05) in the retention efficiency when compared with the T1. In function of Ca, to the 21 days, the T3 were only smaller (P <0,05) in the excretion that the T1, there was smaller (P <0,05) retention in g/ave for T4 and T5 and similar for T2 and T3, all the treatments presented the same (P>0,05) retention efficiency. At 46 days of age the reduction in the excretion and the retention g/ave of Ca was influenced (P <0,05) for T3 and T5 and there was the same (P>0,05) retention efficiency for all the treatments in relation to the T1. The excretion of microminerals to the 21 days of age when compared to the control, it was high (P <0,05) in the T2 (Zn), and smaller (P <0,05) in the T3 (Cu and Zn), T4 (Mn) and T5 (Cu, Mn and Zn). At 46 days of age the treatments T3, T4 and T5 reduced (P <0,05) the excretion of Mn. There was not it influences (P>0,05) on the excretion of Zn and Cu in all the treatments in relation to the control (T1). In the third experiment, at 33 days of age, the rations with larger return rates were respectively of T3 T5, when compared with the control (T1). However to the 40 and 46 days of age besides these two mentioned treatments, the ration with T2, also presented larger return rates when compared to the control.
Palavras-chave: Frango de corte
Desempenho
Metabolismo
Proteína ideal
Fitase
Minerais
Broiler chikens
Performance
Metabolism
Ideal protein
Phytase
Minerals
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Doutorado em Zootecnia
Citação: GRAÑA, Alfredo Lora. Studies of nutritional strategies for broiler chikens. 2008. 154 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1696
Data do documento: 8-Jul-2008
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf497,9 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.