Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://locus.ufv.br//handle/123456789/5575
Tipo: Dissertação
Título: Dinâmica de degradação in vitro da fibra em detergente neutro de capim-braquiária em função de suplementação com diferentes níveis e fontes de compostos nitrogenados
Título(s) alternativo(s): In vitro degradation dynamics of neutral detergent fiber of signal grass according to supplementation with different levels and sources of nitrogenous compounds
Autor(es): Zorzi, Karina
Primeiro Orientador: Queiroz, Augusto César de
Primeiro coorientador: Detmann, Edenio
Segundo coorientador: Paulino, Mário Fonseca
Primeiro avaliador: Mâncio, Antonio Bento
Segundo avaliador: Mantovani, Hilário Cuquetto
Abstract: Efetuaram-se dois experimentos in vitro com o objetivo de avaliar a dinâmica de degradação in vitro da fibra em detergente neutro (FDN) de forragem tropical de alta e baixa qualidade em função da suplementação com diferentes níveis e fontes de compostos nitrogenados. Nos dois experimentos utilizou-se como fonte de proteína verdadeira a caseína e de nitrogênio não-protéico a mistura uréia:sulfato de amônia (U:SA; 9:1). No experimento 1, objetivou-se avaliar a dinâmica de degradação in vitro da FDN de forragem tropical de alta qualidade em função da suplementação com compostos nitrogenados. Utilizou-se como forragem basal amostra de capim-braquiária, colhida durante a estação chuvosa. Os três primeiros tratamentos constituíram da adição dos níveis 0,5, 1,0 e 2,0 mg de caseína por mL de solução final de incubação. Para inclusão da mistura U:SA, considerou-se a adição ao meio da mesma quantidade de equivalentes protéicos fornecidos pelos níveis 0,5, 1,0 e 2,0 mg/mL de caseína. No total, sete foram os tratamentos avaliados, incluindo-se um tratamento controle (somente forragem). Os tratamentos foram avaliados em ambiente ruminal simulado por incubação in vitro, sendo submetidos a diferentes tempos de incubação: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72 e 96 horas. O procedimento foi repetido quatro vezes, perfazendo o total de quatro avaliações por tempo de incubação para cada tratamento. Os resíduos de incubação foram avaliados quanto ao teor de FDN e interpretados por intermédio de modelo logístico não-linear. Verificou-se que a suplementação com caseína, no nível 0,5 mg/mL, ampliou em 1,1% a taxa de degradação da FDN potencialmente degradável (kFDNpd). Para os níveis 1,0 e 2,0 mg/mL produziu-se efeito inibitório sobre as estimativas deste parâmetro em comparação ao tratamento controle (-6,4 e -9,1%, respectivamente). Por outro lado, a adição isolada de uréia ao meio, independentemente do nível de suplementação, ampliou kFDNpd, sendo observado acréscimo médio de 7,6%. A concentração de nitrogênio amoniacal (NA) no meio foi elevada pela suplementação. Contudo, a suplementação com uréia, mesmo baseada nos mesmos níveis de proteína bruta (PB) utilizados com a suplementação com caseína, conferiu valores superiores de NA ao meio de incubação. No experimento 2 objetivou-se avaliar a dinâmica da degradação in vitro da FDN de forragem tropical de baixa qualidade em função da suplementação com compostos nitrogenados em diferentes relações proteína verdadeira:nitrogênio não-protéico. Os procedimentos de avaliação foram similares ao experimento 1, utilizando-se contudo amostra de capim-braquiária colhida durante a estação seca como forragem basal. O procedimento de incubação foi repetido três vezes, totalizando três avaliações por tempo de incubação para cada tratamento. O tratamento base para a definição dos demais foi constituído da adição de caseína ao meio de incubação de forma a elevar-se o teor de PB da forragem basal ao nível de 8%, com base na matéria seca. Os tratamentos constituíram-se da substituição fracional (0, 1/3, 2/3 e 1) da PB oriunda da caseína por PB oriunda da mistura U:SA, acrescendo-se o tratamento controle (forragem). Verificou-se que a suplementação protéica elevou em 56,8 a 96,0% a kFDNpd em comparação ao tratamento controle e causou redução de 4,5 a 7,4 horas sobre as estimativas de latência discreta. Observou-se que a utilização exclusiva de uréia elevou em 15,9% a estimativa de kFDNpd em relação à suplementação exclusiva com caseína. Contudo, a avaliação do perfil de substituição permitiu evidenciar valores máximos de taxa de degradação e eficiência microbiana sob a relação 2/3 U:SA:1/3 caseína.
