Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/2770
Tipo: Dissertação
Título: Sobrepeso e obesidade em escolares de 7 a 10 anos de idade em Ubá-MG
Título(s) alternativo(s): Overweightness and obesity in 7 to 10-year-old students in Ubá-MG
Autor(es): Ferreira, Sherley
Primeiro Orientador: Tinôco, Adelson Luiz Araújo
Primeiro coorientador: Natali, Antônio José
Segundo coorientador: Oliveira, Tânia Toledo de
Primeiro avaliador: Guedes, Dartagnan Pinto
Segundo avaliador: Marins, João Carlos Bouzas
Abstract: O rápido aumento da prevalência da obesidade infantil é um fator que preocupa por estar associado a vários distúrbios metabólicos, além de ser um forte preditor da obesidade na vida adulta. O objetivo deste estudo foi analisar a ocorrência do sobrepeso e da obesidade e seu impacto em indicadores bioquímicos e de pressão arterial entre escolares de 7 a 10 anos de idade do Município de Ubá, MG. Nesse sentido, realizou-se um estudo de corte transversal nas escolas da rede pública do município. A amostra consistiu de 299 crianças na faixa etária de 7 a 10 anos, sendo 169 (56,5%) do sexo feminino e 130 (43,5%) do sexo masculino. Foram realizadas as medidas antropométricas de peso corporal, estatura, circunferência da cintura e espessuras das pregas cutâneas tricipital e subescapular. De posse desses dados, foram calculados o índice de massa corporal (IMC), a proporção de gordura em relação ao peso corporal (GT%), o peso de gordura e a massa magra. Os indicadores bioquímicos foram realizados mediante a técnica de laboratório, sendo estabelecidos os níveis sangüíneos de glicose, colesterol-total, LDL-colesterol, VLDL-colesterol, HDL-colesterol e triacilgliceróis. Também, foram realizadas medidas de pressão arterial. Mediante a análise dos resultados, constatou-se que 43,5% dos sujeitos analisados eram eutróficos, 32,8% apresentavam sobrepeso e 23,7%, obesidade. Esses dados apontaram que a ocorrência do excesso de peso corporal entre os escolares foi bem elevada, confirmando a gravidade do problema nessa faixa etária. Avaliaram-se a pressão arterial e o perfil bioquímico da subamostra de crianças consideradas obesas (n = 62). Dessas, 29% apresentavam hipertensão arterial, 41,9% níveis aumentados de colesterol total, 46,8% HDLcolesterol diminuído, 14,6% LDL-colesterol elevado e 29,1% triacilgliceróis acima dos limites desejados. Em conclusão, parece ficar evidente a necessidade de políticas públicas no intuito de prevenir e controlar o sobrepeso e a obesidade infantil, mediante ações educativas que venham a conservar e promover a saúde da população jovem e, futuramente, na idade adulta.
The rapid acceleration in the prevalence of child obesity is an alarming factor for being associated with several metabolic disturbances, besides being a strong predictor of obesity in adult life. The objective of the study was to analyze the occurrence of overweightness and obesity and the impact on biochemical indicators and blood pressure in a group of 7- to 10-year-old students in the Municipality of Ubá, MG. In this context, a study of traversal cut was carried out in public schools of the Municipality of Ubá - Mg. The sample consisted of a group of 299 7- to 10-yearold children, being 169 females (56.5%) and 130 males (43.5%). The anthropometric measures of body weight, height, waist circumference and thickness of the tricipital and subescapular skinfolds were taken. These data allowed the calculation of body mass index (BMI), body fat/body weight ratio (BF%), fat weight and lean mass. The biochemical indicators were measured by laboratory techniques, determining blood levels of glucose, total cholesterol, LDL-cholesterol, VLDL-cholesterol, HDLcholesterol and triacylglycerols. Blood pressure measures were also taken. The results showed that 43.5% of the analyzed subjects were eutrophic, 32.8% presented overweight and 23.7% obesity. The data indicate that the occurrence of excess body weight among the students was very high, confirming the severity of the problem in this age group. Blood pressure and biochemical profile were evaluated in a subsample of children considered obese (n = 62). Of those, 29% showed blood hypertension, 41.9% increased levels of total cholesterol, 46.8% decreased HDLcholesterol, 14.6% high LDL-cholesterol and 29.1% triacylglycerols above the threshold limits. In conclusion, it seems evident the need for public policies aiming at the prevention and control of overweightness and child obesity, by means of educational actions that promote the health of the young population and in the future in the adult age.
Palavras-chave: Obesidade
Crianças escolares
Epidemiologia nutricional
Obesity
School children
Nutritional epidemiology
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA::SAUDE PUBLICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis
Programa: Mestrado em Ciência da Nutrição
Citação: FERREIRA, Sherley. Overweightness and obesity in 7 to 10-year-old students in Ubá-MG. 2006. 105 f. Dissertação (Mestrado em Valor nutricional de alimentos e de dietas; Nutrição nas enfermidades agudas e crônicas não transmis) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/2770
Data do documento: 27-Nov-2006
Aparece nas coleções:Ciência da Nutrição

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf527,94 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.