Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/4746
Tipo: Dissertação
Título: Caracterização molecular de linhagens de milho tropical por marcadores microssatélites
Título(s) alternativo(s): Molecular characterization of tropical maize lines by microsatellite markers
Autor(es): Lanes, Éder Cristian Malta de
Primeiro Orientador: Miranda, Glauco Vieira
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Caixeta, Eveline Teixeira
metadata.dc.contributor.advisor-co2: Viana, José Marcelo Soriano
metadata.dc.contributor.referee1: Motoike, Sérgio Yoshimitsu
metadata.dc.contributor.referee2: Cruz, Cosme Damião
Abstract: O conhecimento da diversidade genética (GD) e as relações entre linhagens de milho podem permitir caracterizar o germoplasma e classificar os genótipos em grupos heteróticos distintos, sendo essas informações importantes na escolha de genitores para a obtenção de híbridos com maior heterose e alta produtividade de grãos. Os objetivos deste estudo foram (1) investigar o nível de diversidade genética existente entre as linhagens de milho tropical do Banco de Germoplasma do Programa Milho, (2) estimar o potencial de informatividade dos locos SSRs nas linhagens de milho estudadas e (3) averiguar a presença de alelos exclusivos presentes em grupos de linhagens pertencentes a diferentes empresas de melhoramento. A similaridade genética entre todos os pares de linhagens (ii ) foi calculada pelo índice ponderado, e para o cálculo da medida de dissimilaridade (Dii ) utilizou-se o complemento aritmético (Dii = 1 S ii ). No total, 471 alelos SSR foram identificados, com uma média de 5,81 alelos por loco. O conteúdo informativo de polimorfismo (PIC) foi de 0,5733. A dissimilaridade genética entre as linhagens variou 0,19-0,67, com uma média de 0,49. A análise de agrupamento pelo método de Tocher e UPGMA foi eficiente no agrupamento das linhagens, sugerindo um total de dezoito grupos. A maioria das linhagens esteve condizente com suas origens, embora com algumas discrepâncias. O padrão de agrupamento das linhagens revelou haver uma base genética ampla entre a maioria das linhagens. Uma explicação plausível é que estas foram originadas de grupos heteróticos diferentes. A variabilidade detectada nos grupos formados por meio de locos SSR pode contribuir para a utilização eficaz das linhagens para a exploração da heterose e ampliação da base genética do programa.
Knowledge of genetic diversity (GD) and relationships among maize inbred lines may allow characterization of the germplasm sort the genotypes into distinct heterotic groups, and this information is important in the choice of parents to obtain hybrids with high heterosis and increased grain yield. Our objectives in this study were (1) investigate the genetic diversity among tropical maize inbred lines from the germplasm collection of Maize Program® UFV,(2)estimate the potential informativeness of the SSR loci studied in maize inbred lines and (3) investigate the presence of alleles present in groups of strains belonging to different companies for improvement. The genetic similarity between all pairs of strains (ii ') were calculated by the weighted index, and for calculating the dissimilarity measure (Dii') we used the arithmetic complement (Dii'= 1 - S ii'). In total, 471 SSR alleles were identified, with an average of 5.81 alleles per locus. The average polymorphism information content (PIC) was 0. 5733. The genetic dissimilarity between strains ranged from 0.19 to 0.67, with an average of 0.49. Cluster analysis by the Tocher and UPGMA method was efficient in grouping inbred lines, suggesting a total of eighteen groups. Most of the inbred lines were consistent with its origins, although with some discrepancies. The pattern of groupings of the inbred lines revealed that there is ample genetic base among the majotity of inbred lines. The plausible ample genetic base among the majotity of inbred lines. The plausible explanation is that these were derived from different heterotic groups. The variability detected in the groups formed by SSR loci may contribute to the efficient use of inbred lines for exploitation of heterosis and broadening the genetic base of the program. The variability detected in the small number of groups formed by SSR loci may contribute to the effective use of inbred lines for the exploitation of heterosis and broadening the genetic base of the program.
Palavras-chave: Diversidade
Milho
Microssatélite
Diversity
Maize
Microsatellite
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::MELHORAMENTO VEGETAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
metadata.dc.publisher.department: Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Genética e Melhoramento
Citação: LANES, Éder Cristian Malta de. Molecular characterization of tropical maize lines by microsatellite markers. 2010. 46 f. Dissertação (Mestrado em Genética animal; Genética molecular e de microrganismos; Genética quantitativa; Genética vegetal; Me) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2010.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/4746
Data do documento: 27-Jul-2010
Aparece nas coleções:Genética e Melhoramento

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf787,24 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.