Two experiments in vitro were carried out to evaluate the in vitro degradation dynamics of neutral detergent fiber (NDF) of high and low-quality tropical forage according to supplementation with different levels and sources of nitrogenous compounds. In the two experiments casein was used as true protein source and the mixture urea: ammonium sulfate (U:AS, 9:1) was used as non-protein nitrogen source. At the first experiment, it was evaluated the in vitro degradation dynamics of NDF of high-quality tropical forage according to supplementation with nitrogenous compounds. A sample of signal grass, taken from a pasture during rainy season, was used as basal forage. Three treatments were defined by the levels of casein in final incubation solution: 0.5, 1.0 and 2.0 mg of casein/mL. The U:AS was included in the medium to form another three treatments, such the protein equivalents were the same that defined for casein supplementation. A treatment containing only forage was used as a control. The treatments were evaluated by an in vitro incubation procedure. The incubation times were: 0, 3, 6, 9, 12, 24, 36, 48, 72 and 96 hours. The incubation procedure was repeated four times. The incubation residues were evaluated for NDF, followed by the adjustment of a logistic non-linear model. The casein supplementation at the level of 0.5 mg/mL increased the degradation rate of potentially degradable NDF (kpdNDF) (+1.1%). However, supplementation with 1.0 and 2.0 mg/mL decreased the estimates of this parameter compared to control treatment (-6.4 and -9.1%, respectively). On the other hand, supplementation with urea caused a average increment of 7.6% on kpdNDF estimates. The concentration of ammonia nitrogen (AN) was higher with the supplementation. However, the urea supplementation, at the same levels of casein supplementation, produced higher AN levels in the incubation medium. At the second experiment, it was evaluated the in vitro degradation dynamics of NDF of low- quality tropical forage according to supplementation with nitrogenous compounds at different rations true protein:non-protein nitrogen. The experimental materials and procedures were such as in the first experiment, however a sample of signal grass taken from a pasture during dry season was used as basal forage. The incubation procedure was repeated three times. The reference treatment was defined through addition of casein in the incubation medium, such that the crude protein (CP) level of the basal forage was raised to 8.0%, as dry matter basis. In this way, the treatments were defined from fractional replacement of CP from casein by CP from U:AS (0, 1/3, 2/3 and 1). A treatment containing only forage was used as a control. The protein supplementation increased from 56.8 to 96.0% the kpdNDF compared to control treatment. At same time, the supplementation reduced the discrete lag time (-4.5 to -7.4 hours). The total replacement of casein by urea caused an increase of 15.9% on kpdNDF. However, the evaluation of replacement profile indicated that maximum estimates of degradation rate and microbial growing were obtained on 2/3 U:AS: 1/3 casein ratio.
Palavras-chave: Caseína
Uréia
Capim-braquiária
Casein
Urea
Brachiaria decumbens
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA::NUTRICAO E ALIMENTACAO ANIMAL
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Viçosa
Sigla da Instituição: UFV
Departamento: Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul
Programa: Mestrado em Zootecnia
Citação: ZORZI, Karina. In vitro degradation dynamics of neutral detergent fiber of signal grass according to supplementation with different levels and sources of nitrogenous compounds. 2008. 51 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Animais Domésticos; Nutrição e Alimentação Animal; Pastagens e Forragicul) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://locus.ufv.br/handle/123456789/5575
Data do documento: 26-Fev-2008
Aparece nas coleções:Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
texto completo.pdf835,85 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.