Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/1747
Tipo: Tese
Título: Nutrientes funcionais em rações de frangos de corte mantidos em ambiente de alta temperatura
Título(s) alternativo(s): Functional nutrients in the diet for male broilers maintained in high environmental temperature
Autor(es): Vaz, Roberta Gomes Marçal Vieira
Primeiro Orientador: Donzele, Rita Flávia Miranda de Oliveira
Primeiro avaliador: Donzele, Juarez Lopes
Segundo avaliador: Albino, Luiz Fernando Teixeira
Terceiro avaliador: Silva, Francisco Carlos de Oliveira
Quarto avaliador: Oliveira Neto, Adhemar Rodrigues de
Abstract: Mil e duzentos pintos de corte machos da linhagem Cobb foram utilizados em três experimentos para se avaliar, em condições de altas temperaturas, o efeito da suplementação de nutrientes funcionais (cromo orgânico, vitamina C e vitamina E) na ração sobre o desempenho e o rendimento dos cortes nobres. Em cada experimento, foram avaliados cinco tratamentos, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com oito repetições. Os experimentos foram divididos em dois períodos, de 1 a 21 dias e de 1 a 42 dias de idade, utilizando-se dez e sete aves por repetição, respectivamente. Em ambos os períodos do experimento 1, não foi observado efeito significativo dos níveis de cromo orgânico (0, 350, 700, 1.050 e 1.400 ppb) sobre o ganho de peso, o consumo de ração e a conversão alimentar das aves, entretanto, o consumo de cromo aumentou linearmente. No período total, de 1 a 42 dias de idade, também não houve efeito dos tratamentos sobre o desempenho das aves, mas o consumo de cromo foi positivamente influenciado. A suplementação de cromo não influenciou os pesos absoluto e relativo de nenhum dos cortes avaliados. No experimento 2, verificou-se, no período de 1 a 21 dias de idade, efeito da suplementação de vitamina C (0, 100, 200, 300 e 400 ppm) apenas sobre o ganho de peso e o consumo de vitamina C, mas esse efeito não alterou o consumo de ração e a conversão alimentar dos frangos. A conversão alimentar não foi influenciada pela suplementação. No período total, de 1 a 42 dias de idade, houve efeito linear crescente sobre o ganho de peso e o consumo de vitamina C. O consumo de ração e a conversão alimentar variaram de forma quadrática, com ponto mínimo e máximo de 146 e 227 ppm, respectivamente, de vitamina C. Houve efeito linear crescente dos tratamentos sobre os pesos absolutos de peito e de coxa e, ainda, sobre o peso relativo (rendimento, %) de coxa. Não foi observado efeito dos tratamentos sobre o peso absoluto de sobrecoxa e o peso relativo (rendimento, %) de peito e sobrecoxa. No experimento 3, a suplementação de vitamina E (0, 75, 150, 225 e 300 ppm) na fase de 1 a 21 dias de idade não promoveu alteração significativa no consumo de ração dos frangos. Entretanto, teve efeito linear sobre o ganho de peso, a conversão alimentar e o consumo de vitamina E. No período de 1 a 42 dias de idade, foi observado efeito linear sobre todas as características de desempenho (consumo de ração, ganho de peso, conversão alimentar e consumo de vitamina E) e efeito quadrático sobre os pesos absolutos de peito, coxa e sobrecoxa, que melhoraram, respectivamente, até os níveis estimados de 207, 195 e 190 ppm de vitamina E na ração. Não foi observado efeito dos tratamentos sobre os pesos relativos (rendimento, %) de peito, coxa e sobrecoxa. Em frangos de corte machos da linhagem Cobb no período de 1 a 42 dias de idade mantidos em estresse por calor, a suplementação de até 1.400 ppb de cromo na ração não influenciou o desempenho e as características de carcaça. A suplementação de 227 ppm de vitamina C, no entanto, proporcionou melhor resposta de conversão alimentar e a suplementação de até 300 ppm de vitamina E influenciou positivamente o desempenho e as características de carcaça.
A thousand two hundred male broilers of Cobb strain were used in three experiments to evaluate in animals assigned to high temperatures the effect of functional nutrients (organic chromium, vitamin C and vitamin E) on the performance and noble cuts. In each experiment were evaluated five treatments that were distributed in a randomized experimental design with eight repetitions. The experiments were divided in two periods, from 1 to 21 days and from 1 to 42 days using ten and seven birds per repetition respectively. In both of the periods of experiment 1 was not observed a significant effect of the levels of organic chromium (0; 350; 700; 1050; 1,400 ppb) on weight gain food intake and feed:gain ratio while chromium intake increased linearly. In the total period from 1 to 42 days of age also did not have effect of the treatments on the performance of the birds while chromium intake was influenced by positively linear way. The chromium supplementation did not influence the absolute and relative weights of neither of the cuts evaluated. In the experiment 2 was verified that in the period from 1 to 21 days of age had a linear effect of the vitamin C supplementation (0, 100, 200, 300 e 400 ppm) only on weight gain and vitamin C intake but with no effect on food intake and feed:gain ratio of the animals. The feed:gain ratio was not influenced by the supplementation. In the total period from 1 to 42 days of age had a crescent linear effect on weight gain and vitamin C intake. The food intake and feed:gain ratio answered in a quadratic way with the minimum and maximum point of 146 and 226 ppm of vitamin C respectively. Had a crescent linear effect on the absolute weights of breast and thigh and also on the relative weight (yield, %) of the thigh. It was not observed effect of the treatments on absolute weight of drumstick and the relative weight (yield, %) of breast and drumstick. In the experiment 3 the effect of the supplementation of vitamin E (0, 75, 150, 225 and 300 ppm) in the period from 1 to 21 days of age was not significant on food intake of the animals. While had a linear effect on weight gain feed:gain ratio and vitamin E intake. In the period from 1 to 42 days of age was observed a linear effect on all of the performance characteristics (food intake, weight gain, feed:gain ratio and vitamin E intake) and a quadratic effect on absolutes weights of breast thigh and drumstick that increased until the estimated levels of 207, 195 and 190 ppm of vitamin E in the diet respectively. It was not observed effect of the treatments on relative weights (yield, %) of the breast thigh and drumstick. It was conclude that for male broilers of Cobb strain in the period from 1 to 42 days of age and assigned to high temperatures that a supplementation of until 1400 ppb of Chromium in the diet did not influence the performance and the carcass characteristics of male broilers; the supplementation of 227 ppm of vitamin C in the diet showed a better answered of feed:gain ratio and the supplementation of until 300 ppm of vitamin E in the diet influenced positively on performance and carcass characteristics.
Palavras-chave: Ambiente térmico
Nutrição
Aves
Thermal environment
Nutrition
Broilers
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::PRODUCAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Doutorado em Zootecnia
Citação: VAZ, Roberta Gomes Marçal Vieira. Functional nutrients in the diet for male broilers maintained in high environmental temperature. 2006. 64 f. Tese (Doutorado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/1747
Data do documento: 24-Fev-2006
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf373,08 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.